Kyle Larson é suspenso da Nascar após fala racista durante corrida virtual

Sharing is caring!

Algumas coisas não devem ser toleradas na nossa sociedade. O racismo é uma delas, a forma como várias pessoas ainda tem isso arraigado e utilizam palavras e expressões no seu dia-a-dia, acaba provando que muitos não se dão conta do quanto é errado.

Quem trabalha utilizando as palavras, sabe o quanto cada uma delas tem poder, mas Kyle Larson não teve esse cuidado. O piloto da Nascar, pela equipe Chip Ganassi, perdeu o emprego e todos os patrocinadores por usar um termo racista durante os treinos para uma corrida virtual.

O piloto disse ao spotter “Can you hear me, nigger?”, algo perto de “Você pode me ouvir, negro?”, a fala realmente repercutiu mal, mas não era para menos, pois além de ser um termo altamente racista na língua inglesa, não deveria ser falado por ninguém.

Se está pratica já estava em sua fala de forma constante é possível ver que quem trabalhava sua imagem não deixava escapar sinais dos preconceitos do piloto.

Nesta segunda-feira (13), a Chip Ganassi suspendeu o pagamento do salário e declarou que as palavras de Larson são “ofensivas e inaceitáveis”. Pouco depois foi a vez da categoria americana dizer que não tolera este tipo de linguagem usada pelo piloto, suspendendo o competidor.

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

shares