ColunistaFórmula EPost

Fórmula E adia o sonho de retornar ao Canadá após cancelamento do ePrix de Vancouver

Por falta das licenças necessárias para a realização do ePrix de Vancouver, Fórmula E cancela o evento e modifica mais uma vez o calendário

O ePrix de Vancouver da Fórmula E não será disputado em 2022, a prova estava programada para julho. A falta da permissão que era necessária para a realização da prova não foi concedida pelas autoridades da cidade. A informação é do site The Race.

A Fórmula E tem um calendário apertado até agosto. A décima etapa estava programada para ser disputada no dia 02 de julho, em Vancouver, depois a categoria realizará uma rodada dupla em Nova York e uma nova rodada dupla em Londres, sendo um mês bem agitado para a categoria elétrica.

A prova estava programada para ser disputada em False Creek, o traçado fora revelado pela categoria em outubro do ano passado. A Fórmula E resgataria algumas memórias, pois parte do circuito foi utilizado pela IndyCar de 1990 até 2004. Os organizadores dos eventos informaram que estão se concentrando para realizar o evento no próximo verão.

O traçado para a prova em Vancouver foi revelado em 2021. A prova será junto com o E-Fest – Foto: reprodução Fórmula E

O ePrix em Vancouver seria o retorno da categoria elétrica ao Canadá, depois do ePrix de Montreal de 2017. A Fórmula E foi indenizada depois do cancelamento de outras provas em Montreal pois o contrato com a cidade foi quebrado antes do tempo previsto – isso ocorreu depois de uma disputa legal, por conta de uma mudança política em Montreal.

O prazo para fornecimento da documentação específica à cidade de Vancouver expirou, antes que a licença para o evento fosse emitida. Infelizmente é uma sanção do departamento de eventos especiais da cidade, ela coordena as licenças necessárias para a realização de grandes eventos. O ePrix de Vancouver também contará com shows, o que acaba aumentando a magnitude do evento.

A documentação de autorização deveria ser entregue 95 dias antes da realização da prova, o que deveria ocorrer em 28 de março.

“Após uma revisão intensiva com a cidade de Vancouver, o OSS Group teve que tomar a decisão incrivelmente difícil hoje de adiar o Canadian E-Fest até 2023. A cidade de Vancouver apoia totalmente o adiamento. A entrega de um evento de classe mundial é de extrema importância para o One Stop Strategy Group”, afirmaram em nota encaminhada ao The Race.

“Obrigado pelo apoio ao Canadian E-Feste até o momento e espero que você se junto a nós na criação de um evento mais espetacular em 2023.”

Talvez a Fórmula E não tenha a oportunidade de encaixar uma nova prova entre Jakarta (04) de junho e a rodada dupla em Nova York, desta forma a categoria passaria por mais um hiato neste ano. Desta forma a temporada que teria 16 etapas, provavelmente será realizada em 15 corridas.

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Um Comentário

Deixe uma resposta

Artigos relacionados

%d blogueiros gostam disto: