ColunistaFórmula 1Post

ANÁLISE: Red Bull na ponta dos testes, a busca por intimidar os adversários

Por liderar dois dias de testes e apresentar bons tempos de volta, alguns apostam que a Red Bull conseguiu diminuir a diferença para a Mercedes

Certamente a Red Bull será um dos times que mais vai gerar questionamentos nos próximos dias. Eles lideraram dois dias de atividade, tiveram um cronograma extenso de testes, completaram 369 voltas e não demostraram nenhum problema. Para reforçar a curiosidade, a AlphaTauri, que também utiliza os motores da Honda fechou o terceiro dia na segunda posição com Yuki Tsunoda.

Certamente eles são os mais empolgados para a temporada e querem demostrar que tem um bom desempenho para os seus adversários. O objetivo da Red Bull é focado na conquista do campeonato de construtores, por isso esteve tão voltada para o desenvolvimento do RB16B, tentando diminuir a sua distância para a maior rival no campeonato, a Mercedes. O seu maior desejo é se aproximar do time alemão e de fato intimidá-los, tornando a disputa mais real. Em 2020 durante o GP de Abu Dhabi o seu potêncial chamou a atenção, mas a história é longa pois durante a temporada, Verstappen já estava tirando vários pontos da Mercedes, só por abocanhar o segundo lugar no pódio em várias corridas.  

Red Bull – Foto: Red Bull Racing

Resta saber se Sergio Pérez vai conseguir se adaptar a Red Bull rapidamente, o tempo que ele levar para se acostumar pode interferir mais uma vez na performance do time no campeonato.  Max Verstappen deve seguir como a referência para o time já que está acostumado com a forma como a RBR produz os seus carros. Eles são considerados uma das duplas mais fortes da temporada, então potencial para a conquista de pontos eles têm.

A Red Bull precisa avançar no campeonato e ficar mais colada na disputa para a primeira posição – algo como fez em 2020 – pois o que se vê, e pode-se tomar como base, é o fato do meio do pelotão deste grid 2021 da F1 buscar a intimidação dos maiores. Equipes que lutam para tirar pontos dos adversários, para se sustentar em suas disputas particulares. A Red Bull precisa intimidá-los antes, nada melhor do que terminar como líder na tabela de tempos.

O time austríaco aparenta ter fornecido programas semelhantes para os pilotos, principalmente no último dia de atividades. O mexicano fechou a atividade da manhã na liderança, enquanto o holandês assumiu a ponta no final da tarde.

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados