ColunistasDestaquesFórmula 1

Vettel questiona problemas gerados pela inalação da poeira dos freios e cobra mudança da FIA

Vettel solicita mudança dos dutos de freio, pois pilotos estão inalando partículas de carbono enquanto estão conduzindo os carros

Com o andamento da temporada algumas questões vão surgindo e elas são abordadas principalmente após trocas de regulamento. Sebastian Vettel levantou mais um tema relacionado a saúde, por conta das partículas de carbono que os pilotos estão inalando.

Ao encerramento do GP da Áustria, o piloto alemão deixou o carro com o rosto salpicado por partículas de carbono. Vettel acredita que isso está acontecendo por conta do novo desenho dos dutos de freio – eles estão direcionando a poeira para os pilotos. Vettel pediu a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) uma investigação.

O alemão disse que o problema tem se intensificado nesta temporada, com a proximidade dos carros e a possibilidade de ver mais disputas na pista, os pilotos acabam inalando não apenas a poeira do seu carro, mas também a gerada pelo equipamento dos adversários.

“Isso é algo que precisamos trabalhar, pois o design dos dutos de freio este ano, como o eixo dianteiro, está soprando toda a poeira do freio para os nossos rostos e não é bom”, disse Vettel para a Sky.

Vettel pediu uma investigação a FIA, para que seja avaliado os dutos de freio – Foto: reprodução Aston Martin

Os temas relacionados a saúde dos pilotos estão sendo avaliados pela FIA, o porpoising precisou de medidas e talvez alguma alteração também possa acontecer por conta dos dutos de freio.

Com a introdução dos novos regulamentos, mudanças foram realizadas na direção do duto de freios, Vettel acredita que a situação piorou pois os times foram forçados a ejetar o fluxo de ar dos discos, com o objetivo de limitar os times a gerar fluxos aerodinâmicos direcionados pelas rodas. A saída dos dutos então foi voltada para trás e desta forma a poeira vai direto para os pilotos.

“O pó de carbono não é algo realmente saldável para se respirar. Espero que a FIA analise isso muito em breve, porque é inútil e fácil de mudar”, disse o piloto.

Sempre nessas construções os times acabam encontrando maneiras de conseguir algum ganho e melhorar o desempenho dos carros. Nos últimos carros o projeto dos dutos de freio se tornou algo complexo, por conta das temperaturas e também uma forma de gerenciar os pneus.

Ainda em 2019 Lewis Hamilton e Valtteri Bottas comentaram sobre esse problema durante o GP de Singapura. “Após a corrida, sempre que você vai espirrar, vai sair tudo preto, então ano após ano, não tenho certeza do que isso faz com o seu corpo. Não tenho ideia”, disse Bottas.

O assunto deve ser abordado pela FIA nas próximas semanas, talvez o órgão regulamentados discuta a possibilidade de mudar o material de fabricação dos discos ou encontre uma outra solução para os dutos de freio.

ESCUTE O NOSSO PODCAST SOBRE O GP DA ÁUSTRIA 

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Artigos relacionados

Adblock detectado

O BP É UM PORTAL INDEPENDENTE E OS ANÚNCIOS AJUDAM NA NOSSA MANUTENÇÃO, SE POSSÍVEL DESABILITE O SEU BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS!!!