ColunistaDestaquesFórmula 2IndyPost

Christian Lundgaard é confirmado pela RLL e vai disputar temporada 2022 da Indy

Lundgaard fecha trio de pilotos da RLL para a temporada 2022. O dinamarquês vai substituir Takuma Sato

Nesta quarta-feira (20) a RLL confirmou a contratação de Christian Lundgaard, o piloto vai competir na Indy durante a temporada 2022. O piloto chega ao time para ocupar o carro #30, substituindo Takuma Sato, enquanto terá Graham Rahal e Jack Harvey como companheiros de equipe.

Lundgaard está competindo atualmente na Fórmula 2, o piloto ocupa a 12ª posição do campeonato somando 28 pontos. O piloto conta com suporte da Alpine, pois faz parte da academia de pilotos da equipe francesa. Será a primeira temporada completa do dinamarquês na Indy, o piloto vai fazer parte do time chefiado por Bobby Rahal.

Na temporada 2021, o piloto dinamarquês foi convidado pela RLL para guiar durante o GP de Indianápolis, sua performance chamou a atenção na pista, onde conseguiu deixar uma boa impressão. Lundgaard que nunca tinha andado em um carro da categoria, se classificou na 4ª posição, brigando pela liderança, mas encerrou a prova no 12º lugar.

A RLL informou que o contrato é de múltiplos anos e a sua programação para a temporada será divulgada depois. Lundgaard terá a oportunidade de disputar às 500 Milhas de Indinapolis de 2022.

“Estou muito animado para me juntar à RLL na IndyCar. É uma equipe fantástica que me fez sentir muito bem-vindo no início deste ano, quando fiz a minha estreia na categoria. Eles são a escolha perfeita e estou feliz por me juntar a eles neste próximo capítulo da minha carreira. Eu estava com a mente muito aberta quando corri em Indianápolis em agosto e a experiência só aumentou minha vontade de tentar novamente, então ter a oportunidade como piloto profissional em tempo integral é um privilégio”, disse Lundgaard.

Lundgaard é confirmado pela equipe RLL para guiar na temporada 2022 na Indy – Foto: reprodução

Lundgaard é o segundo piloto da Fórmula 2 que é confirmado na Indy para a próxima temporada, Callum Ilott também conseguiu um contrato com a Juncos para disputar o próximo campeonato. A Indy tem chamado a atenção dos pilotos da base da Fórmula 1, já que muitos não tem a oportunidade de conseguir uma vaga no grid atual.

LEIA MAIS: Callum Ilott é confirmado pela Juncos e vai disputar a temporada completa na Indy em 2022

“Só posso agradecer a Bobby, Piers e a equipe, bem como aos meus investidores e à Alpine por juntarem as peças. Estou determinado a retribuir essa fé com performances nas pistas quando a temporada começar em fevereiro. Claro, este será um desafio completamente novo para mim, especialmente com corridas ovais, o que eu nunca fiz antes. Eu gostaria de pensar que aprendo rápido, então assumir isso vai ser uma experiência incrível. Por enquanto, não estou estabelecendo muitas expectativas além de trabalhar duro e curtir a corrida e espero que os resultados apareçam. Por enquanto, porém, meu foco é terminar o campeonato de Fórmula 2 antes de me comprometer totalmente com a IndyCar. Mal posso esperar para que a experiência comece”, concluiu o piloto.

Boby Rahal disse: “Estou muito feliz por Christian se juntar a nós nos próximos anos. Seu desempenho em Indianápolis certamente surpreendeu a todos. O trabalho que ele fez foi tremendo e certamente além de nossas expectativas. Com um pouco mais de tempo, acho que o desempenho teria sido ainda mais forte. Todos dentro da equipe ficaram muito satisfeitos e isso criou muita empolgação e reações positivas dos fãs nas redes sociais, bem como um burburinho positivo no paddock. Alguns podem não saber, mas ele teve uma intoxicação alimentar, então não estava se sentindo 100% naquele dia e, ainda assim, ter o tipo de fim de semana que tivemos foi ótimo. Estou ansioso para um longo relacionamento com Christian. Ele é um grande jovem que se encaixa bem com a equipe imediatamente e estamos todos entusiasmados com o que podemos fazer juntos.”

A temporada 2022 da Indy começa no dia 27 de fevereiro com a primeira prova disputar sendo disputada em São Petersburgo.

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Artigos relacionados