GP do Brasil – Manhã fria no autódromo de Interlagos deve atrapalhar as equipes com os acertos dos carros

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

Diferente da Sexta-Feira, com muito sol e calor, a madrugada de sábado começou com uma forte chuva na cidade de São Paulo. O céu no autódromo está completamente encoberto e conta com algumas nuvens bem carregadas e escuras em alguns pontos da pista. A chuva forte ainda não teve início, mas uma garoa persiste em assolar o circuito.

A previsão de chuva para o treino livre ainda é incerta, pois ela consta como 50% de chances e ao longo do dia vai diminuindo consideravelmente. De qualquer forma a prova que decide o grid de largada, pode atrapalhar os acertos dos carros e se a pista já estava escorregadia ontem, depois desta chuva que lavou a cidade e a garoa da manhã, a pista vai contar com uma menor aderência. A temperatura também diminuiu e a máxima do dia está em 19°C.

O Grande Prêmio do Brasil é conhecido muitas vezes pela temperatura elevada e o desgaste físico do piloto. Hamilton e Bottas mencionaram que o carro havia sido perfeito nas duas sessões de treinos livres que foram executadas, mas eles acreditam que a diferença vai diminuir ainda mais hoje e não será possível margem para erros.

Valtteri Bottas ainda está disputando o segundo lugar do campeonato com Sebastian Vettel, mas já sabemos que os carros da Red Bull apresentam um bom desempenho no Brasil e com o seu aumento de confiabilidade depois das férias da Fórmula 1 é impossível descartar a dor de cabeça que a equipe austríaca ainda pode trazer para a Mercedes ou Ferrari.

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!