ColunistaFórmula 1Post

Times buscam aumentar o peso mínimo dos carros de 2022

Chegar ao peso mínimo se tornou um desafio para os times na temporada 2022, apenas McLaren e Alfa Romeo estariam dentro do regulamento atual

O peso mínimo dos carros de Fórmula 1 passaram a ser discutidos, principalmente após a primeira fase de testes em Barcelona. Cerca de oito equipes estão passando por este problema, mesmo com o aumento de 43 kg que foram acrescentados para este ano.

O regulamento do ano passado aumentou de 752 kg para 795 kg em 2022. Este peso é obtido sem contar com o combustível, com os pneus de pista seca. Já sabemos que neste ano os pneus que serão fornecidos pela Pirelli também são extremamente pesados.

A Alfa Romeo e McLaren seriam as únicas equipes dentro do peso de 795 kg, mas os times não querem ser ‘penalizados’ já que outras equipes não conseguiram o peso ideal. A Red Bull seria o pior caso, como comentou Helmut Marko: “O único problema que temos é com o peso do carro. Mas todos os times sofrem com isso. Que bom que o peso mínimo foi aumentado, mas ainda teremos muito trabalho a fazer antes da primeira corrida”, informou o austríaco à Motorsport-Magazin.

Obviamente está é uma questão complicada para os times, mas ao se deparar com um regulamento tão novo, é natural que coisas deste tipo aconteçam e se tornem um grande desafio para as equipes. A Mercedes e a Red Bull já haviam informado que na pré-temporada do Bahrein estariam na pista com um carro praticamente novo.

McLaren e Alfa Romeo são os times que chegaram mais perto do peso mínimo – Foto: reprodução

Inicialmente os carros teriam o peso mínimo de 775kg, um aumento de 23kg, mas que eram pensados principalmente por conta do aumento do peso das rodas de 18 polegadas que também estão sendo introduzidas neste ano. Depois pelas questões de segurança, passou a ser de 795kg. Agora existe uma pressão das equipes para que ele aumente um pouco mais.

Ainda não foi oficializado, mas a FIA pode concordar com mais um aumento para esta temporada, um acréscimo de 3kg, desta forma eles atingem 798kg para este ano. Não seria o peso suficiente para que muitas equipes atingissem o peso mínimo, mas é algo que eles poderiam tentar resolver nesta semana de testes no Bahrein.

O peso dos carros da Fórmula 1 mudaram ao longo do tempo, tentando se adequar as novas tecnologias para melhorar a performance, assim como todos os apetrechos necessários para garantir mais segurança. O aumento do peso, também faz com que os carros se tornem um pouco mais lentos, mais ainda do que já era esperado para este ano.

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados