ColunistaFórmula 1

Segundo treino livre em Barcelona – Mercedes segue na frente

Os carros da Mercedes dominaram a sexta-feira (12) de testes em Barcelona. Lewis Hamilton assumiu a ponta novamente nesta segunda fase de testes do dia, melhorando o seu tempo e marcando 1:20:802. Seu companheiro de equipe Valtteri Bottas apareceu novamente em segundo lugar com 1:20:892. Na verdade, a fila até o sexto colocado se manteve a mesma, Kimi Raikkonen em terceiro com 1:21:112, Sebastian Vettel quarto 1:21:220, Max Verstappen quinto 1:21:438 e Daniel Ricciardo sexto 1:21:585. Desta vez a dobradinha do sétimo e oitavo lugar ficaram por conta da dupla da Renault, Nico Hulkenberg fez 1:21:687 e Jolyon Palmer 1:21:992. Para fechar o top dez Felipe Massa ficou com o nono lugar 1:22:015 e Carlos Sainz novamente na décima posição, também melhorando o tempo e marcando 1:22:265.

Veja também:

Preview Pirelli GP do Espanha de F1

Em jogo de cara e coroa, Magnussen leva a melhor

Preview GP da Espanha de F1 de 2017

Primeiro Treino Livre para o GP da Espanha de F1 de 2017

A Mercedes teve um desempenho melhor que o da Ferrari. As flechas de prata trouxeram algumas mudanças para o carro que parecem estar fazendo diferença. Vettel rodou bem até os carros da sua rival irem para a pista e Bottas acabou assumindo a liderança 1:23:062. Hamilton vinha também para marcar volta, mas cometeu um erro e acabou comprometendo o seu resultado. A diferença entre os compostos acaba sendo significativa chegando a ultrapassar os 2 segundos em alguns momentos. Na troca dos pneus de faixa branca para os de faixa amarela Raikkonen até apareceu na ponta e ficou na frente do seu companheiro de equipe, mas bastou as rivais também realizarem a troca, para assumir novamente a ponta.

https://twitter.com/F1/status/863071968987303936

Max Verstappen que aparecia como quinto colocado, estava cometendo uma série de erros no miolo do circuito, deixando o carro escapar várias vezes indo além do limite da pista, e carregando um pouco de grama para os boxes da equipe.

Alonso finalmente conseguia acelerar um pouco, depois dos problemas enfrentados no primeiro treino. O piloto acabou indo para a pista com quase meia hora de sessão, completando uma volta de verificação para checar os ajustes feitos no carro e motor. Ao final da sessão registrava 21 voltas na pista mas fez apenas o ultimo tempo 1:24:007, aproveitando para reclamar da falta de performance do carro.

O próximo treino livre acontece no sábado as 6:00 da manhã, horário de Brasília.

Fonte: @F1
Fonte: @F1
Fonte: @F1
Fonte: @F1
Etiquetas
Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados

Fechar