Fórmula 1

PT2.Ep.2 – Ferrari forte, Mercedes modo padrão alemão de qualidade e a McLaren da sofrência!!!

Com o tempo anotado na parte da manhã 1:19:726, Felipe Massa é o mais rápido do quinto dia de treinos em Barcelona. Além da marca alcançada pelo piloto, o número de voltas também surpreendeu, foram 168 ao final da sessão. Daniel Ricciardo foi o segundo mais veloz do dia com 1:19:900 e completou 89 voltas na pista de pneus ultramacios (faixa roxa). Sebastian Vettel da Ferrari se igualou ao número de voltas de Felipe Massa e ficou com o terceiro melhor tempo 1:19:906 com pneus macios (faixa amarela) ficou apenas 006 atrás de Ricciardo, melhorando o tempo do treino da manhã, a Ferrai buscava testar a performance do SF70H.

A tarde foi marcada pela troca dos pilotos que assumiriam os carros, entre eles Hamilton deu a vez para Bottas, Marcus Ericsson assumiu o lugar de Pascal Wehrlein e Nico Hülkenberg substituiu Jolyon Palmer. A dupla da Mercedes focou em uma simulação de corrida, acabaram ficando com a quarta (1:20:456) e a quinta (1:20:924) colocação ao final do dia com um total de 135 voltas.

Esteban Ocon da Force India totalizou 142 voltas ao final do dia e ficou com o sexto melhor tempo (1:21:347). Logo atrás na sétima posição Nico Hulkenberg (1:21:589) foi o responsável por guiar a Renault, Jolyon Palmer não retornou a pista após o time ter que substituir o motor do RS17. A sessão se encerrou com Hulkenberg parado na pista e a bandeira vermelha.

A Haas ainda é uma equipe que não se firmou e ainda é impossível dizer como será o desempenho dela na temporada de 2017, mas não teve nenhum problema hoje. Kevin Magnussem ficou no comando da Haas durante as duas sessões, acabando na oitava posição (1:21:676) e dando 81 voltas na pista. A equipe Toro Roso ainda está enfrentando problemas com o motor Renault. Hoje completaram 83 voltas com Daniil Kvyat, mas o tempo ainda não foi dos melhores ficou apenas com o nono tempo (1:21:743).

A McLaren precisou fazer a troca de mais um motor Honda na parte da manhã o quinto da temporada, em função de uma falha elétrica. O carro foi concertado mas Stoffel Vandoorne somente retornou para a pista perto do encerramento dos testes, marcando um total de 80 voltas e terminando o dia em décimo lugar.

A Sauber ainda continua se arrastando, hoje Pascal Wehrlein ficou com o décimo primeiro tempo 1:23:336 e deu 47 voltas na pista, seguido por Marcus Ericsson com o tempo de 1:23:630 e 53 voltas, juntos os pilotos somaram 100 voltas na pista ao final da sessão.

Os carros vão retornar a pista nesta quarta-feira.

Fonte: @F1
Fonte: @F1
Fonte: @F1
Fonte: @PirelliSport
Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados