#DTMMisano – Montanha-russa de Wittmann – Müller quebra jejum de vitórias

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

lll ALTERAÇÕES NO LINE-UP DA AUDI

Dovizioso Fonte: DTM

Antes de começar a falar das corridas da etapa italiana da temporada 2019, é preciso explicar algumas pequenas mudanças no line-up da Audi. O Pietro Fittipaldi, que corre pela equipe WRT, iria ser ausentar da etapa de Misano para acompanhar a equipe Haas, da Formula 1, no GP do Canadá. Em seu lugar Andrea Dovizioso, da MotoGP, fez sua estréia na categoria como convidado especial. Mas poucos dias antes, Jamie Green, da equipe Rosberg, precisou fazer uma cirurgia de apendicite. Com isso, Pietro Fittipaldi foi liberado para a Haas para ser o substituto de Jamie Green. Ou seja, Andrea Dovizioso substituiu Pietro Fittipaldi na equipe WRT, e Pietro Fittipaldi substituiu Jamie Green na equipe Rosberg.

lll RESUMO DA R1

A montanha-russa de Marco Wittmann logo na classificação. Devido a problemas mecânicos, ele não conseguiu sequer entrar na pista, e teve de largar de último. Com isso, foi preciso uma estratégia, no mínimo, ousada para ganhar posições. Marco Wittmann fez sua parada nos boxes (Pasmem!) ainda no final da primeira volta. Com isso, não precisaria parar mais, se conseguisse administrar bem seus pneus Hankook. E não é que ele conseguiu?

Não foi apenas Marco Wittmann, mas também Ferdinand Von Habsburg fez a mesma estratégia. Na volta 4, Joel Eriksson acabou parando na pista com problemas no acelerador, causando seu abandono e, consequentemente, a entrada do Safety Car. Com isso, Marco Wittmann e Ferdinand Von Habsburg se juntaram ao pelotão.

R1 Wittmann Fonte: DTM

Conforme eles foram fazendo algumas ultrapassagens, e ganhando algumas posições enquanto os outros faziam suas paradas de box, iam subindo na tabela. Na volta 17 Marco Wittmann, de forma impressionante, assumia a liderança da corrida e não saiu mais de lá. Conseguiu administrar bem seus pneus, e mesmo perdendo ritmo no final, não foi ameaçado em nenhum momento. Venceu de forma brilhante, depois de ter largado em último.

Já Ferdinand Von Habsburg não teve a mesma sorte e sofreu várias ultrapassagens nas voltas finais, terminando em P14. Nem podemos colocar a culpa no piloto, já que nessa etapa todas as Aston Martin fecharam as tabelas da R1 e R2. Aos poucos começam a sentir a diferença aumentando para BMW e Audi.

R1 Dovizioso Vs. Fittipaldi Fonte: DTM

Andrea Dovizioso não foi mal. Ficou à frente de Pietro Fittipaldi metade da corrida, e só foi ultrapassado após as paradas de box. E por sinal, ambos entraram juntos no box, e quase se batem, já que liberaram Andrea Dovizioso de forma perigosa. Com isso Pietro Fittipaldi ficou a poucos centímetros da traseira do carro de Andrea Dovizioso.

R1 Frijns Vs. Aberdein – Fonte: DTM

Duas disputas interessantes marcaram a R1. Robin Frijns pressionava Jonathan Aberdein pela P5 no primeiro terço da corrida, e conseguiu uma linda ultrapassagem por fora na curva 6. E na metade da corrida Loic Duval pressionava Sheldon Van Der Linde pela P4 por algumas voltas, e também fazendo uma linda ultrapassagem por fora na curva 11.

Confira o resultado da R1:

lll RESUMO DA R2

As primeiras curvas da primeira volta foram bem animadas. Mas nem pra todo mundo. René Rast largou na pole, mas antes da primeira freada, caiu para P3, com Robin Frijns e Nico Müller pulando para P1 e P2, respectivamente. Na metade da primeira volta, um 3 wide com Marco Wittmann (por fora), René Rast (no meio) e Jonathan Aberdein (por dentro) na entrada da curva 8 não acabou bem para o vencedor da R1. Marco Wittmann teve seu carro danificado no toque, e foi induzido a ir passear na brita. Fim de prova para ele.

R2 Wittmann – Fonte: DTM

E Marco Wittmann abandonar não foi uma pena só por ele ter vencido a R1, e seu abandono na R2 ser tão precoce. Mas essa era a comemoração de sua corrida número 100 na categoria. Outro piloto que também estava comemorando sua corrida número 100 foi Timo Glock. E que também abandonou. Seu carro teve um problema de motor na volta 5, forçando-o a recolher para os boxes.

R2 Rast – Fonte: DTM

Lá na frente, René Rast vinha se recuperando de uma largada ruim, e ultrapassou Nico Müller e Robin Frijns, assumindo a liderança da corrida na volta 9. Mas não durou muito tempo. No meio da volta 14, René Rast teve um pneu furado. Felizmente estava perto da entrada do box, e precisou adiantar sua estratégia. Nico Müller assumiu a liderança, e só a perdeu momentaneamente durante as paradas de box.

Na volta 12 Loic Duval não consegue frear a tempo, e acaba tocando em Robin Frijns, enquanto brigavam pela P3. Robin Frijns acabou rodando, mas não teve danos em seu carro. Loic Duval não foi punido, e seguiu o jogo.

A melhor briga da corrida ficou por conta de Jonathan Aberdein e Joel Eriksson. Primeiro Jonathan Aberdein pressionou até ultrapassar Joel Eriksson na volta 27, valendo a P7 (na verdade, P6, já que Jake Dennis, que estava em P2, ainda não havia parado nos boxes). Mas Joel Eriksson não desistiu, e se manteve na cola do adversário, esperando o momento certo para atacar. E foi na última volta, na curva 10, e por fora.

R2 Frijns Vs. Fittipaldi – Fonte: DTM

Pietro Fittipaldi não foi tão radical quanto Marco Wittmann na R1, mas também parou cedo, na volta 6. Outros também pararam antes dele. Mas somente Pietro Fittipaldi fez a estratégia funcionar. Na volta 16 já era P9, e na volta 30 assumiu a P4. Terminou em P5 após ser ultrapassado por Robin Frijns na volta 34.

Andrea Dovizioso chegou a estar no Top 10 por boa parte da corrida, mas após a parada nos boxes, perdeu rendimento, e chegou a rodar na volta 31. Mesmo assim, terminou a corrida. Em último, mas terminou. Foi o único carro que as Aston Martin conseguiram superar.

R2 Müller – Fonte: DTM

Nico Müller voltou a vencer, depois de um hiato de quase 3 anos sem vitória. E venceu com autoridade. Philipp Eng terminou em segundo, depois de um começo tímido. Seu ritmo melhorou no meio da corrida em diante. René Rast, depois do susto com um pneu furado, ainda saiu no lucro, fechando o pódio.

Confira o resultado da R2:

Confira o Top 10 da classificação do campeonato:

lll ASSISTA NO YOUTUBE

Neste ano de 2019, nenhuma emissora no Brasil está transmitindo a categoria. Portanto, o canal oficial do DTM libera todos os vídeos e transmissões ao vivo para o território brasileiro por todas as etapas.

Confira a R1 & R2 da etapa de Misano:

lll OPINIÃO DO COLUNISTA

É incrível como é a montanha-russa da vida. Em um momento, você não consegue se classificar, e larga em último. Poucas horas depois, você vence essa corrida, na qual você largou em último. E em menos de 24 horas depois, você é o primeiro a abandonar a corrida. Esse foi o resumo do final de semana de Marco Wittmann.

R2 Fittipaldi – Fonte: DTM

Ótimo resultado do Pietro Fittipaldi, chegando em P5 na R2. E olha que por muito pouco ele sequer teria ido pra Misano, e sim teria ido pra Montreal assistir de camarote o Kevin Magnussen bater no Sábado e reclamar do carro no Domingo.

 

Rossi e Berger – Fonte: DTM

Foi muito legal ver o Andrea Dovizioso na DTM. Espero ver mais situações como essa em breve. E o Gehard Berger já foi sondar o Valentino Rossi para correr também. Quem sabe em 2020? Mas foi triste ver que, mesmo com um astro da MotoGP no grid, não encheu as arquibancadas. A categoria precisa trabalhar muito em interação com seu público. Corridas boas, pelo menos em 2019, já está entregando.

A Aston Martin sofreu um duro golpe, fechando as tabelas dos resultados na duas corridas. Não foi na R2, mas Andrea Dovizioso só terminou em último graças a sua rodada perto do final. O campeonato precisa de uma Aston Martin forte. Caso contrário, a marca pode começar a repensar seu investimento.

lll CALENDÁRIO 2019

Etapas concluídas:

04 e 05 de Maio – Hockenheim (Alemanha)

18 e 19 de Maio – Zolder (Bélgica)

08 e 09 de Junho – Misano (Itália)

Etapas restantes:

06 e 07 de Julho – Norisring (Alemanha)

20 e 21 de Julho – Assen (Holanda)

10 e 11 de Agosto – Brands Hatch (Inglaterra)

24 e 25 de Agosto – Lausitz (Alemanha)

14 e 15 de Setembro – Nürburgring (Alemanha)

05 e 06 de Outubro – Hockenheim (Alemanha)

Assinar

BPCast

Ou assine com seu app favorito usando o endereço abaixo

Bruno Shinosaki

Hoje eu não sou apenas um fã de Formula 1, eu me considero sim um grande fã de esporte a motor. Sempre acompanhando e tentando aprender mais. No momento, principalmente pelo site/canal, tenho focado muito em Formula 1, Moto3, Moto2, MotoGP, Superbike, IndyCar e Formula E. Mas sempre atento também a Nascar, StockCar, DTM e outras categorias.