ColunistaFórmula 1Post

Piastri é confirmado como piloto reserva da Alpine para a temporada 2022

Oscar Piastri vai permanecer com a Alpine, mas agora na função de piloto reserva da equipe, ajudando no desenvolvimento do time

O atual líder da Fórmula 2 estará de fora da temporada 2022 da Fórmula 1, mas Oscar Piastri foi confirmado como piloto reserva da Alpine para a temporada 2022. O australiano está disputando diretamente com Guanyu Zhou para se tornar campeão da temporada 2022 da categoria de base.

A Alfa Romeo era a única equipe do grid da Fórmula 1 onde ainda em novembro eles não tinham definido um dos assentos. Entretanto, a Alfa Romeo não aguardou a conclusão do campeonato da Fórmula 2 para anunciar a sua decisão, optaram pela contratação de Guanyu Zhou para o próximo ano, na realidade o time estava buscando um piloto jovem, mas que também tivesse aporte financeiro para contribuir com a equipe.

LEIA MAIS: Alfa Romeo confirma a saída de Giovinazzi e a contratação de Guanyu Zhou para a temporada 2022 da F1
Oscar Piastri será piloto reserva e desenvolvimento da Alpine em 2022 – Foto: reprodução

Oscar Piastri pode até se tornar campeão na Fórmula 2 em 2021, mas seguirá o próximo ano como piloto reserva da Alpine até que possa ocupar um assento no time Na temporada de 2023. Esteban Ocon tem contrato com a Alpine até a temporada de 2024, enquanto acredita-se que Fernando Alonso tem mais algum tempo correndo pela equipe francesa, ajudando na reestruturação e crescimento deles.

LEIA MAIS: Ocon conquista vitória em prova inacreditável e alucinante que marca GP da Hungria

O australiano é um destaque nas categorias de base, venceu a Fórmula Renault Eurocup em 2019. Na temporada de 2020 ele integrou a academia da Alpine, aproveitando o momento para disputar a Fórmula 3. Durante a temporada de 2021, Piastri subiu para a Fórmula 2 e atualmente é o líder da temporada, contando com três poles e três vitórias.

“Estou muito animado anunciando que serei piloto reserva da Alpine para a temporada 2022. É o próximo passo em nossa parceria e sou muito grato pelo apoio que a Alpine tem me dado. Mal posso esperar para ver o que podemos alcançar no próximo ano”, disse Piastri.

LEIA MAIS: Esteban Ocon permanece na Alpine até 2024, após renovar contrato por mais três anos

“A função de um piloto reserva é o próximo passo em direção do meu objetivo de ter um assento em 2023, o que é muito emocionante. Eu provei o meu valor nas categorias de base nos últimos anos e sinto que estou pronto para a Fórmula 1 agora. Junto com a experiência na pista nos fins de semana de corrida, vamos montar um programa de testes para continuar o meu desenvolvimento para que possa ficar mais preparado para uma vaga. Sou muito grato à Alpine pelo apoio”, seguiu o piloto.

“Nós desfrutamos de duas temporadas de muito sucesso junto da Academia e sou grato pela fé que depositaram em mim para este próximo passo. Meu foco agora é terminar o campeonato da Fórmula 2 da melhor maneira possível com a Prema. Estou ansioso para voltar ao carro e dar o máximo na pista”, completou Piastri.

O australiano substituirá Daniil Kvyat na função de piloto reserva da Alpine. O direto executivo da equipe, Laurent Rossi disse: “O talento natural de Oscar é evidente, por isso estamos orgulhosos e privilegiados por tê-lo como parte da nossa equipe, como nosso piloto reserva no próximo ano. Oscar não só tem as habilidades em pista, mas também tem demonstrado maturidade e compostura que o fazem se destacar dos demais”.

“O próximo passo será comparecer constantemente nos grandes prêmios para se integrar totalmente à equipe e saber o que se espera de um piloto de F1, para estar pronto para quando quando surgir a oportunidade.”

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados