Teste 2 Abu Dhabi – Charles Leclerc estreia na Ferrari, liderando último dia de testes para a Pirelli

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

O segundo – e último – dia de testes realizados para a Pirelli foram bem movimentado, Charles Leclerc fez a sua estreia na Ferrari cravando 1:36:450. O monegasco finalizou o dia como líder da sessão, não tendo melhor forma de mostrar seu desempenho na primeira vez com o carro da equipe italiana.

Durante a próxima temporada, Leclerc substituirá Kimi Raikkonen para fazer dupla com Sebastian Vettel. O jovem piloto completou 135 voltas, sua melhor marca foi obtida com o composto 5, o mais próximo do que seriam os hipermacios utilizados durante essa temporada.

A sessão foi marcada pelo ritmo de corrida, mas principalmente a parte vespertina. Charles Leclerc passou a ser o mais rápido, ainda na manhã, superando Pierre Gasly, que se manteve ainda na segunda posição. O francês que já estava guiando pela Red Bull também melhorou a sua marca, mas não conseguiu superar Leclerc.  

Lance Stroll, da Racing Point Force India, executou seu segundo dia de testes sendo o único a representar a equipe. O canadense ficou com a terceira posição pelo segundo dia consecutivo, ao registrar 1:38:044 com os compostos hipermacios, ao todo, completou 122 voltas.

As equipes e pilotos que mais deram voltas foram: Daniil Kvyat (Toro Rosso – 8°) com 155 e Carlos Sainz (McLaren – 5°) com 150. Valtteri Bottas (4°) foi o que chegou mais perto, completando 143. O russo diferente de Sainz que guiou pela primeira vez para a McLaren, está retornando ao time da Toro Rosso para competir na próxima temporada.

Artem Markelov representou a Renault, o piloto da Fórmula 2 ficou com a sexta posição, registrando 1:38:590, completando 129 voltas na pista. O motivo para ele assumir os testes está em Daniel Ricciardo,ainda não ter a autorização para guiar o carro da equipe francesa.

George Russell assumiu o comando da Williams à tarde em um treino com menos duração que o realizado com Robert Kubica (10°). Devido a alguns problemas na manhã, a equipe de Grove permaneceu com o polonês por mais uma hora na pista. Ambos os pilotos completaram poucas voltas, Russell ficou com 38 e Kubica com 56. O mais jovem piloto a integrar a equipe foi melhor com os compostos hipermacios, finalizando em sétimo.

Louis Delétraz assumiu o comando da Haas, o suíço assumiu a função de Pietro Fittipaldi neste segundo dia de atividades. Esse foi o seu primeiro contato com um carro da Fórmula 1. Teve um bom dia de participações, completando 117 voltas depois de a equipe perder quatro horas de testes na terça-feira para a troca de unidade de energia.

+ Saiba como foi o primeiro dia de testes em Abu Dhabi

A alta quilometragem obtida hoje está vinculada a apenas uma interrupção nos testes. Antonio Giovinazzi causou uma bandeira vermelha no dia e a única da sessão. O italiano parou na saída do pit lane, próximo ao túnel, e precisou ter o carro removido para desobstruir a passagem. Foi apenas neste momento que todos precisaram retornar aos boxes.

O italiano ficou com a última posição, completando 128 voltas. Kimi Raikkonen teve problemas no dia anterior, ficando parado próximo a curva 7 do circuito, causando a terceira bandeira amarela da sessão. 

Agora são 82 dias até os primeiros testes da pré-temporada de 2019.

https://twitter.com/pirellisport/status/1067798651723018241

Comparativo dos dois dia de sessão:

Foto de Capa: 

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele espertou em mim o interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Fiz da RBR minha casa e meu carro favorito é a Kinky Kylie.