Barcelona Dia 7 – Leclerc se manteve firme na ponta, mesmo com quebra ocorrendo a tarde

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

Nesta quinta-feira (28) Charles Leclerc garantiu a primeira posição, com o tempo que foi registrado ainda nesta manhã (1:16:231). No entanto a tarde o monegasco teve um pequeno contratempo, levando a provocar uma bandeira amarela depois do SF90 apresentar uma quebra.

A sessão vespertina foi dedicada ao acumulo de quilometragem, desta forma Leclerc fora o primeiro piloto a quebrar a barreira das 100 voltas no circuito catalão aos poucos outros pilotos como George Russel, Alexander Albon e Nico Hulkenberg acompanharam o piloto da escudeira italiana.

Na tabela de tempos Albon foi o segundo colocado, com a Toro Rosso, se mantendo com a marca estabelecida, também nesta manhã, sendo seguido de perto por Lando Norris da McLaren.

Muitos pilotos mantiveram as suas marcas da manhã, apenas Daniel Ricciardo da Renault, imprimiu um ritmo mais forte, conseguindo saltar para o quinto lugar, enquanto Romain Grosjean da Haas passou a ser o nono colocado, completando apenas 16 voltas.

Amanhã será realizado o último dia de testes em Barcelona.

lll Saiba como foi a tarde de testes em Barcelona

A sessão retornou às 10h pelo horário de Brasília. Bottas passou a assumir o comando da Mercedes, assim como Ricciardo que guiava pela Renault e Grosjean na Haas. Com tempos altos na volta para a pista, dava para notar que as equipes estavam trabalhando com o ritmo de corrida, tanques cheios e durabilidade dos compostos, desta forma os long-runs eram executados no circuito.

Pouco mais de uma hora, após o início das atividades da tarde, Pierre Gasly com a Red Bull acabou sofrendo um acidente com a Red Bull ao bater forte na curva 9, deixando o carro bem danificado. O francês precisou se dirigir ao centro médico, mas sem maiores problemas.

A bandeira verde demorou um pouco para ser acionada por conta de reconstrução do muro de contenção. As equipes voltaram a acumular quilometragem, com Leclerc sendo o primeiro a romper as 100 voltas.

Focado em tirar o atraso da Ferrari da última tarde de testes, Leclerc seguia rodando na pista e terminou o dia completando 138 voltas, dono do melhor tempo estabelecido ao final da manhã.

Daniel Ricciardo era o único a arriscar voltas rápidas a tarde, desta forma começou a andar na casa de 1m17s, quando instalou os pneus C4 (faixa vermelha – ultramacios). O australiano não levou muito tempo para atingir 1:17:204, passando a assumir o quarto lugar.

Chegando ao final do sétimo dia de testes, Lance Stroll da Racing Point e Charles Leclerc acabaram provocando mais duas bandeiras vermelhas, ainda que rápidas, reduziram o tempo de pista dos pilotos. A sessão teve o seu término de forma calma, Grosjean subiu para a nona posição ao anotar 1:17:854, nos últimos segundos.

https://twitter.com/F1/status/1101169337136754689

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele espertou em mim o interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Fiz da RBR minha casa e meu carro favorito é a Kinky Kylie.