GP de Mônaco – Lewis Hamilton luta com pneus desgastados em busca de vitória e Verstappen é punido

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

Lewis Hamilton teve uma vitória suada hoje (26) em Mônaco, precisando se segurar até a última volta com as investidas de Max Verstappen. A Mercedes errou na estratégia ao colocar os pneus macios quando o Safety Car entrou na pista, a equipe contava com a chuva que se aproximava do circuito, mas os pingos não foram capaz de afetar a prova. Desta forma o inglês de pneus médios precisava segurar aqueles que estavam com os compostos duros atrás. 

Hamilton ainda conseguiu fazer uma bela homenagem para Niki Lauda, ao correr com um capacete vermelho produzido para a prova e subir ao pódio com o boné utilizado antes do início da corrida.

Max Verstappen perdeu a segunda posição para Sebastian Vettel, após cumprir a punição, por conta da batida com Valtteri Bottas nos boxes. Foram acrecidos 5 segundos ao tempo do holandês e devido a aproximação daqueles que vinham atrás, o piloto da Red Bull acabou caindo para a quarta posição.

Sebastian Vettel herdou o segundo lugar, também em consequência da punição do que estava a sua frente. Valtteri Bottas foi o mais prejudicado, pois após a batida com o Max, teve o pneu furado e precisou realizar mais uma parada, desta forma ficando atrás de Sebastian Vettel. Foi uma corrida conservadora destes dois, sabendo que é difícil ultrapassar em Mônaco, optaram por manter uma distância confortável, conservar os pneus e só se aproximar nas últimas voltas. 

Pierre Gasly ficou com a quinta posição e a melhor volta da prova. Carlos Sainz defendeu a sexta posição para a McLaren, seguido pela dupla da Toro Rosso, com Daniil Kvyat em sétimo e Alexander Albon em oitavo, quatro carros com motores Honda finalizando a prova entre os dez. Daniel Ricciardo conseguiu a nona posição, ainda que no início da prova, tenha demostrado o quanto a Renault está atrás em desempenho. Romain Grojean ao cumprir a punição, caiu para a décima posição.

A Fórmula 1 retorna em quinze dias para a realização do Grande Prêmio do Canadá. 

lll Saiba como foi a Corrida em Mônaco

Em homenagem ao Niki Lauda, todos os pilotos estavam usando um boné vermelho, escrito Niki, além de prestarem um minuto de silêncio por conta da sua perda nesta semana.

https://twitter.com/F1/status/1132632580682113024

Antonio Giovinazzi perdia três posições no grid, após atrapalhar Nico Hulkenberg durante a classificação, desta forma o piloto da Alfa Romeo largou da décima oitava posição. Pierre Gasly teve a mesma penalidade, devido a reclamação de Romain Grosjean, desta forma o piloto da Red Bull saiu da oitava posição.

https://twitter.com/F1/status/1132636106489507840

Volta 1: Lewis Hamilton conseguia manter a ponta, com Verstappen ameaçando a segunda posição de Valtteri Bottas, mas o piloto da Mercedes permanecia à frente. Foi mais uma largada conservadora na temporada.

Gasly era o que melhor havia largado, conseguindo subir para a sétima posição, após balançar muito com o carro.

Sem nenhum incidente na largada, a corrida tinha segmento, com um pequeno engarrafamento entre a quinta e a sétima curva, por conta dos carros estarem muito grandes e próximos.

Volta 2: As posições eram, Hamilton, Bottas, Verstappen, Vettel, Ricciardo, Magnussen, Gasly, Sainz, Kvyat e Albon. Charles Leclerc que havia largado da décima quinta posição, após a punição de Giovinazzi, já era visto em décimo terceiro, arriscando, utilizar todos os espaços para ganhar posições, desta forma foi a ultrapassagem do monegasco em Lando Norris.

https://twitter.com/F1/status/1132637308212121603

Volta 6: Lewis Hamilton na ponta, conseguia abrir uma distância de mais de um segundo para Bottas. Sebastian Vettel na quarta posição estava a mais de 13s à frente de Daniel Ricciardo.

Volta 8: Charles Leclerc ultrapassava Grosjean, ao se jogar na La Rascasse e tocar roda com roda.

https://twitter.com/F1/status/1132638627052314624

Volta 9: Na volta seguinte, Leclerc que vinha em ritmo alucinante, acabava batendo em Nico Hukenberg. Após o toque o monegasco acabava furando o pneu e se arrastava pela pista. O piloto da Ferrari atrapalhou vários pilotos e caiu para a última posição.

https://twitter.com/F1/status/1132639281510526981

Volta 10: Após chegar aos boxes Charles Leclerc retornava com os pneus duros (faixa branca), mas passava a ser o último colocado e tomando volta do líder.

Volta 11: O Safety Car entrava na pista, Hamilton, Bottas, Verstappen e Vettel seguiam para os boxes. Hamilton e Bottas instalavam os médios (faixa amarela), enquanto Verstappen e Vettel estavam com os duros.

https://twitter.com/F1/status/1132640134766190592

Volta 12: Na saída dos boxes, Verstappen ganhava a posição do finlandês, após um toque no pit-lane. As posições eram: Hamilton, Verstappen, Bottas, Vettel, Gasly, Sainz, Kvyat, Albon, Grosjean e Norris.

Volta 13: Valtteri Bottas seguia mais uma vez aos boxes e retornava com os pneus duros na quarta posição. O finlandês teve o pneu furado após o toque com o holandês da Red Bull.

Volta 14: O Safety Car deixava a pista e acontecia a relargada. Hamilton conseguia se manter na ponta, mas Vettel era atacado por Bottas. No entanto as posições permaneciam as mesmas por conta da falta de pontos de ultrapassagem em Mônaco. Leclerc havia se posicionado na volta do líder e era apenas o último colocado.

Volta 15: Antonio Giovinazzi tocava Robert Kubica que ficava atravessado na curva 16. Leclerc pressionava para conseguir passagem, mas precisava esperar o carro da Williams se reposicionar.

https://twitter.com/F1/status/1132642447102754817

Volta 17: Charles Leclerc havia parado mais uma vez, retornando com os pneus macios (faixa vermelha).

Volta 18: O monegasco abandonava a corrida, porque tinha muitas avarias no carro e não compensava mais ficar na pista.

https://twitter.com/F1/status/1132642998041366528

Volta 19: As posições eram: Hamilton, Verstappen, Vettel, Bottas, Gasly, Sainz, Kvyat, Albon, Grosjean e Norris.

Volta 21: Hamilton não conseguia abrir distância para Max Verstappen, na verdade ela começava a cair rapidamente e eles estavam andando a menos de um segundo de distância. Vettel e Bottas também estavam nessa disputa, pois rodavam de forma extremamente próxima.

Volta 23: Max Verstappen era punido com cinco segundos por conta da batida com Valtteri Bottas nos boxes. Se parasse mais uma vez, deveria cumprir ela nos boxes ou seria acrescida ao final da corrida. Devido a proximidade o holandês acabaria caindo para a quinta posição, se a corrida estivesse próxima do seu término.

Volta 26: Antonio Giovinazzi era punido com 10 segundos pelo toque com Robert Kubica durante a volta 15.

Volta 28: Pierre Gasly seguia para os boxes e retornava com os pneus macios, na nona posição.

A chuva também chegava na corrida , mas ainda era bem fraca, molhando alguns trechos da pista!

Volta 31: Carlos Sainz realizava a sua troca e passava a ser o nono colocado. Entre os 10 primeiros apenas Kvyat (5°), Albon (6°), Grosjean (7°) e Norris (10°) não haviam parado nenhuma vez nos boxes.

Volta 33: Era a vez de Daniil Kvyat realizar a sua troca de pneus, retornando em nono e as posições no grid começavam a se arranjar.

Na ponta Hamilton seguia ameaçado por Verstappen, em alguns trechos a distância caia para 0s600. O holandês conseguia tomar distância para Sebastian Vettel que seguia na terceira posição. Bottas também não ameaçava mais o alemão da Ferrari.

Volta 39: Kimi Raikkonen acabava batendo em Lance Stroll ao tentar obter a décima primeira posição.

https://twitter.com/F1/status/1132649906395598849

Volta 40: Lance Stroll seguia para os boxes e retornava na décima oitava posição, assim como Albon em quinto, que era chamado pela Toro Rosso para realizar a sua troca de pneus. O primeiro retornava com os duros enquanto o tailandês tinha os macios instalados.

Volta 48: Raikkonen tinha um trenzinho formado atrás do seu carro e para não perder mais tempo, seguia para os boxes, retornando em décimo sétimo, evitando dar passagem nos boxes.

Valtteri Bottas precisava negociar espaço com Lance Stroll que era retardatário, mas estava em disputa pelo décimo quinto lugar com George Russell da Williams.

Volta 51: Roman Grosjean, o último entre os 10 que não havia parado, seguia para os boxes, retornando em nono. Desta forma as posições eram: Hamilton, Verstappen, Vettel, Bottas, Gasly, Sainz, Kvyat, Albon, Grosjean e Ricciardo. O inglês seguia reclamando sobre os compostos, por conta do seu grande desgaste.

Volta 57: A Mercedes seguia motivando o inglês para continuar na pista e segurar Max Verstappen, que não conseguia arrumar espaço para realizar a ultrapassagem.

Volta 63: Pierre Gasly que estava na quinta posição, parava mais uma vez nos boxes, retornando com os compostos macios, par tentar o ponto de melhor volta da corrida. Com tempo suficiente o francês conseguia retornar na mesma posição.

Volta 67: Sebastian Vettel retornava pela disputa da segunda posição, passando a andar mais próximo de Max Verstappen. Gasly conseguia roubar a volta mais rápida que era de Bottas, ao anotar 1:14:567.

Volta 71: Valtteri Bottas se aproximava da disputa, dificultando a permanência de Verstappen no pódio.

O holandês cometia um pequeno erro, utilizando a área de escape enquanto tentava se aproximar cada vez mais do inglês. O carro da Red Bull tinha os pneus traseiros bem desgastados e começava a sair de traseira em alguns trechos.

Volta 74: Romain Grosjean que era o nono colocado recebia uma punição de cinco segundos, por cruzar a linha do pit-lane.

Volta 75: Hamilton fazia de tudo para segurar Max Verstappen, acelerando apenas nos trechos necessários, enquanto isso o holandês espalhava em cada tentativa de aproximação.

Volta 76: Max Verstappen após travar os pneus, tocava roda com roda com o inglês. O piloto da Mercedes passava reto pela chincane após o toque, mas as posições eram mantidas.

https://twitter.com/F1/status/1132661317091909632

Volta 77: Max tentava se aproximar mais uma vez para conseguir a ultrapassagem na última volta.

Volta 78: Lewis Hamilton conseguia vencer a corrida, seguido por Verstappen e Vettel. O holandês pedia a posição para Bottas se tornando o quarto colocado após cumprir a punição do início da prova.

Posições após as punições cumpridas: Hamilton, Vettel, Bottas, Verstappen, Gasly, Sainz, Kvyat, Albon, Ricciardo e Grosjean.

https://twitter.com/F1/status/1132662759261392896

https://twitter.com/F1/status/1132665949595873280

 

 

Assinar

BPCast

Ou assine com seu app favorito usando o endereço abaixo


Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele espertou em mim o interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Fiz da RBR minha casa e meu carro favorito é a Kinky Kylie.