ColunistaFórmula 1Post

Kvyat pede para que atletas não sejam punidos por conta dos ataques da Rússia à Ucrânia

Várias medidas começaram a ser tomadas após o início dos conflitos. Os atletas russos devem ficar sem participar de competições nos próximos meses

O ex-piloto de Fórmula 1 Daniil Kvyat se manifestou sobre a invasão da Rússia à Ucrânia, o piloto também aproveitou para pedir que os atletas e equipes russas não passem por punições.

Nesta terça-feira (01) a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) convocou uma reunião para conversarem sobre a situação na Ucrânia. Ela está acontecendo após as autoridades de automobilismo da Ucrânia pedirem o banimento de atletas russos e bielorrussos.

Em sua publicação no Instagram que depois seguiu para as outras redes sociais, Kvyat disse: “Eu realmente espero uma solução pacífica para esta situação na Ucrânia e que todos possam vivem em paz. Espero que todas as partes possam encontrar uma solução sentando-se juntas e por meio de um diálogo respeitoso. Me sinto horrorizado vendo duas nações irmãs em conflito.”

“Não quero que as ações militares e guerra influenciem o futuro da humanidade. Quero que a minha filha e todas as crianças desfrutem de um belo mundo”, seguiu Kvyat.

O Comitê Olímpico Internacional também recomendou na segunda-feira que as Federações Esportivas Internacionais não fizessem convites ou permitissem que atletas russos e bielorrussos possam participar ou competir de eventos. A FIA faz parte destas federações reconhecidas pelo COI.

Kvyat seguiu a sua mensagem falando exatamente sobre o esporte. “Também gostaria de destacar e abordar todas as federações esportivas em todo o mundo incluindo o COI, que o esporte deve permanecer fora da política e proibir atletas e equipes russas de participar de competições mundiais é uma solução injusta e vai contra o que o esporte ensina. O seu princípio, a unidade e paz. Quem mais, senão nós, esportistas, ajudaremos a unir as nações no futuro.”

LEIA MAIS: FIA convoca reunião para discutir crise na Ucrânia

Quando falamos das sanções impostas a Rússia, é inevitável não misturar o esporte com a política. Kvyat foi confirmado para fazer parte da equipe russa G-Drive Racing, o time competirá no Campeonato Mundial de Endurance da FIA.

Dependendo do que for decidido na reunião, a equipe não poderá participar do campeonato, assim como Kvyat e outros pilotos russos que estão cadastrados em outras competições.

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados