ColunistaDestaquesFórmula 1Post

Sete equipes de Fórmula 1, se unem para Projeto Pitlane, auxiliando no tratamento do COVID-19

Conforme confirmado pelo governo do Reino Unido, sete equipes da Fórmula 1 com sede no Reino Unido, vão unir forças para auxiliar na fabricação de dispositivos médicos, para o tratamento do COVID-19.

O esforço delas vai ser chamado de “Projeto Pitlane”, as equipes vão utilizar a sua tecnologia para fabricar e fornecer dispositivos respiratórios para atender a necessidade deste momento. A ideia é reunir recursos e a capacidade dos membros das equipes da melhor forma possível. A medida foi tomada, por conta dos esforços estão e habilidade da indústria da F1, com design rápido, fabricação de protótipos e teste com margem qualificada. A categoria sempre respondeu de forma rápida aos avanços tecnológicos.

As equipes vão trabalhar com três frentes, a produção de dispositivos médicos já existentes, auxiliar com a produção de respiradores do consórcio VentilatorChallengeUK e em design e fabricação de protótipos de novos dispositivos, para que a aprovação e produção posa ser iniciada.

Os times que vão participar do Projeto Pitlane são: Red Bull Racing, Racing Point, Haas, McLaren, Mercedes, Renault e Williams.

Etiquetas
Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados

Fechar