Preview Fórmula E, terceira Etapa será realizada em Santiago e Sam Bird voa para se manter em alta no Parque o’Higgins

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

A Fórmula E retorna no dia 18 de janeiro para disputar a terceira etapa da temporada, a categoria vai passar pela terceira vez no Chile. São 24 pilotos se enfrentando em Santiago.

O Parque O’Higgins é o palco desta disputa, sendo o segundo maior parque da cidade e o responsável por atrair diversos eventos importantes como o Lollapalooza, desta forma se torna um local de grande procura pelos turistas.

lll Pista

O circuito anti-horário fornece 11 curvas mescladas com boas retas espalhadas por todo o seu comprimento. A pista foi redesenhada em alguns pontos para este ano, o pit-lane foi realocado e a chicane que ficava entre a curva 7 e 8 foi removida, o trecho entre a curva 9 e 11 sofreu uma boa alteração.

Traçado utilizado em 2019.
Traçado a ser utilizado em 2020.

A pista mistura a boa aderência em alguns trechos (curva 2 a 8) e baixa aderência (curva 9 a 1) em outros, o pneu traseiro direito é o que mais sofre com o desgaste. O traçado é bem exigente e requer uma boa configuração para o eixo dianteiro. Os melhores pontos de ultrapassagem ficam localizados na primeira curva e a nona; já o ponto do Modo Ataque fica na parte externa da curva 3. 

Na quarta temporada (2017-2018), enquanto a Fórmula E se deslocava da África para a América do Sul,  o novo carro que seria utilizado a partir da temporada 2018-2019 foi anunciado e chocou os amantes da categoria: seu desenho consistia na utilização do halo, além disso tinha um grande difusor e pouca asa traseira, deixando-o com cara de protótipo por cobrir as rodas. A categoria também anunciava o fim do pit-stop, por conta da autonomia da bateria que havia aumentado.

lll  Relembre a Corrida da Temporada 2018/2019

A prova de Santiago foi disputada como a terceira etapa do campeonato, Sam Bird conquistou a vitória, após travar uma intensa disputa com Pascal Wehrlein, mas o início da prova merece destaque pois Bird induziu Sebastien Buemi ao erro. Daniel Abt completou o pódio com a terceira posição e ainda foi dono da volta rápida com 1:11:263, garantindo mais um ponto para o campeonato.

Assim como a corrida realizada em na temporada de 2017/2018, as coisas não foram fáceis para Lucas Di Grassi, o brasileiro sofreu punição e largou da última posição, terminando apenas no décimo segundo lugar.

Felipe Massa tinha grandes chances de terminar na nona posição, mas foi prensado no muro de contenção por Oliver Rowland e teve a suspenção danificada, causando o seu abandono.

Leia também: Calor, punições confusas e umas pitadas de sorte: Sam Bird brilha em Santiago

E por falar em abandono, ainda no inicio da prova surgiu algumas dúvidas quanto a duração da bateria dos carros, por conta das altas temperaturas na pista, a medida que a prova tinha desenvolvimento a pista de 42°C, passava a ter picos com 46°C e este aparentava ser o motivo do abandono de Tom Dillman.

Bird cruzou a linha de chegada com 3% apenas de bateria, assumindo a liderança do campeonato com 43 pontos. Na tabela de pilotos d’Ambrosio era o segundo colocado, com 42 pontos e mesmo sem completar a prova Félix da Costa era o terceiro colocado, distante dos líderes com apenas 28 pontos.

lll Vencedores anteriores

2019 – Sam Bird, Enivision Virgin Racing
2018 – Jean-Eric Vergne, Techeetah – Renault

A corrida em Santiago começará no sábado às 15h30, marcando o 61º E-Prix, a corrida tem duração de 45 minutos, mais uma volta . Com 41 pódios e 1.127 pontos, o Audi Sport ABT Schaeffler ocupa o primeiro lugar na tabela de classificação.

 

 

 

Subscribe to
BPCast

Or subscribe with your favorite app by using the address below

 

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!