ColunistasDestaquesFórmula 1Fórmula 2Post

Após investigação de fala racista de Jüri Vips, Red Bull encerra contrato estoniano

Nesta terça-feira (28) a Red Bull confirmou que está rescindindo o contrato com Jüri Vips. O estoniano era membro da Academia de jovens pilotos da Red Bull e atuava como reserva e piloto de testes da equipe austríaca e também da AlphaTauri.

Durante uma live na Twitch realizada com Liam Lawson (também piloto da academia Red Bull), o estoniano de 21 anos usou um termo racista, além disso existem outros cortes desta mesma transmissão que mostram ele em uma atitude claramente homofóbica.

A Red Bull rapidamente emitiu uma nota na semana passada informando que investigaria a conduta do piloto e estava suspendendo o seu contrato, mas nesta terça-feira eles confirmaram o encerramento do contrato com Vips.

“Após investigação do incidente online envolvendo Jüri Vips, a Oracle Red Bull Racing encerra o contrato de piloto de teste e reserva de Jüri. O time não tolera qualquer forma de racismo”, disse a Red Bull em nota oficial.

O piloto publicou na última semana uma nota em suas redes sociais se desculpando pelas palavras que foram utilizadas, além de afirmar que cooperaria com as investigações.

“Quero me desculpar pela linguagem ofensiva usada durante uma transmissão de jogo on line hoje cedo. Esta linguagem é totalmente inaceitável e não retrata os valores e princípios que mantenho. Lamento profundamente a minha conduta e este não é o exemplo que quero dar. Vou cooperar plenamente com a investigação”, escreveu o piloto.

Nesta temporada Vips realizou testes pela Red Bull durante o GP da Espanha, guiando o RB18 durante o primeiro treino livre, substituindo Sergio Pérez. Atualmente o piloto está na sétima posição do campeonato da Fórmula 2, contando com 51 pontos, após uma maré de azar nas pistas. Em outubro de 2018, Vips foi vinculado ao programa de jovens pilotos da Red Bull, sendo uma grande promessa no automobilismo e também no programa de desenvolvimento da equipe austríaca.

Desde o incidente a Hitech, equipe que o piloto guia na Fórmula 2 não se pronunciou, desta forma o estoniano segue guiando pela equipe. A próxima prova da categoria de base será disputada em Silverstone.

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Adblock detectado

O BP É UM PORTAL INDEPENDENTE E OS ANÚNCIOS AJUDAM NA NOSSA MANUTENÇÃO, SE POSSÍVEL DESABILITE O SEU BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS!!!