Post

Oliver Rowland supera Da Costa e lidera TL1 da Fórmula E em Diriyah

Com a sessão se aproximando do final, Rowland assumiu a liderança da sessão, colocando a Mahindra no 1º lugar

Nesta quinta-feira (27) tivemos o início das atividades da Fórmula E, os pilotos partiram para a pista para a realização do primeiro treino livre em Diriyah. Oliver Rowland assumiu a liderança da atividade com o cronômetro zerado, cravando 1m10s559, depois de superar Antonio Félix da Costa.

A sessão foi movimentada com várias alterações de posições ocorrendo na tabela de tempos, os pilotos estavam tentando se adaptar ao traçado que tem várias curvas. Apenas Nyck De Vries enfrentou problemas, o piloto da Mercedes bateu no muro de contenção nos primeiros minutos da atividade e com o carro danificado ficou de fora do restante da sessão.

Saiba como foi o Primeiro Treino Livre da Fórmula E em Diriyah

A primeira sessão de treinos livres com duração de meia hora foi realizada nesta quinta-feira, com os pilotos dando as suas primeiras voltas no traçado que comportará a primeira etapa da temporada.

O modo ataque está localizado na curva 19, espaço que os pilotos terão que passar para pegar a potência extra no final de semana.

A temperatura na pista estava na casa dos 16°C quando a sessão começou. Sam Bird e Mitch Evans puxaram a fila de saída dos boxes e aos poucos outros pilotos foram acompanhando a dupla da Jaguar.

O teste de full course yellow (bandeira amarela em todo o circuito) ocorreu com cerca de três minutos de atividade, os pilotos reduziram a velocidade, mas logo a pista foi liberada mais uma vez. Os primeiros tempos eram registrados na casa de 1m52s. Pouco depois os tempos registrados começaram a despencar e a liderança da tabela de tempos se alternava. Buemi anotou 1m15s622, superando Wehrlein.

Restando 23 minutos para o encerramento da atividade, a bandeira amarela por todo o circuito foi ativada reduzindo a velocidade para 50 km/h. Nyck de Vries precisou encostar o carro pois bateu na curva 3 e a suspensão traseira ficou danificada.

A pista foi liberada mais uma vez quando restavam 20 minutos para o encerramento. Di Grassi assumiu a 5ª posição anotando 1m16s045. Pascal Wehrlein passou a ser investigado pela direção de prova por velocidade superior durante o período de bandeira amarela.

Com um pouco mais de movimentação na pista, enquanto os pilotos testavam a velocidade dos carros, Frijns anotou 1m13s411. Sam Bird foi aos boxes realizar uma troca de pneus, preparando o carro para uma nova saída. Restando quinze minutos para o final, alguns pilotos passaram pelos boxes para novos ajustes.

Lucas di Grassi ocupava o 8º lugar com 1m13s917, enquanto Câmara era o décimo sexto colocado (1m15s325) com a Dragon. Evans assumiu a dianteira temporariamente quando os pilotos atingiram a casa de 1m12s com os seus carros.

O grid estava bem misturado, afinal cada piloto estava trabalhando com uma potência. Antonio Giovinazzi, piloto que está fazendo a sua estreia na Fórmula E, lutava com o carro da categoria, a traseira do seu Dragon balançava muito conforme ele contornava as curvas.

Nos últimos oito minutos de sessão, os dez primeiros eram: Da Costa, Vandoorne, Rowland, Vergne, Di Grassi, Evans, Lotterer, Güenther, Câmara e Dennis. Os pilotos entraram na fase em que buscam voltas de classificação, passando mais próximos do muro e sendo mais agressivos.

Quando a sessão foi encerrada, Rowland superou Antonio Félix da Costa, para ficar com o primeiro lugar depois de anotar 1m10s559. Enquanto Dennis estabeleceu um tempo melhor do que Vergne, ficando com o quarto lugar.

Lucas di Grassi que despencou momentaneamente no grid, ficou com a 9ª posição, enquanto Edoardo Mortara levou o carro da Venturi ao sexto lugar. Sette Câmara foi o 18º colocado, com Giovinazzi em 20º, os pilotos da Dragon avançavam no grid, mas os outros times conseguiam obter tempos melhores que os da dupla.

 

Agenda da Fórmula E em Diriyah

Programação da Fórmula E em Diriyah – Foto: Ale Ranieri para o BP

 

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados