ColunistaPostW Series

W Series amplia temporada 2022 com a realização de duas rodadas duplas

O calendário da W Series de 2022 terá dez etapas em 2022, com rodadas duplas na abertura e fechamento do campeonato

A W Series anunciou nesta quarta-feira (30) uma extensão do calendário da temporada 2022, a categoria feminina revelou duas rodadas duplas, desta forma as pilotas vão disputar dez provas.

Para a temporada 2022, a categoria tinha confirmado a realização de oito provas, mas agora está adicionando mais duas provas ao calendário. As etapas em questão são as provas de abertura e fechamento do campeonato, que foram transformadas em rodadas duplas. A primeira etapa será realizada em Miami, entre os dias 6 e 8 de maio. A rodada dupla no México será disputada entre 28 e 30 de outubro. Desta forma a W Series terá o maior calendário desde que a sua primeira temporada foi disputada em 2019.

Diversificando as pistas para as batalhas, a W Series ainda competirá em Barcelona, Silverstone, Paul Ricard, Budapeste, Suzuka e Austin. A categoria segue dividindo as pistas com a Fórmula 1, parceria que funcionou em 2021, dando mais visibilidade ao campeonato.

A W Series contará com o apoio da Toyota Gazoo Racing Nova Zelândia, a empresa realizará a logística do translado dos carros, tornando a cadeia mais sustentável. A Toyota enviará 18 dos seus carros FT60 para serem usados pela W Series durante as rodadas em Barcelona e Suzuka. Será a primeira vez que as categorias de base vão trabalhar juntas.

Os chassis usados pela W Series são o Tatuus, os mesmos dos carros da Toyota Racing Series, mas os motores utilizados são diferentes. Os carros dessas duas etapas vão conservar os motores da Toyota, enquanto o compartilhamento dos carros entre os campeonatos, auxiliará na logística, permitindo que o translado possa ser realizado pelo mar, desta forma reduz a pegada de carbono.

“Tivemos dois testes produtivos de pré-temporada, as pilotas estão prontas para começar a correr e estão preparadas para Miami. Após o sucesso da rodada final do ano passado em Austin, estamos todos ansiosos para voltar aos EUA para começar a temporada com uma rodada dupla, e será muito especial fazer parte do fim de semana inaugural do Grande Prêmio de Miami”, disse Dave Ryan, diretor de provas da W Series.

“É ótimo termos conseguido chegar a um acordo com a TGRNZ sobre o uso de seus carros. Gostaria de agradecer a Andrew Davis e Nicolas Caillol pela maneira entusiástica e proativa com que abordaram este projeto, juntamente com Bob McMurray, que fez a introdução inicial entre TGNZR e nós. Montar uma categoria internacional é uma operação complexa que exige muitos recursos, pois a W Series realizará mais corridas em uma única temporada. Esta é uma boa solução para a W Series, pois evita o uso de frete aéreo e nos permite organizar nossas corridas de apoio em oito finais de semana de GP da Fórmula 1 da maneira mais sustentável”, concluiu.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados