ColunistaDestaquesFórmula EPost

Race At Home Challenge: começou o campeonato virtual da Fórmula E

Teve início neste sábado, 18 de abril, o Race At Home, campeonato virtual da Fórmula E. A iniciativa vinha sendo cobrada pelos fãs da categoria, tendo em vista a realização de eventos virtuais de outras competições como Fórmula 1, MotoGP, Nascar, etc. O Desafio foi anunciado na última terça-feira, 14/04, numa coletiva de imprensa online. 

Como tudo o que a Fórmula E propõe, o Race At Home não possui atrações apenas para fins de entretenimento: o principal objetivo das corridas é angariar fundos que serão doados ao UNICEF, Fundo das Nações Unidas para Infância e Juventude, com quem a Fórmula E recentemente anunciou parceria.

Além da competição entre equipes e pilotos oficiais, também será realizado um campeonato paralelo chamado “Challenger” (Desafiantes), nele pilotos de automobilismo virtual, de categorias de base e até mesmo amadores competirão pelo prêmio de pilotar um carro real da Fórmula E quando as corridas puderem ser realizadas novamente. Ah! E sim, você de casa poderá disputar uma vaga para as próximas etapas, as regras serão anunciadas em breve. 

Os dois campeonatos possuem as mesmas regras:

  • Corridas disputadas no rFactor2;
  • Equipamento com a mesma configuração para todos (playseat Sensation Pro BlackPC; monitor & peripherals ASUS/Republic of Gamers; wheel & pedals Fanatec – Podium Wheel Base DD1; Clubsport Steering Wheel Formula V2; Clubsport Pedals V3;
  • Pontuação oficial da Fórmula E (não aplicada para a etapa de abertura, por ser um evento teste)
  • Qualificação com sistema de grupos e uma volta lançada apenas. Sem Super Pole;
  • Corridas de 15 minutos no modo Battle Royale, em que o último colocado é eliminado da prova a cada volta até sobrarem apenas 10 competidores. No caso dos “Desafiantes”, esses 10 estão automaticamente garantidos para a próxima etapa;
  • Etapa final com pontuação dupla.

A primeira etapa foi disputada no circuito de Mônaco:

lll DESAFIANTES

A etapa inicial foi vencida por Graham Carroll, o britânico de 29 anos correu pela Envision Virgin e já é conhecido no meio de automobilismo virtual por já ter competido para a Red Bull em algumas ocasiões. Completaram o pódio Kevin Siggy (BMW) e Marc Gessner (Nissan).

O grid largou como mostram as imagens abaixo e contou com alguns nomes fortes das corridas virtuais, com especificidades do tipo Kai Bachini que tem apenas 12 anos de idade e Charlie Martin, pilota transgênero que busca visibilidade para a causa. Além de outros bem conhecidos no automobilismo real, entre eles, Dani Juncadella, James Rossiter e Joel Eriksson. 

lll FORMULA E

De todo o grid oficial da Fórmula E, apenas Sam Bird, Sebastien Buemi e Pascal Wehrlein não participaram da primeira etapa do Race At Home. Eles foram substituídos por Nick Cassidy, Jann Mardenborough e Sam Dejonghe, respectivamente.

A Pole Position ficou Max Guenther com o tempo de 51.608 e apenas 0.4 à frente de Stoffel Vandoorne. Andre Lotterer largou na 3ª posição. Edoardo Mortara participou do treino classificatório, mas teve problemas no equipamento e acabou não disputando a corrida.

Felipe Massa largou em 7º, mas se envolveu em acidentes, perdeu posições e acabou sendo eliminado na volta 7. O líder do campeonato, Antonio Félix da Costa se classificou em 11º, mas rodou duas vezes e teve que deixar o jogo logo após Felipe Massa. Já Lucas di Grassi, largou apenas da 20ª posição, o brasileiro até consigiu subir no grid, mas chegou apenas à 10ª volta. 

Destaque para Ma Quinghua que saiu da corrida em um honroso 13º lugar. James Calado conseguiu ser punido por cortar a chicane em disputa com o Ma e punido, mas como estava em último, foi eliminado logo após o chinês.

Oliver Turvey conseguiu o décimo lugar e um ponto para a Nio e Nico Müller levou a Dragon ao 5º lugar. A Nissan foi a única equipe que teve os dois carros entre os 10 primeiros. 

Max Guenther venceu a corrida com Vandoorne em segundo e Lotterer em terceiro. Vandoorne ainda fez a volta mais rápida: 51.881. 

Momentos divertidos na entrevista pós-corrida: Guenther pegou seu boné Michelin de vencedor e Max, o cachorro de Andre Lotterer, fez uma aparição especial na transmissão.

A próxima etapa será disputada no próximo sábado no circuito de Hong Kong.

E se você quiser participar da campanha e doar para o UNICEF é só clicar aqui.

Confira os melhores momentos da etapa no vídeo abaixo:

O evento completo está no canal da Fórmula E no Youtube.

Etiquetas
Mostrar mais

Cinthia Maria

Cinthia Venâncio comenta zoeiramente a Fórmula 1 desde os sete anos de idade e nas horas vagas é profissional de marketing, fotógrafa, doceira, redatora e revisora. Como todo bom cearense, nunca diz não a um baião de dois com queijo coalho e carne de sol. Aprecia rock do bom, não tem vergonha de dizer que não é fã do Tarantino e sempre é a motorista da rodada. Geralmente esquece o que não deveria

Deixe uma resposta

Artigos relacionados

Fechar