TL3 Cingapura – Sebastian Vettel puxa dobradinha da Ferrari, em ultima sessão de treinos livres antes da classificação

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

Sebastian Vettel terminou na liderança do terceiro treino livre realizado na manhã deste sábado (15), ao registrar 1:38:054 com os compostos hypermacios. O alemão foi acompanhado de Kimi Raikkonen que tinha 1:38:416 com os mesmos compostos. O alemão conseguiu voltar para a pista, após os problemas enfrentados na sexta-feira, quando bateu no TL2.

Desta vez a equipe italiana não foi ameaçada nem por Mercedes ou Red Bull. Hamilton e Bottas ficaram com a terceira e a quarta posições utilizando os compostos macios. Logo depois vinha a dupla da RBR com Daniel Ricciardo e Max Verstappen. O holandês deixou bem claro que o motor da Renault instalado em seu carro não estava rendendo ”o produto na parte de trás deste carro não está funcionando como eu quero”, disse Verstappen no rádio para a equipe.

Grosjean foi o sétimo colocado, seguido por Ocon e Pérez da Racing Point Force India e Alonso fechou o grid dos 10 primeiros.

Por enquanto a pole-position tem cara de Ferrari, por ser um circuito travado e de rua. Mas nas ruas estreitas de Cingapura tudo pode acontecer.

A classificação tem início às 10h pelo horário de Brasília.

lll Saiba como foi o Terceiro Treino Livre

Marcus Ericsson da Sauber foi o primeiro a deixar os boxes, para a realização da sua volta de instalação e era seguido por Alonso da McLaren e Sirotkin da Williams. Os compostos escolhidos por estes pilotos eram: ultramacios, hipermacios e ultramacios.

https://twitter.com/F1/status/1040903569057230848

Raikkonen fora o primeiro a abrir a tabela de tempos na terceira sessão e tinha 1:40:012, utilizando os compostos hipermacios. Enquanto isso Sebastian Vettel concluía a sua volta superando a marca obtida pelo companheiro de equipe que havia registrado 1:40:008, com os mesmos compostos de faixa rosa.

Gasly enfrentava problemas com a direção do carro em sua primeira volta era obrigado a retornar aos boxes da Toro Rosso.

Com quase 10 minutos de sessão Hamilton passava a ocupar a pista, com os compostos macios instalados na sua Mercedes.

Bottas passava a ser o terceiro colocado com 1:43:033, seguido por Satroll e Hulkenberg. Vettel que havia registrado cinco voltas com o seu composto, retornava para a pista em mais uma volta de verificação.

Hamilton em sua primeira volta cronometrada era apenas o décimo colocado, com uma marca muito alta e na volta seguinte passava a buscar uma volta rápida, para se tornar o quarto colocado com 1:42:507, já que Bottas logo o superava com 1:41:975.

A dupla da Mercedes era logo superada pelos carros da Racing Point Force India, Haas e até mesmo a Toro Roso, tudo por conta da escolha dos compostos, já que as outras equipes deram preferência aos hipermacios nesta sessão.

Ricciardo era liberado 24 minutos após a pista ter sido aberta para as primeiras voltas. Verstappen e a dupla da McLaren seguiam sem tempos cronometrados.

Chegando perto da conclusão da primeira meia hora, Alonso conseguia se encaixar na sexta posição, com Vandoorne em nono. Ricciardo no entanto era apenas o décimo terceiro colocado.

As posições eram: Vettel, Raikkonen, Ocon, Bottas, Pérez, Alonso, Grosjean, Gasly, Vandoorne e Magnussen.

Sebastian Vettel retornava para a pista com novos compostos hipermacios para a realização de mais um stint de voltas rápidas e pouco depois o alemão conseguia melhorar a sua marca para 1:38:054.

Verstappen obteve a sua marca, restando pouco mais de 20 minutos para o término da sessão, passando a ser o terceiro colocado ao registrar 1:40:826

Raikkonen também era liberado com os compostos de faixa rosa e conseguia melhorar para 1:38:416. Hamilton também havia instalado os mesmos compostos utilizados pela Ferrari e partia para mais algumas voltas rápidas.

Hamilton passava a ser o terceiro colocado, seguido por Bottas em quarto.

O inglês seguia na pista melhorando a sua marca para 1:38:558 na quarta volta do seu composto.

Sainz com 8 minutos restantes de sessão era enviado com os compostos hipermacios, enquanto Hulkenberg seguia para nos boxes. O espanhol era o décimo sétimo colocado.

Sebastian Vettel e Kimi Raikkonen assim como Grosjean, Ocon, Alonso e Magnussen utilizavam os minutos finais para a realização da sua simulação de corrida.

O espanhol da Renault conseguia subir para a nona posição. Enquanto Hulkenberg deixava os boxes para melhorar a sua marca com os compostos mais velozes do final de semana.

Ricciardo de décimo terceiro passava a ser o quinto colocado com 1:39:186 seguido por Verstappen.

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele espertou em mim o interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Fiz da RBR minha casa e meu carro favorito é a Kinky Kylie.