ColunistaFórmula 1Post

Haas apresenta o VF-22 com as cores da última temporada

A Haas segue utilizando faixas que representam a bandeira da Rússia, com a combinação de um carro predominantemente branco

Oficialmente a temporada 2022 da Fórmula 1 teve início, nesta sexta-feira (04) a Haas revelou o carro da temporada 2022. O time americano está dando início a semana de divulgação das pinturas e patrocinadores.

A equipe apresentou a pintura e o design que será usada na temporada 2022 no VF-22. O layout atual conta com as cores da bandeira russa e um pouco de cinza na parte inferior do carro, além do branco que se faz a cor mais predominante no carro; algo que já foi visto durante a temporada passada quando a família Mazepin passou a fazer parte do grid, tudo por conta da patrocinadora Uralkali.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A Haas furou a fila das revelações, até então acreditávamos que a Red Bull seria a primeira, após reservar a data de 9 de fevereiro, mas o time americano optou uma data ainda nesta semana, inaugurando os lançamentos.

“É aquela época do ano em que você está naturalmente otimista de que o trabalho duro e o esforço de todos se traduzirão em uma forma competitiva na pista”, disse o proprietário do time, Gene Haas.

Este será um ano onde o regulamento técnico é muito novo para os times, várias mudanças se encarregaram de dar início a uma nova era na Fórmula 1. O time se desligou da temporada 2021, para focar no desenvolvimento do carro de 2022, será o primeiro carro sob os cuidados de Simone Resta, vindo da Ferrari em 2020.

“Tomamos a decisão em 2020 de realmente direcionar tempo e recursos para o VF-22, renunciando a qualquer coisa relacionada à pista para 2021 – o que não foi fácil de se ver. Espero que essa decisão dê frutos e voltemos a disputar pontos e tirar algo dos fins de semana”, seguiu.

A Haas contará com uma dupla que ela já conhece, Mick Schumacher e Nikita Mazepin tiveram os seus contratos renovados. No ano passado o time contratou os jovens pilotos para prepará-los para um ano de muitas mudanças. Encerraram a temporada na última posição, sem conquistar nenhum ponto, mas agora o objetivo do time é ganhar espaço no campeonato, além disso será a busca pelos primeiros pontos da dupla.

Em 2021 a Haas entrou no campeonato com um carro que só recebeu as modificações para que pudesse participar da competição, se adequando ao regulamento vigente, mas sem trabalhar atualizações. Eles optaram até mesmo por não receber as atualizações do motor fornecidas pela Ferrari, portanto ficaram presos nas últimas posições.

Mick Schumacher apresentou um avanço ao longo do ano, ainda que cometesse alguns erros, enquanto vimos Nikita Mazepin nos circuitos apresentando uma grande diferença de desempenho para o companheiro de equipe.

Os primeiros testes de pré-temporada serão realizados em Barcelona, de 23 a 25 de fevereiro, antes dos testes no Bahrein programados para os dias 10 a 12 de março. A primeira prova no Bahrein será disputada no dia 20 de março.

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Um Comentário

  1. Cometer erros no ano de estréia é natural , o importante mesmo foi progresso que Mick fez tanto em consistência qt em velocidade . E isso foi reconhecido tanto pela Ferrari qt por seus colegas de profissão

Deixe uma resposta

Artigos relacionados

%d blogueiros gostam disto: