TL3 Brasil – Sebastian Vettel vai além do recorde da pista, sessão classificatória deve ser acirrada

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

Sebastian Vettel levou a Ferrari ao primeiro lugar ao anotar 1:07:948, utilizando apenas os pneus supermacios nesta terceira sessão, realizada hoje (10) no autódromo de Interlagos. Veloz o alemão passou a andar abaixo da pole e recorde da pista que fora quebrado na temporada de 2017, por Valtteri Bottas. Os pilotos continuam andando próximos e a classificação promete surpresas. 

Hamilton ficou na segunda posição (1:08:165), após utilizar, assim como Vettel o jogo de pneus mais velozes do final de semana. Bottas acompanhou o companheiro de equipe, ficando em terceiro lugar. Raikkonen fechou em quinto, seguido pela dupla da Red Bull, com Verstappen e Ricciardo.

O australiano e o holandês demoraram de ser liberados para o circuito, mas logo conquistaram espaço na tabela de tempos, no entanto retornaram para o posto de terceira força.

Magnussen (7°) e Grosjean (8°) da Haas utilizaram os dois compostos, conseguindo imprimir um bom ritmo com ambos e após a instalação dos supermacios, ganharam uma posição casa.

Gasly e Leclerc também completaram giros rápidos, o piloto da Toro Rosso foi nono enquanto o  da Sauber fechou em décimo.

Os pilotos retornam para a pista às 15h, pelo horário de Brasilia, para a realização da classificação e penúltima etapa do Grande Prêmio do Brasil.

lll Saiba como foi o Terceiro Treino Livre

A dupla da Sauber foi a primeira a deixar os boxes e utilizava os compostos supermacios para a realização das primeiras voltas de instalação do circuito. Raikkonen (1:09:424) e Sirotkin foram os primeiros a abrir a tabela de tempos.

Após uma volta mais lenta, o finlandês melhorou para 1:09:409 e Stroll, subiu para a segunda posição com 1:10:920.

Sebastian Vettel, registava 1:08:857 em sua primeira volta cronometrada, se aproximando do recorde da pista e assumindo a ponta da tabela de tempos. Aos poucos os pilotos deixavam os boxes para acelerar em Interlagos.

Com pouco mais de vinte minutos de sessão já realizada, às posições eram: Vettel, Bottas, Raikkonen, Leclerc, Gasly, Ericsson, Hulkenberg, Sainz, Alonso e Stroll.

A dupla da Mercedes apostava na utilização dos composto supermacios com os seus dois pilotos. No grid apenas a dupla da Renault era vista fazendo a alternância dos compostos, Hulkeberg estava com os de faixa vermelha, enquanto Sainz tinha os macios instalados.

Hamilton que havia completado apenas uma volta, retornou lento aos boxes, logo depois a equipe formava uma barreira na frente para ninguém ver o que estava sendo feito com o carro do inglês.

Restando trinta minutos para o término da sessão, Hamilton foi liberado e após o aquecimento dos pneus, subia para a segunda posição com 1:09:098. Uma fumaça era vista, na primeira acelerada que o piloto da Mercedes deu, indicando um problema de vazamento de óleo, mas pouco depois passou a andar normalmente pelo circuito e investir em voltas rápidas.

Ricciardo e Verstappen foram os últimos liberados pela equipe para buscarem as suas primeiras voltas rápidas e passando a assumir o quarto lugar com o australiano (1:09:236) e o quinto lugar na sessão, com o holandês (1:09:405).

Com pouco mais de 20 minutos restantes no cronometro, Raikkonen após instalar novos compostos supermacios, saltou para o primeiro lugar com 1:08:490, e pouco depois Vettel melhorou nos três setores, superando o companheiro de equipe com 1:07:948, batendo o recorde da pista.

Hamilton instalou novos supermacios e em volta voadora, ficou separado do alemão por apenas 0s217.

As equipes simularam as voltas de classificação, nos minutos finais, Verstappen se tornou o quinto, mas ninguém conseguiu bater a marca obtida pelo alemão da Ferrari.

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele espertou em mim o interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Fiz da RBR minha casa e meu carro favorito é a Kinky Kylie.