AutomobilismoColunistaFórmula EPost

Fórmula E: Nissan adia estreia do novo powertrain para Mônaco

A troca para o novo equipamento estava marcada para o dia 10 de abril em Roma

Inicialmente prevista para a rodada dupla de Roma, a estreia do novo powertrain da Nissan teve que ser adiada devido a um problema na cadeia de suprimentos da equipe causado pela pandemia da COVID-19.

A Nissan era uma das três equipes que não iniciaram a temporada com equipamento novo. Junto com Techeetah e Dragon, o time japonês traria as atualizações para a pista agora em abril. 

Com o adiamento, o Nissan IM03 só deve aparecer mesmo em Mônaco no dia 8 de maio. Isso significa que o atual IM02 será utilizado nas próximas quatro corridas (rodadas duplas em Roma e Valência).

De acordo com o site The-Race.com, a decisão foi tomada após um teste privado de dois dias na pista de Calafat, na Espanha, na semana passada. Sebastien Buemi e Oliver Rowland compartilharam a sessão com a DS Techeetah, que segue a programação de usar seu novo powertrain no ePrix de Roma.

O objetivo inicial da equipe era de testar por três dias, mas os planos tiveram que ser mudados de última hora.

A Nissan disse ao The Race que a redução do tempo de teste de Calafat foi “um movimento de precaução devido a peças e à preferência de economizar um dia para validar alguns itens extras”.

A Dragon/Penske Autosport também deve estrear sua nova tecnologia na próxima etapa, deixando a Nissan como a única equipe a usar o carro de 2019/20.

Um porta-voz da Nissan e.dams disse ao The Race hoje que, através de um “acordo com a FIA, remarcamos a estreia do novo powertrain Nissan e.dams Gen2 Fórmula E devido a um ávido atraso relacionado às peças. Gostaríamos de agradecer à FIA por sua flexibilidade”.

LEIA MAIS: Nissan se compromete com a era Gen3 da Fórmula E

 

Mostrar mais

Cinthia Venâncio

Cearense que acompanha Fórmula 1 desde que se entende por gente. Faz aniversário no mesmo dia do Damon Hill.

Deixe uma resposta

Artigos relacionados