Classificação – Bottas faz a pole-position e Williams não passa do Q1

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

Vatteri Bottas marcou a pole deste sábado para o Grande Prêmio da Áustria que acontece nesse domingo (9) ao marcar 1:04:251. A classificação terminou com bandeira amarela e não deu oportunidade para mais uma volta rápida. Hamilton que estava em terceiro, vai largar do oitavo lugar para cumprir a sua punição de perda de 5 posições no grid. 

| Saiba como foi a Classificação

ll Q1

https://twitter.com/F1/status/883657284521529346

Sauber e Haas foram as primeiras equipes a deixar os boxes e estavam com pneus ultramacios. A Ferrari também deixava os boxes, mas apostava nos pneus supermacios. A Sauber tinha tempos muito altos, andando na casa de 1:08 e 1:07, Magnussem marcava 1:06:143 e Gorsjean 1:06:301, Vettel aparecia em terceiro 1:06:437, pouco tempo depois Raikkonen era o segundo com 1:06:165. Grosjean acabava passeando na brita. 

Daniel Ricciardo marcava o primeiro tempo com 1:06:066, mas não demorou muito tempo e a ponta foi tomada por Sebastian Vettel ao marcar 1:05:585. Ocon também com pneus ultramacios marcava o terceiro tempo com 1:06:137 e Pérez era décimo. Alonso com a sua McLaren fazia o oitavo tempo com 1:06:260.

Magnussen acabou quebrando a suspensão traseira do lado esquerdo quando passou por uma zebra e teve que recolher o carro. Hamilton assumia a ponta da tabela com 1:05:283 e continuava baixando o tempo na pista (1:05:064). Bottas era terceiro com pneus supermacios (1:05:760).

Faltando seis minutos para o termino da sessão a classificação era, Hamilton, Vettel, Bottas, Verstappen, Ricciardo, Pérez, Ocon, Magnussen, Alonso e Raikkonen. Vettel continuava na pista e era visto travando rodas, uma coisa que se tornou comum de se ver neste circuito.

Grosjean subia para a sexta posição ao marcar 1:05:902. A Williams continuava no final da tabela, Massa em décimo quinto (1:06:534) e Lance Stroll que vinha com grandes chances de passar para o Q2, acabou errando no setor 3 e se manteve em décimo oitavo.

Em seguida Carlos Sainz jr subia para quarto após marcar 1:05:675 e seu companheiro de equipe Daniil Kvyat era décimo, com isso Felipe Massa perdia posições e ficava fora do Q2. Massa e Stroll ainda foram mandados para a pista em mais uma tentativa, mas nenhum dos dois conseguiu evoluir. Raikkonen tomava o segundo lugar de Vettel com 1:05:148.

ll Eliminados
16. Jolyon Palmer 1:06:345
17. Felipe Massa 1:06:534
18. Lance Stroll 1:06:608
19. Marcus Ericsson 1:06:857
20. Pascal Wehrlein 1:07:011

https://twitter.com/F1/status/883662230490927104

ll Q2

Hamilton deixa os boxes com pneus supermacios e era informado sobre a possibilidade daquele jogo de pneu ser usado para a largada, Bottas e Vettel apostam nos ultra. Hamilton já marca 1:04:800 e Vettel passava em segundo com 1:04:823. Bottas conseguia andar mais rápido e marcava 1:04:640, Raikkonen era quarto com 1:05:004, mas Verstappen tomava a posição do finlandês da Ferrari ao marcar 1:04:948 e Ricciardo era sétimo 1:05:449. 

https://twitter.com/F1/status/883664167340736513

Os carros da Force India começavam a andar bem Pérez se tornava o oitavo com 1:05:500. Alonso com o motor da fase 2 era décimo 1:05:602 e Vandoorne com o modelo mais novo era décimo segundo 1:05:895. Hulkenberg subia para décimo primeiro com 1:05:759. Kvyat décimo quarto e Magnussen décimo quinto.

Faltando três minutos para o termino da sessão Vettel e Grosjean voltavam para pista e Vettel melhorava o seu tempo 1:04:772 e o piloto da Haas se mantinha em sexto. Pérez reduzia o seu tempo com 1:05:435 e Ocon em décimo passava para o Q3.

ll Eliminados
11. Nico Hulkenberg 1:05:597
12. Fernando Alonso 1:05:602
13. Stoffel Vandoorne 1:05:741
14. Daniil Kvyat 1:05:884
15. Kevin Magnussen – não correu pois quebrou a suspensão no Q1

https://twitter.com/F1/status/883668078516678656

ll Q3

https://twitter.com/F1/status/883669225302261760

Os carros da Red Bull são os primeiros a sair do pit-lane, em seguida foram os da Mercedes que deixaram os boxes, da Ferrari, Vettel era o primeiro, todos com ultramacios. Verstappen registrava o primeiro tempo da Q3 1:05:110 e em seguida Ricciardo marcava 1:04:997. Hamilton se tornava o primeiro com 1:04:424, mas Bottas vinha para assumir a ponta ao marcar 1:04:251, em seguida Vettel empurrava Hamilton para terceiro com 1:04:293. Raikkonen era quarto 1:04:779.

Verstappen se mantinha na pista na tentativa de superar o seu companheiro de equipe que havia feito o quinto o tempo, porém errava na sua busca por voltas rápidas e permanecia em sexto, mesmo melhorando um pouco a sua volta. Os carros retornavam para os boxes para trocar os pneus e começar um novo stint.

E a nova tentativa começava com apenas 3 minutos restantes. Ricciardo era o primeiro a deixar os boxes, mas via o seu carro saindo um pouco de traseira e acaba prejudicando a sua primeira tentativa. O treino terminava em bandeira amarela depois de Grosjean parar no setor 2 da pista, logo em seguida Verstappen também perdia o controle do carro e parava na brita e não deixava o chances de mais uma tentativa de volta para os ponteiros da sessão.

https://twitter.com/F1/status/883672869200416768

https://twitter.com/F1/status/883674508640563200

 

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!