TL3 Abu Dhabi – Hamilton garante liderança de último treino antes da Classificação

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

Nesta última sessão de treinos livres do ano realizada hoje (24), Hamilton assumiu a liderança ao anotar 1:37:176. O inglês foi acompanhado da dupla da Ferrari, liderada por Kimi Raikkonen.

Os pilotos da escuderia italiana tiveram um rendimento muito melhor que o do dia anterior, ficando próximos do líder da sessão. A Red Bull retornou desta forma a posição de terceira força com Verstappen em quarto.

O holandês nos minutos finais, após instalar novos jogos de pneus hipermacios, superou o companheiro de equipe e o finlandês da Mercedes. Desta forma Bottas assumiu o quinto lugar, acompanhado por Ricciardo. O australiano ainda enfrentou problemas com o carro, vendo o seu motor apagar nos 6 minutos finais da sessão.

Grosjean passou a ocupar a sétima posição. Encontrou com Gasly na pista e, após um toque, tiveram peças de ambos os carros se desprendendo.

A Renault garantiu a boa performance com Hulkenberg em oitavo, seguido por Sainz. Ocon que andou por poucos minutos na pista era o décimo colocado.

Os pilotos retornam para a classificação às 11h pelo horário de Brasília. 

lll Saiba como foi o Terceiro Treino Livre

A sessão teve início com 42°C na pista e 31°C em temperatura ambiente. A umidade baixa, estava em 29%.

https://twitter.com/F1/status/1066270753686003714

Com a pista liberada, Marcus Ericsson foi o primeiro a deixar os boxes utilizando os compostos ultramacios e era acompanhado por Gasly (hipermacio) e Grosjean (ultramacio).

A maioria dos pilotos realizou apenas uma volta de instalação e retornaram aos boxes. Sirotkin resistiu na pista, sendo o primeiro a abrir a tabela de tempos ao registrar 1:42:574 e pouco depois Stroll superava o companheiro, ao anotar 1:41:500, ambos utilizando os pneus compostos hipermacios.

Após seis minutos de sessão, era a vez de Kimi Raikkonen registrar a sua primeira volta, mas a marca obtida era muito alta. Durante o giro seguinte, o finlandês extravasou os limites de pista tentando encontrar os melhores pontos nela e pouco depois anotava 1:39:314.

Ericsson passou a ser o segundo colocado, quando registrou 1:41:218. A dupla da Williams havia completado 14 voltas com os seus pneus e depois recolhiam para os boxes.

Saindo de traseira com a sua Ferrari, Sebastian Vettel encontrava dificuldades com o carro, mas conseguia superar o companheiro de equipe por 0s646.

Kimi Raikkonen melhorava a sua marca para 1:39:265, mas permanecia na segunda posição. Leclerc era o terceiro com 1:40:552 e assim como o companheiro de equipe, utilizava os compostos ultramacios.

Fernando Alonso em seu último treino livre, completou a sua primeira volta em quarto com 1:41:130, mas aos poucos era superado por Hartley  e Pérez.

Na curva 18, Charles Leclerc, que havia perdido a traseira do seu carro, foi em direção ao muro de contenção. O monegasco danificou a asa traseira e logo em seguida se dirigiu aos boxes.

https://twitter.com/F1/status/1066276223679111168

Não estava fácil para os pilotos se manterem no traçado, Hulkeberg era mais um que sofria com a instabilidade da traseira do seu carro.

Com a conclusão da primeira meia hora, as posições eram: Vettel, Verstappen, Hamilton, Raikkonen, Bottas, Ricciardo, Gasly, Hartley, Leclerc e Grosjean. Apenas Vandoorne e Ocon não tinham nenhum tempo na tabela.

https://twitter.com/F1/status/1066279366752120832

Kimi Raikkonen passou a ser investigado após ter se dirigido aos boxes, perder o controle e cruzar a linha do pit-lane, retornando a pista. A punição pode ser revertida em advertência ou perda de posições no grid de largada.

https://twitter.com/F1/status/1066277835097235456

Hamilton, que havia saltado para a segunda posição, seguia melhorando a sua marca e o inglês tinha 1:39:032. Verstappen com os ultramacios havia registrado 1:39:086. Vandoorne, em seu primeiro registro, ficou em décimo terceiro ao anotar 1:40:746.

Stroll foi o primeiro a trocar os pneus, andando com um novo jogo de hipermacios. O piloto da Williams passou a ser o nono colocado.

Restando 20 minutos para o término da sessão, Vettel e Hamilton instalaram novos hipermacios, assim como Bottas. Ocon seguia parado nos boxes. O alemão da Ferrari conseguia melhorar para 1:37:587, mas Hamilton assumiu a primeira posição ao anotar 1:37:176. Bottas saltava para a primeira posição com 1:37:933.

https://twitter.com/F1/status/1066281887709171712

O finlandês era o último a completar o seu giro, conseguindo subir para a segunda posição com 1:37:464, superando o companheiro de equipe. Ricciardo completava a sua volta em quinto, enquanto Verstappen aquecia os novos compostos.

Aproximando-se do final da sessão, Verstappen conseguia superar seu companheiro e Bottas para se tornar o quarto colocado ao anotar 1:37:747. Hulkenberg era o sétimo, seguido por Ocon que havia entrado na pista com pouco mais de 6 minutos para o término da sessão. Pérez era o nono, seguido por Sainz.

Daniel Ricciardo ficava parado na curva 9, logo após o seu carro apagar completamente.

Nos últimos minutos, Grosjean subiu para a sétima posição com 1:38:304. Leclerc com o carro consertado conseguia retornar para se tornar o décimo terceiro.

Pierre Gasly e Romain Grosjean se encontraram na pista, com o piloto da Haas atrapalhando o da Toro Rosso. Gasly foi tirar satisfação e eles se tocaram, voando peças dos seus carros.

https://twitter.com/F1/status/1066286750539096064

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele espertou em mim o interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Fiz da RBR minha casa e meu carro favorito é a Kinky Kylie.