Café com Deborah – O que foi visto no GP de Mônaco

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

Enfim chegamos a Mônaco, a sexta corrida da temporada.

Apesar de não ter muitas ultrapassagens, a atmosfera do circuito contribui para o apego emocional que a prova proporciona. Lewis Hamilton venceu mais uma vez, abrindo 17 pontos a frente de Valtteri Bottas e companheiro de equipe.

lll Mercedes

O time não conquistou a sexta dobradinha do ano, mas seguem realizando um campeonato consistente. O final de semana foi praticamente comandado pelo time alemão, no sábado Bottas e Hamilton disputaram a pole, com o inglês levando a melhor.

No domingo apesar da escolha dos compostos médios (faixa amarela) para Hamilton, após a entrada do Safety Car, vimos um grande domínio do piloto, em parte por pilotagem em parte pelo circuito ser extremamente travado.

Valtteri Bottas terminou na terceira posição, foi uma disputa acirrada nos boxes com Max Verstappen, erro da equipe austríaca que liberou o holandês em cima do adversário, para conseguir ganhar a posição nos boxes.

Não foi a prova mais brilhante do finlandês que deixou uma margem segura para Sebastian Vettel, não ameaçando a sua posição, diferente de como Hamilton fez com Verstappen nos giros finais. No entanto tem sido um começo de temporada interessante e que ainda está longe do final.

lll Ferrari

Mais uma vez na temporada, Charles Leclerc se lamenta pelo final de semana. O monegasco esperava disputar uma boa posição correndo em casa, em mais uma oportunidade de mostrar o seu talento, mas os problemas durante a classificação, tiraram ele do páreo. A equipe apostava que seria possível avançar para o Q2 no limite, mas não foi o que aconteceu.

A escuderia italiana calculou mal, mas todo essa questão já foi discutida no #BPCast 36. Como conversado, o piloto também teve um pouco de culpa, por saber que o circuito é de difícil ultrapassagem, confiar muto não era a melhor opção, até porque o time está lutando pelo terceiro lugar com Max Verstappen.

Durante a corrida, na tentativa por galgar posições, Leclerc que vinha em ritmo alucinante acabou batendo em Hulkenberg, o que pois fim a sua corrida e a chance de entrar na zona de pontuação.

A equipe ainda segue com problemas de desenvolvimento do carro, tentando arrumar os erros que foram identificados desde o início da temporada, mas começaram a ficar mais evidentes com o passar das corridas.

O segundo lugar de Vettel não foi uma posição confortável e foi herdada em decorrência da batida de Bottas e Vestappen nos boxes. Longe de relaxarem, seguimos vendo o time italiano a um passo atrás e sem vitórias até o momento.

lll Red Bull

Grande final de semana para a equipe austríaca, o motor mostra que casou com o carro e o seu crescimento é bem perspetivável. A pista de Mônaco favorece a aerodinâmica tão famosa da Red Bull e antes do final de semana ter início as melhores apostas recaiam sobre o time.

Max Verstappen esteve próximo de obter a sua primeira vitória no circuito, como dito a cima, o holandês travou uma disputa intensa com Hamilton, onde até toque roda com roda ocorreu. Se não fosse a batida com Valtteri Bottas durante a rodada de pit-stops, qualquer outra posição seria muito digna para ele, mas o quarto lugar foi o obtido.

Pierre Gasly terminou na quinta posição, o que seria o seu lugar de origem de largada, se não fosse a punição aplicada depois da classificação. O francês teve o start de tentar recuperar as posições perdidas, mas foi durante a entrada do safety car que melhorou a sua posição em pista e começou a andar praticamente sozinho.

https://twitter.com/f1visualized/status/1132700084825710593

Ainda na parte final, Gasly conseguiu trocar os pneus e tentar mais uma volta rápida para o time, roubando um ponto extra que ajudaria na luta pelo título travada por Bottas.

lll Alfa Romeo

Se por um lado a Red Bull demostra grande força, a Alfa Romeo andou para trás nesta prova,e ainda mais com as expectativas de início de temporada. Kimi Raikkonen é dono de todos os pontos conquistados até o momento.

Na quinta-feira se acreditava no ritmo forte da equipe e na chance de ambos os pilotos estarem no Q3, mas fato é que a Alfa ficou presa no Q2 e apenas com a décima quarta e a décima quinta posições, Antonio Giovinazzi ainda foi punido para o grid de largada do domingo.

Ambos ficaram presos atrás de carros lentos, com da dupla da Williams. O italiano ainda travou uma disputa com Robert Kubica enquanto tentava uma ultrapassagem que foi mal sucedida e protagonizou o embaraço da prova.

A falta de pontos durante essa etapa, acabou resultando na queda do time para a nona posição no campeonato de construtores, com apenas as Williams sem nenhum ponto em décimo. Agora é trabalhar para a próxima etapa e continuar pensando na classificação, onde abriria uma melhor oportunidade para o meio de pelotão que está bem disputado.

“Foi um fim de semana difícil para nós e nossa corrida foi efetivamente comprometida no sábado”, disse Frederic Vasseur, chefe de equipe.”Em alguns estágios, nossos carros estavam entre os mais rápidos em pista, mas Mnaco, sendo Mônaco, significava que não havia meio de recuperar terreno, completa.

lll Toro Rosso

Mais um destaque de boa atuação foi o resultado da Toro Rosso, mais dois carros com motor Honda que tiveram uma boa corrida.

Foi um um sétimo lugar para Daniil Kvyat, seguido por Alexander Albon em oitavo, o tailandês chegou a brigar em alguns momentos dos treinos livres com os grandes e mostrava o bom desempenho no traçado desafiador.

O time segue disputando espaço no campeonato de construtores com Racing Pont (5°) e Haas (6°), cujo a segunda tem a mesma pontuação.

lll Williams

Ainda na classificação o desempenho das Williams era bem baixo, mas foi no momento da corrida que o time acompanhou Racing Point e Alfa Romeo.

George Russell aproveitou a oportunidade para ficar na décima quinta posição, pode não ser ótimo, mas para as condições da equipe foi um bom ”show”.

A corrida de Mônaco está logo ai. Não deixem de acompanhar as novidades nos canais do Boletim do Paddock: Twitter, Facebook e Instagram.

 

 

Assinar

BPCast

Ou assine com seu app favorito usando o endereço abaixo


Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele espertou em mim o interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Fiz da RBR minha casa e meu carro favorito é a Kinky Kylie.