ColunistaFórmula 1Post

A saída de Marcin Budkowski é anunciada pela Alpine

Marcin Budkowski que revezou com Brivio a função de chefe de equipe de 2021, deixa a Alpine antes do início da próxima temporada

Marcin Budkowski deixou o cargo de diretor executivo da Apine na Fórmula 1, a equipe informou a “decisão de encerrarem a colaboração”. Na temporada 2021 o time optou por ter um gerenciamento diferente, dividindo a função de chefe de equipe entre Budkowski e Davide Brivio.

Quando o anúncio foi feito, ficou decidido que ele também cuidaria do desenvolvimento do chassi e powertrain.

Laurenti Rossi, CEO da Alpine está supervisionando está transição, para que ela ocorra da melhor forma possível até o início da temporada. O time ainda não informou quem substituirá o polonês na sua função, mas a equipe ainda pode passar por outras alterações estruturais, como já haviam indicado na temporada passada.

LEIA MAIS: Funções compartilhadas, Alpine decide que não terá um chefe de equipe

O polonês fez um estágio no departamento de aerodinâmica da Peugeot em 2000 no começo da sua carreira, entrando para a Prost Grand Prix em 2001. Com o encerramento das atividades do time ele seguiu para a Ferrari, onde trabalhava com fluidodinâmica computacional, depois se tornou chefe do departamento responsável pelos testes no túnel de vento. Em 2007 ele mudou-se para a McLaren de 2007 até 2014. Após a saída da McLaren ele seguiu para o cargo de coordenador técnico esportivo da F1, na FIA, trabalhando com Charlie Whiting. Foi apenas em 2018 que ele assumiu o cargo de diretor executivo na Renault.

“Gostaria de agradecer a Marcin Budkowski pelo seu empenho e contribuição para os resultados da equipe ao longo dos últimos quatro anos. O time está totalmente focado em preparar o carro para a primeira corrida no Bahrein e dar um passo além no desempenho”, disse Rossi.

Budkowski acrescentou: “Gostei muito de fazer parte da equipe de liderança da Renault e da Alpine F1 Team, trabalhando com um grupo de pessoas tão talentosas e dedicadas. Acompanharei o progresso da equipe com carinho nas próximas temporadas.”

Os rumores apontam que Otmar Szafnauer, ex-chefe de equipe da Aston Martin teria deixado o time para assumir uma posição na Alpine. Justamente por conta da sua experiência e ter atributos para ajudar o time no seu crescimento e reestruturação.

LEIA MAIS: O ex-Sauber Mike Krack será o novo chefe de equipe da Aston Martin

Budkowski esteve na liderança do time quando eles conseguiram a vitória com Esteban Ocon durante o GP da Hungria.

 

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados