Mercedes “dificulta a brincadeira” e pode ter vantagem com o sistema novo do volante

Sharing is caring!

A “permissão” para entrar nos testes de pré-temporada, foi dada quando a Fórmula 1 optou por divulgar o que ocorre nesses dias de atividade na pista, são oito horas de trabalho intenso e equipes testando diversos componentes, desta forma também serviu para descobrir o que eles testam de novo.

Nesta manhã o olhar foi direcionado para o carro da Mercedes, o W11 guiado por Lewis Hamilton apresenta um ajuste no volante, o inglês foi visto fazendo o movimento de vai-e-vem com o volante e desta forma as possibilidades passaram a ser comentadas.

Este sistema pode servir para reduzir o stress dos pneus, resfriando-o em retas longas, o que daria vantagem para o time em pistas especificas e ajudaria a sanar o problema que eles podem ter com os compostos. Alguns falam na convergência da suspensão, para melhorar o ataque do time nas curvas.

 

Nos próximos dias o sistema e sua atuação devem ficar mais claros, no entanto se ele for realmente o que se especula daria uma vantagem muito maior para a Mercedes. O próximo passo vem quanto a verificação do sistema, para atestar se ele é legal ou não, além disso existe o fator segurança que poderia barrar a sua utilização.

<

p style=”text-align: justify;”>Como o regulamento de 2019 para 2020 não teve uma modificação tão grande faz com que as equipes encontrem brechas para levar alguma vantagem. O regulamento de 2021 ainda está trabalhando e pode sofrer alterações caso seja encontrado brechas, eles ainda querem dar mais autonomia para a FIA e Fórmula 1, possibilitando a mudança do regulamento ao longo do ano, para evitar que equipes maiores possam levar vantagem em cima das outras.

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

shares
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com