BP BEATS 16 | Testes e Lançamentos

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

|De São Paulo/SP para Curitiba/PR voltando para São Paulo/SP:

lll RBS – Ricardo Bunnyman Soares;

lll CEV – Carlos Eduardo Valesi;

lll RBS: E lá vamos nós para mais um ano onde categorias já “startaram seus engenheiros” e algumas ainda estão em testes.

lll RBS: Me desculpem os demais, mas depois do OsKarteiro, a categoria mais badalada e com maior expectativa é a Formula 1.

lll CEV: Isso porque a F1 ainda não descobriu o talento do Celloni e a beleza do Rubens.

lll RBS: Rascunha, reescreve, testa, volta, faz de novo, vai para a pista, volta para estúdio… Isso é mais um ponto que música e automobilismo tem em comum.

lll RBS: Lembra quando a Sauber foi indefectível na pré-temporada de 2015? Marcus Ericsson e Felipe Nasr entre os primeiros. Chegaram na Austrália já terminando em quinto lugar com Nasr mas depois, sem muito recurso, foi afundando.

lll RBS: Lembre aqui um pouquinho dos testes de 2015

lll CEV: E também temos casos onde os testes não mostram como será o resultado final. Em 2014 a Red Bull não figurou entre os mais rápidos nos testes, mas Ricciardo conseguiu um segundo lugar no grid e na prova de Melbourne (tá, foi desclassificado depois, mas chegou em segundo). E no ano passado, a Mercedes mostrava um domínio sobre a Ferrari nos testes que não foi a tônica da primeira metade do campeonato. Mais ou menos como aquela galera que faz um som bem ruinzinho na garagem mas manda muito bem em estúdio. Como as demo tapes do Pixies:

lll CEV: Mas Bunnyman, explica prá galera que demo tapes, ao contrário do novo hit do carnaval da MC Marcelly, não são coisa do capeta.

lll RBS: Os mais velhos vão lembrar que bandas levavam ‘demo tapes’ para gravadoras e deixavam em lojas na Galeria do Rock, na esperança que o ouvido certo gostasse do seu som e os alavancassem para o estrelato. Muitas pérolas podem ser encontradas em programas específicos de novas tendências como do já falecido John Peel, DJ onde ele era um mago das novas tendências, descobrindo e revelando sucessos.

lll RBS: Em 1989 o Nirvana lançava Bleach e fizeram uma Peel Session naquele momento. Confira aqui.

lll RBS: E aquele teste do Senna na Williams antes de entrar na F1?

lll RBS: E aquele teste na Indy que deixou as categorias tensas! O Chefe falou que naquele tempo nada estava certo e era só um teste na Penske, mas você sabe como é… onde há fumaça…

lll CEV Como diria Adoniran, escrevinhei umas mar traçadas linhas sobre o assunto aqui no 365 Dias: O dia em que Senna deu uma de Alonso. Só que acho que a moçada mais jovem ainda tá incomodada com a questão do demo.

lll RBS: É fácil hoje encontrarmos versões demo (calma, é de ‘demonstração’ e não tem nada a ver com o capiroto) dos artistas que curtimos, seja no YouTube ou serviços de streaming de música.

lll CEV: Tão fácil que nós estamos fazendo isso neste exato momento, meus caros.

lll RBS: Recentemente, os Titãs relançaram o Cabeça Dinossauro. Talvez seu álbum de maior sucesso que calhou de sair no período pós militar e trazia a boca suja Bichos Escrotos. Nesse relançamento, pudemos apreciar a bela escrotidão pura.

lll RBS: A história da Indy 500 tem grandes momentos de batidas de pilotos com os pilotos procurando descobrir o limite da pista e do carro. Mesmo com testes e testes, Sebastien Bourdais tem um acidente muito perigoso durante a classificação para a etapa. Às vezes, os resultados dos testes acabam no muro.

lll CEV: O que não deixa de ser um resultado de teste, né? No caso, crash-test. E os pobres bonecos da indústria automobilística que são colocados diariamente em carros dirigidos por pilotos japoneses foram homenageados no nome dessa banda muito legal e pouco conhecida, do cara de voz grossa que faz MMM MMM MMM MMM. Já o Boudais aí em cima pode ser chamado de cabeça de abóbora.

lll RBS: Ainda na Indy 500, mas em um teste, Kurt Busch levando seus fura bolos ao limite, se choca contra o mudo na curva 2 nos testes de 2014.

lll RBS: Testes e mais testes… Tudo feito para a melhor estreia possível. Abaixo temos as datas de lançamentos dos carros da Formula 1 em 2019.

Haas – 07/02 (CEV que ficou linda prá caramba, já viram? Haas revela novas cores para a temporada de 2019)
Toro Rosso – 11/02
Williams – 11/02
Renault – 12/02
Racing Point – 13/02
Mercedes – 13/02
Red Bull – 13/02
McLaren – 14/02
Ferrari – 15/02
Alfa Romeo – 18/02

lll RBS: E os melhores álbuns de estreia, Valesi? O que indicas?

lll CEV: Velho, interessante você perguntar, eu estava lendo estes dias uma lista antiga da Rolling Stone com o que eles consideram os 100 melhores álbuns de estreia da história. Eu acho que vou ficar aqui com um petardo que já mostrava a que esses caras tinham vindo:

lll RBS: E para o Valesi saber que Liverpool ainda estava viva depois da morte dos Beatles, em 1979, antes do seu primeiro álbum, mais uma Peel Session acontecia em 15 de agosto.

lll BPBeats é uma produção da dupla que não é sertaneja, contudo é a prova que panela velha faz comida boa sim, Carlos Eduardo Valesi que já era residente fixo do BP em conjunto com Ricardo Bunnyman peça única da podosfera tupiniquim que foi recentemente adquirido em um leilão beneficente e por uma força do destino do qual nem os búzios, nem os zodíacos e muito menos os físicos teóricos da Magrathea poderiam prever que o encontro desses dois surgiria uma série tão empolgante e digna das melhores revistas do ramo musical tal qual como Rolling Stones e da saudosa MTV, apreciem sem moderação.

BP Beats

Depois de um bate papo no happy hour do BP, entre uma brincadeira e outra surgiu a ideia de uma nova atração no site que é essa que o Amigo Cabeça de Gasolina está pondo os olhos agora: O BP Beats tem como ideia fazer algum tipo de sintonia com o automobilismo e sua provável trilha sonora, sob a batuta de Carlos Eduardo Valesi e Ricardo Bunnyman você irá serpentear pelo universo do automobilismo com rápidas paradas nos mundos colonizados por músicos e suas obras!!!