TRÍPLICE COROA

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

Na semana em que os fãs do esporte a motor são brindados com 2 das 3 provas que compõe a sagrada tríplice coroa do automobilismo, Mônaco GP e Indy 500, o tema tríplice coroa vem à tona com força total. Abordado sempre sob a ótica dos pilotos, o único até hoje a conquistar Mônaco GP, Indy 500 e 24h Le Mans foi Graham Hill. Tazio Nuvolari, Maurice Trintignant, Bruce McLaren, Jochen Rindt venceram Mônaco e Le Mans, AJ Foyt tem Vitórias em Le Mans e Indianápolis e Juan Pablo Montoya em Mônaco e Indianápolis.

PILOTO

INDIANÁPOLIS

LE MANS

GP DE MÔNACO

GRAHAM HILL

1966

1972

1963, 1964, 1965, 1968 e 1969

TAZIO NUVOLARI

1933

1932

MAURICE TRINTIGNANT

1954

1955 e 1958

A.J. FOYT

1961, 1964, 1967 E 1977

1967

BRUCE MCLAREN

1966

1962

JOCHEN RINDT

1965

1970

JUAN PABLO MONTOYA

2000, 2015

2003

Hoje, porém, vamos abordar a tríplice coroa, porém sob a ótica das marcas. Teria alguma marca/fabricante vencido nos 3 templos sagrados do automobilismo mundial? Para responder a essa questão, consideraremos Vitórias como equipe/construtor e como fornecedor de motor/chassis para um time privado.

Mercedes, Ford e McLaren são as marcas que conquistaram a tríplice coroa. Confiram os números:

lll MERCEDES

Vitórias em Mônaco como construtor:

7 – 1935, 1936, 1937, 2013, 2014, 2015 e 2016

Rudolf Caracciola, Mônaco 1936 Fonte: Divulgação

Vitórias em Mônaco como fornecedora de motor:

7 – 1998, 2000, 2002, 2005, 2007, 2008 e 2009

Vitórias em Le Mans:

2 – 1952 e 1989 (em parceria com a Sauber)

Le Mans 1952, Herman Lang e Fritz Riess Fonte: Divulgação

Vitórias em Indianápolis:

2 – 1915 (chassis) e 1994 (motor)

Indianápolis 1915, Ralph de Palma Fonte: Divulgação

lll FORD

Vitórias em Mônaco como fornecedora de motor:

13 – 1968, 1969, 1970, 1971, 1973, 1974, 1977, 1978, 1980, 1982, 1983, 1993 e 1994

Riccardo Patrese, Mônaco 1982 Fonte: Divulgação

Vitórias em Le Mans como construtor:

4 – 1966, 1967, 1968 e 1969

Chris Amon e Bruce McLaren, Le Mans 1966 Fonte: Divulgação

Vitórias em Indianápolis como fornecedora de motor:

18 – 1965, 1966, 1967, 1969, 1970, 1971, 1978, 1979, 1980, 1981, 1982, 1983, 1984, 1985, 1986, 1987, 1995 e 1996

Al Unser, Indianápolis 1987 Fonte: Divulgação

lll MCLAREN

Vitórias em Mônaco:

15 – 1984, 1985, 1986, 1988, 1989, 1990, 1991, 1992, 1993, 1998, 2000, 2002, 2005, 2007 e 2008

Mônaco 1990, Ayrton Senna Fonte: Divulgação

Vitória em Le Mans (fornecendo carro para time privado):

1995

Le Mans 1995, Yannick Dalmas – Masanori Sekiya – JJ Lehto Fonte: Divulgação

Vitória em Indianápolis como fornecedora de chassis:

3 – 1972, 1974 e 1976

Indianápolis 1976, Johnny Rutherford Fonte: Divulgação

Mercedes e McLaren venceram as 3 provas como construtores, a vitória na Indy 500 em 1915 não foi da equipe oficial da marca prateada, mas o chassi e o motor eram alemães. A McLaren, que venceu em Le Mans 1995, competia no BPR Global Challenge, principal campeonato GT da época, contava com motor BMW e era operado por uma equipe japonesa, já as Vitórias na Indy 500 foram fornecendo chassi para a Penske em 1972 e como equipe própria em 1974 e 1976. Já a Ford consagrou-se em La Sarthe com o lendário GT40 e em Mônaco e Le Mans com o também lendário motor Ford Cosworth V8 DFV.

Por um mero capricho pessoal, eu colocaria a Mercedes em destaque, afinal foi a única a vencer as 3 provas com chassis e motor fabricados por ela. A McLaren por ser uma construtora não se envolveu com a construção de motores, mas carros fabricados pela marca triunfaram nas 3 pistas mais famosas do mundo. A Ford domina no quesito motores, igualando-se pelo menos neste ponto à Mercedes. Em suma, as 3 marcas merecem muito respeito.

Assim como pilotos que conquistaram Vitórias em 2 dos 3 templos temos marcas/construtores que um dia podem juntar-se ao triunvirato Mercedes, McLaren e Ford:

– Ferrari 10 vitórias em Mônaco e 9 em Le Mans;

– Lotus 7 Vitórias em Mônaco e 1 em Indy;

– Maserati 3 Vitórias em Mônaco e 2 em Indy;

– Bugatti 4 Vitórias em Mônaco e 2 em Le Mans;

– Alfa Romeo 3 Vitórias em Mônaco e 4 em Le Mans;

– Peugeot 3 Vitórias em Le Mans e 2 em Indy;

– Porsche 3 Vitórias em Mônaco (motor TAG Porsche) e 19 Vitórias em Le Mans;

– Honda 6 Vitórias em Mônaco e 12 Vitórias em Indy (todas como fornecedora de motores);

– BMW 1 vitória em Mônaco (fornecendo motor), 1 vitória em Le Mans (fornecendo motor) e 1 vitória em Le Mans (construtor);

– Renault 1 vitória em Le Mans 2 Vitórias em Mônaco (construtor) e 4 Vitórias em Mônaco (fornecedora de motores);

Cristiano Seixas

Fã hardcore de Fórmula 1, apreciador da história, números e estatísticas da categoria, mais conhecido como Mestre Cristiano Seixas, pois é um PHD e MDA em Fórmula 1 ainda é Graduado, Pós-Graduado, Mestrado e Doutorado sobre História da Fórmula 1, Wikipédia erra o Cristiano não.