ColunistaFórmula 1Post

Para ter mais desempenho, Ferrari aposta em atualização do motor

Na busca com uma segunda metade de campeonato melhor, Ferrari apresenta mudança de componentes para o motor

A Ferrari tinha informado em junho que estava mudando o seu foco para o desenvolvimento do carro de 2022, mas agora a equipe informa que Carlos Sainz e Charles Leclerc vão contar com mais desempenho para o restante da temporada 2021.

O chefe da equipe italiana, Mattia Binotto informou que a unidade de potência apresentará uma performance melhor nesta segunda parte da temporada pois uma atualização será realizada no segundo semestre. Os fabricantes de motores estão cumprindo restrições de atualização neste ano, seguindo o regulamento, mas a Ferrari estava operando a sua unidade de potência com algumas peças de especificações da temporada 2020.

Por conta da pandemia e para conter os gastos, os motores tiveram a sua evolução contida, mas o regulamento permitia realizar uma mudança em cada componente do motor. As fornecedoras optaram por iniciar a temporada já com as mudanças, mas a Ferrari seguiu com as algumas partes do motor da temporada anterior.

“Teremos desenvolvimento da unidade de potência. Para esclarecer os regulamentos para 2021, você pode ter uma unidade de potência totalmente nova em 2021. Isso significa que você pode trazer uma atualização em todos os componentes da unidade de energia – o ICE, turbo, MGU-H, baterias, MGU-K etc.”

“O que fizemos no início da temporada, não concluímos todo o desenvolvimento da unidade de potência, então ainda há componentes que são os do ano passado. Traremos uma evolução desses. Isso será para nós, um passo significativo para o final da temporada. Mas o mais importante para nós, será a experiência para 2022”, disse Binotto.

A Ferrari vai apresentar atualizações do Motor – Foto: reprodução Ferrari

A Ferrari não deixou claro quando a atualização será introduzida, mas ela pode acontecer para o GP de Monza, onde a equipe estará correndo em casa.

Depois do incidente no GP da Hungria, onde Charles Leclerc foi acertado por Lance Stroll, a equipe já informou que aquela unidade de potência ficou arruinada. Próximas mudanças devem vir acompanhadas por penalidades.

“O objetivo é melhorar em todas as áreas. Se formos capazes de fazer isso, melhorando continuamente, acho que o resultado será o terceiro lugar”, afirmou Binotto.

LEIA MAIS: Com início forte, Carlos Sainz busca melhorar desempenho para restante da temporada

Atualmente a Ferrari é a terceira colocada no campeonato de construtores, contando com 163 pontos e estão empatados com a McLaren. Quando informaram em junho o foco no desenvolvimento do carro do próximo ano, a equipe tinha informado que não estava fazendo as coisas pensando no campeonato de construtores de 2021, mas tentando melhorar o equipamento e evitando falhas para o próximo ano.

“Ser o terceiro é certamente um objetivo positivo. Estamos em terceiro no momento, empatados, mas em terceiro. A equipe está indo bem e estamos melhorando. Acho que podemos alcançá-lo, sem dúvida. Mas tem que ser uma consequência de nós melhorarmos em todas as áreas.”

Com os últimos resultados, a Ferrari não deve renunciar ao terceiro lugar, batalhando mais ferozmente pela conquista de pontos.

Escute o nosso podcast!

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados