ColunistaIndyPost

Josef Newgarden espanta a má-fase e vence em Mid-Ohio

Piloto da Penske dominou a prova e, mesmo com a ameaça de Marcus Ericsson no fim, segurou a vitória. Alex Palou chega em terceiro e dispara na liderança do campeonato

Após os revezes de Detroit e Road America, finalmente Josef Newgarden celebrou a vitória (Joe Skibinski/IndyCar)

A seca de vitórias da Penske na Fórmula Indy chegou ao fim. No GP de Mid-Ohio, Josef Newgarden espantou a zica e ganhou pela primeira vez na temporada, após bater na trave nas últimas corridas. O americano largou na pole e dominou a corrida sem praticamente ser ameaçado ao longo da prova e encerrando o jejum na temporada 2021 da Fórmula Indy.

O único momento em que Newgarden foi ameaçado foi mais para as voltas finais, quando Marcus Ericsson descontou uma vantagem de seis segundos e até ensaiou um ataque na última volta, mas o piloto da Penske tinha push-to-pass suficiente para conservar parte da vantagem e segurar a vitória.

Com a disputa pela vitória definida, o último lugar no pódio teve um desafio mais intenso. Colton Hera era o piloto com carro e ritmo até para tentar brigar pela ponta, mas o trabalho nos boxes da Andretti foi ruim, especialmente com problemas na bomba de combustível, tirando o estadunidense da disputa.

Alex palou fez o undercut na hora certa e faturou o pódio (Matt Fraver/IndyCar)

Desta forma, Scott Dixon assumiu o posto e segurou um pelotão com Alexander Rossi, Alex Palou, Graham Rahal, Romain Grosjean e Pato O’Ward. Na última janela de pits, Palou partiu para o undercut e foi beneficiado, assumindo a terceira posição e aproveitando que seu companheiro de Ganassi não tinha um ritmo competitivo.

Assim, o espanhol terminou em terceiro e somou pontos importantes para o campeonato, abrindo 39 pontos de vantagem para O’Ward e 56 para Dixon. Newgarden segue em quarto, com uma desvantagem de 69 pontos, e Ericsson saltou para quinto, 104 pontos atrás de Palou.

Se Newgarden conseguiu espantar o azar em Mid-Ohio, outros pilotos não tiveram sorte: Já na largada, uma confusão afetou Ryan Hunter-Reay e James Hinchcliffe, enquanto Felix Rosenqvist levava um toque de Grosjean na largada e também rodava.

No recomeço da prova, Will Power tentou defender a posição de Scott Dixon e tentou dar o troco no neozelandês, mas se deu mal e rodou, provocando uma nuvem de fumaça. Ed Jones não conseguiu desviar e atingiu o piloto da Penske, fazendo com que a dupla abandonasse a prova.

A Fórmula Indy terá uma pausa para as férias de verão e retornam no dia 8 de agosto, com a estreia do circuito de rua de Nashville no calendário da categoria. Para esta prova, está agendado o retorno do vencedor das 500 Milhas de Indianápolis, Hélio Castroneves, que atuará mais uma vez pela Meyer Shank.

Classificação da etapa de Mid-Ohio

Confira aqui!

Campeonato (após 9 de 16 etapas)

1 – Alex Palou (ESP) – Chip Ganassi/Honda – 384
2 – Pato O’Ward (MEX) – McLaren SP/Chevrolet – 345
3 – Scott Dixon (NZL) – Chip Ganassi/Honda – 328
4 – Josef Newgarden (EUA) – Penske/Chevrolet – 315
5 – Marcus Ericsson (SUE) – Chip Ganassi/Honda – 280
6 – Simon Pagenaud (FRA) – Penske/Chevrolet – 271
7 – Colton Herta (EUA) – Andretti/Honda – 260
8 – Rinus Veekay (NED) – Ed Carpenter/Chevrolet – 257
9 – Graham Rahal (EUA) – Rahal-Letterman-Lanigan/Honda – 256
10 – Takuma Sato (JPN) – Rahal-Letterman-Lanigan/Honda – 226

Mostrar mais

Eduardo Casola

Jornalista formado na Universidade de Sorocaba (Uniso) e apaixonado por esporte a motor desde quando se conhece por gente. Apenas um rapaz que gosta de uma boa corrida e de uma boa história!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados