Hamilton faz a Pole em Baku, dobradinha da Mercedes e a segunda vez de Stroll no Q3

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

A Pole tinha cara de ser de Vatteri Bottas, o finlandês da Mercedes já tinha uma marca muito boa 1:41:274, antes de Ricciardo acabar batendo no muro e ocasionando uma bandeira vermelha. Restavam exatamente 3:33 para o termino da sessão, acreditávamos que não haveria tempo suficiente para atingir a volta e aquecimento dos pneus de forma ideal, porém Lewis Hamilton fez um brilhante trabalho e conseguiu atingir 1:40:593, para estabelecer a pole-position de número 66 da carreira.

| Q1

https://twitter.com/F1/status/878599209695551488

Jolyon Palmer ficou fora da sessão de classificação, depois dos problemas que acometeram a sua Renault durante o terceiro treino livre. Fernando Alonso e Stoffel Vandoorne até foram para a pista mas os dois pilotos da McLaren vão largar das ultimas colocações, pois foram punidos com perda de 40 posições no grid, depois das alterações feitas no novo motor. Carlos Sainz também perde três posições depois do acidente que tirou Felipe Massa da corrida no Canadá.

Os pilotos foram para a pista de cara com os pneus supermacios. Verstappen chegou a colocar a Red Bull Racing em primeiro lugar com 1:43:750 e Ricciardo em segundo. Mas foi por pouco tempo, porque Pérez e depois Raikkonen, tomavam a liderança da equipe austríaca.

A disputa pela ponta era grande, mas Hamilton vinha com 1:42:384 para bater o recorde do terceiro treino livre. Se não fosse suficiente o inglês foi rodar ainda mais baixo chegando a 1:41:983. Vettel estava apagado na pista, indo em busca de passar para o Q2, apenas sexto, já que Daniil Kvyat passava para assumir o quinto lugar.

Eliminados

  1. Fernando Alonso 1:44:334
  2. Romain Grosjean 1:44:468
  3. Marcus Ericsson1:44:790
  4. Stofel Vandoorne 1:45:030
  5. Jolyon Palmer – Não Marcou Tempo

https://twitter.com/F1/status/878604270911795200

| Q2

https://twitter.com/F1/status/878605452480851968

Os carros da Mercedes foram imediatamente para a pista, e novamente as equipes apostavam em pneus supermacios. Raikkonen colocou o carro da Ferrari na ponta quando marcou 1:42:114. Porém Bottas vinha veloz na pista e marcava 1:42:032. Mas Hamilton também não estava para brincadeiras e anotava 1:41:992.

Felipe Massa da Williams acabou espalhando o carro por toda a pista e segurando o mesmo no braço e passava muito próximo aos muros de contenção em Baku, porém na mesma volta conseguia pular de décimo para sétimo com 1:42:735.

https://twitter.com/F1/status/878607367180619777

Hamilton ainda podia tirar mais um pouquinho do carro e chegou a marca de 1:41:275. Vettel foi para a pista para tentar melhorar o seu tempo e pulou de oitavo para segundo com 1:41:911. O jovem Stoll passava pela primeira vez para o Q3 e ainda estava na frente do seu companheiro, com o sétimo lugar. Os carros da Force India também passavam para a segunda rodada. 

Eliminados

  1. Daniil Kvyat 1:43:186
  2. Carlos Sainz 1:43:347
  3. Kevin Magnussen 1:43:796
  4. Nico Hulkenberg  1:44:267
  5. Pascal Werlhein  1:44:603

https://twitter.com/F1/status/878610038134276096

| Q3

https://twitter.com/F1/status/878611067873701888

As primeiras marcas obtidas pelos pilotos ainda eram muito altas e Vettel foi o primeiro a obter um tempo “baixo” 1:43:201. Logo em seguida Verstappen passava com 1:42:261, mas Bottas foi melhor e ficou com o primeiro lugar 1:41:274. Hamilton tinha boas parciais, mas deu uma leve errada e ficou com o segundo lugar 1:41:428, e dizia estar sentindo uma vibração no carro.

Hamilton tinha duas opções se manter na pista e tentar fazer mais uma volta rápida ou voltar para os boxes e trocar de pneus, ficando com um tempo apertado, mas ainda assim teria uma chance. O piloto optou por ficar na pista, já que os compostos estavam em boas condições.

Vettel acabou perdendo uma chance depois de ir reto e parar na área de escape da pista, mas eles ainda tinham um tempo para tentar mais uma vez. Eis que Daniel Ricciardo bate, depois de perder a traseira do carro e uma bandeira vermelha era acionada.

https://twitter.com/F1/status/878613267316342789

https://twitter.com/F1/status/878614576354516992

Restavam 3minutos e 33 segundos de sessão e os carros retornaram para os boxes das equipes. A situação parecia favorável para Hamilton, mas Bottas se tornava o novo favorito com a margem apertada para atingir a temperatura ideal com os pneus.

Nada melhor que uma frase do Faustão para definir esse momento, quem sabe faz ao vivo, Hamilton foi para a pista em busca do primeiro lugar e na sua ultima tentativa de volta e marcou 1:40:593. Bottas melhorou o seu tempo pessoal mas não conseguiu bater o companheiro ficando com o segundo lugar (1:41:027). O top-3 foi fechado com Kimi Raikkonen e o tempo de 1:41:841. Vettel subiu para o quarto lugar, mas não ficou dentro da briga pela pole. Stroll vai largar na frente de Massa, saindo da oitava posição.

https://twitter.com/F1/status/878616506770354178

https://twitter.com/F1/status/878620085740601344

https://twitter.com/F1/status/878619291242946560

Fotos da Sessão 

https://twitter.com/F1/status/878600614632185856

https://twitter.com/F1/status/878603647789264897

https://twitter.com/F1/status/878607991657947136

https://twitter.com/F1/status/878614248791867392

https://twitter.com/F1/status/878617814634041344

https://twitter.com/F1/status/878618111188054016

https://twitter.com/F1/status/878618354407419904

https://twitter.com/F1/status/878618627884318721

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!