Classificação Abu Dhabi – Hamilton surpreende de novo e crava última pole do ano

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

Na última classificação do ano, que ocorreu hoje (24) no circuito de Yas Marina, em Abu Dhabi, Hamilton surpreendeu mais uma vez neste ano ao faturar a 83ª pole-position anotando 1:34:794. O piloto da Mercedes melhorou sua primeira parcial, mesmo que ainda tenha cometido alguns erros e sofrido com a instabilidade da traseira do seu carro.

Bottas acompanhou o ritmo do seu companheiro de equipe ao anotar 1:34:956, ficando atrás do inglês por apenas 0s162.

Sebastian Vettel também cometeu vários erros na sua volta extravasando os limites da pista que acabaram comprometendo a sua marca. Amanhã o alemão vai largar do terceiro lugar, acompanhado por Kimi Raikkonen.

Ricciardo foi melhor que Verstappen durante a classificação, principalmente no Q2 quando conseguiu um bom tempo com os ultramacios, ficando em em quarto, enquanto o holandês foi apenas o décimo. Durante a última fase da sessão, Ricciardo conseguiu colocar a sua Red Bull em quinto, com Verstappen em sexto.

O único piloto da Haas com bom rendimento foi Grosjean, que ocupou a sétima posição, enquanto Magnussen ficou em décimo terceiro.

Cherles Leclerc merece um destaque à parte, o piloto desafiou os ponteiros durante o Q1 e o Q2, virando melhores parciais e por pouco não tomando a liderança. O maior problema foi que o monegasco perdia tempo no terceiro setor, comprometendo, assim, a sua volta. O oitavo lugar ainda foi um ótimo resultado, já que Leclerc tinha apenas um jogo de hipermacios novos restante quando retornou à pista para o Q3.

Ocon foi mais um piloto a superar o companheiro de equipe, mantendo a constância das três sessões de treinos livres e largando da nona posição. Pérez ficou em décimo quarto. Hulkenberg fechou o top-10, ainda que Carlos Sainz seja o décimo primeiro foram bons os resultados para o time da Renault.

A corrida ocorre amanhã (25), com largada às 11:10 pelo horário de Brasília.

lll Saiba como foi a Classificação

Com o entardecer a temperatura da pista havia caído para 32°C, com 48% de umidade.

lll Q1

https://twitter.com/F1/status/1066316163716648960

Assim que a pista foi liberada, os pilotos não perderam tempo para toma-la. Todos investiam na utilização dos hipermacios.

Charles Leclerc era o primeiro a registrar volta no Q1, anotando 1:38:968, mas o tempo do monegasco foi logo superado por Gasly (1:38:707) e Hartley (1:38:713).

Os pilotos da Ferrari fecharam suas voltas pouco depois, o finlandês anotava um bom tempo com 1:37:010, mas Vettel conseguia melhorar as suas parciais e assumir a primeira posição ao marcar 1:36:946.

Separados por menos de um décimo de segundo, Hamilton assumindo o terceiro lugar com 1:37:022. Bottas seguia o companheiro de equipe com 1:37:319. Enquanto isso, os carros da Red Bull estavam aquecendo os seus pneus.

As posições eram: Vettel, Raikkonen, Hamilton, Bottas, Leclerc, Ocon, Pérez, Gasly, Hartley e Ericsson, restavam pouco mais de 8 minutos de sessão.

Sebastian Vettel conseguia melhorar o seu tempo para 1:36:775, Ricciardo passou a ser o quarto colocado (1:37:117), seguido por Verstappen com 1:37:195.

Os eliminados, restando cinco minutos para o término era: Magnussen, Ericsson, Vandoorne, Sirotkin, Stroll. Os pilotos retornavam para os boxes, para realizar a troca dos compostos, visando mais uma volta rápida no circuito.

Com cinco voltas do composto, Bottas anotava 1:36:789, seguido por Hamilton que conseguia melhorar para 1:36:828.

Charles Leclerc surpreendia, conseguindo superar o primeiro e o segundo setor de Sebastian Vettel, mas acabou perdendo tempo no terceiro. O piloto da Sauber passava a ser o sétimo colocado com 1:37:255.

Ocon conseguia melhorar para se tornar o quarto colocado. Alonso se salvava da eliminação, ao se tornar o décimo quarto.

Hartley encostava o carro, após o motor soltar uma fumaça.

lll Eliminados

16) Brendon Hartley 1:37:994

17) Pierre Gasly 1:38:166

18) Stoffel Vandoorne 1:38:577

19) Sergey Sirotkin 1:38:636

20) Lance Stroll 1:38:682

https://twitter.com/F1/status/1066321709047910400

lll Q2

https://twitter.com/F1/status/1066322217078874112

Para a segunda fase da sessão, as duplas da Ferrari, Mercedes e Red Bull, passaram a utilizar os compostos ultramacios.

Hamilton assumia a ponta com 1:35:639, com Bottas seguindo o companheiro de equipe, separados por 0s699. Raikkonen era o terceiro (1:36:735), com Vettel em quarto com 1:36:751. O alemão havia avançado na zebra e se encontrou com um piloto que estava mais lento, prejudicando um pouco a sua volta.

https://twitter.com/F1/status/1066323497302007808

Restando sete minutos para o término da sessão, as posições eram: Hamilton, Bottas, Raikkonen, Vettel, Ricciardo, Sainz, Leclerc, Grosjean, Hulkenberg e Magnussen.

A dupla da Racing Point Force India, fora enviada para a pista com os compostos ultramacios, mas ocupava apenas o décimo terceiro e o décimo quarto lugar, com Ocon e Pérez. Verstappen ao fechar a sua volta era apenas o décimo colocado.

Os pilotos retornavam aos boxes para as trocas de compostos e mais uma tentativa de chagar ao Q3.

Com exceção de Sebastian Vettel, todos estavam com os hipermacios instalados. Restavam pouco mais de dois minutos quando os pilotos voltaram para a pista.

Com uma boa posição, Leclerc subia para o terceiro lugar ao anotar 1:36:580, sendo seguido por Hulkenberg.

Ao fecharem suas voltas, Verstappen conseguia subir a segunda posição com 1:36:144. Vettel com os ultramacios, melhorava a sua marca para 1:36:345.  Raikkonen ficava apenas em oitavo e Ricciardo em décimo.

lll Eliminados

11) Carlos Sainz 1:36:982

12) Charles Leclerc 1:37:132

13) Kevin Magnussen 1:37:309

14) Sergio Pérez 1:37:541

15) Fernando Alonso 1:37:743

https://twitter.com/F1/status/1066327291612020737

lll Q3

https://twitter.com/F1/status/1066328234634211328

Para a última definição do ano, todos os pilotos utilizaram os compostos hipermacios, no entanto Leclerc e Ocon eram os únicos com os compostos de três voltas.

Hamilton cometia um pequeno erro, mas conseguia cravar 1:35:295, garantindo a pole ainda que momentaneamente. Bottas acompanhava o companheiro de equipe ao anotar (1:35:419), seguido por Ricciardo.

Raikkonen e Vettel fecharam as suas voltas pouco depois. O finlandês passou a ser o quinto colocado com 1:35:511, realizando apenas uma boa parcial no segundo setor. Vettel também cometera um erro em seu giro, mas conseguia encaixar uma boa segunda volta ao anotar 1:35:352.

Com pouco mais de três minutos, os pilotos retornaram para a pista com novos jogos de hipermacios, bem como Leclerc e Ocon com o seu único jogo novo do composto mais veloz do final de semana.

Hamilton conseguiu  melhorar seu tempo para 1:34:794 e Bottas não conseguia bater o companheiro, anotando 1:34:794.

Sebastian Vettel concluía a sua volta em terceiro com 1:35:125, cometendo alguns erros durante o seu giro. Raikkonen passava a ser o quarto colocado, seguido por Ricciardo. Leclerc conseguia se garantir em oitavo a frente de Ocon e Hulkenberg.

https://twitter.com/F1/status/1066334110074003456

Foto de Capa: @MercedesAMGF1

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele espertou em mim o interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Fiz da RBR minha casa e meu carro favorito é a Kinky Kylie.