Serra se torna bicampeão, em corrida vencida por Ricardo Zonta

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

A corrida do título, que ocorreu hoje (09) no Autódromo de Interlagos, consagrou Daniel Serra com o seu bicampeonato. O piloto da Eurofarma RC não foi ameaçado nenhuma vez por Felipe Fraga. Mas foi Ricardo Zonta da Shell V-Power que faturou a vitória na pista paulistana. 

Com uma corrida acirrada na largada e em suas primeiras voltas, Julio Campos ficou perto de dificultar a vitória de Zonta, a reta dos boxes era o espaço favorito para as suas ultrapassagens e alteração das posições. Gabriel Casagrande fez uma boa corrida após largar de sexto com o equipamento da Volgel Motorsport, travou disputas com Cacá Bueno até o piloto da Cimed Chevrolet Racing, enfrentar problemas com o seu carro. 

Daniel Serra chegou ao quarto lugar, após cair de terceiro para quinto, durante a largada. Com a possibilidade de administrar a corrida, mesmo perdendo posições, o piloto não precisava forçar muito o carro para obter mais um título na sua carreira. 

Já Felipe Fraga tinha que escalar o grid, mais uma classificação nada boa, prejudicada pela chuva em Interlagos no sábado (08), o piloto da Cimed Chevrolet Racing saiu de décimo oitavo, para terminar em quinto. Foi uma boa corrida, o pit-stop superior ao de Serra, mas a matemática do título não estava ao seu favor. 

Agora a Stock Car entra de férias, mas fiquem atentos nas movimentações do grid, aqui pelo Boletim do Paddock.

lll Saiba como foi a corrida da Stock Car de decisão do título

Os vencedores do push Hero foram: Felipe Fraga, Lucas di Grassi, Gaetano de Mauro, Bruno Baptista, Bia Figueiredo e Daniel Serra.

Saindo da ponta tínhamos Ricardo Zonta, Julio Campos e Daniel Serra. Max Wilson largou da última posição, devido um problema com os pneus que não estavam rendendo bem.

Zonta se mantinha na ponta e Serra passou a disputar espaço com Julio Campos, no entanto o piloto da Eurofarma Rc acabou caindo para a quinta posição.

Felipe Fraga fechava a primeira volta em décimo sexto, ganhando duas posições desde a largada. Sem incidentes os pilotos faziam uma volta limpa.

No começo da terceira volta Campos assumiu a ponta, após pressionar Zonta na reta dos boxes. Casagrande passava a atacar Cacá Bueno para conseguir assumir a terceira posição, com o botão de ultrapassagem acionado ao mesmo tempo, não era possível realizar a ultrapassagem.

Foi na volta seguinte que Zonta retomou a ultrapassagem, na reta dos boxes, como Campos havia realizado.  Serra permanecia na quinta posição, enquanto Fraga atacava Bia Figueiredo para chegar a décima quinta posição.

Com o pneu encostando na carenagem, Bueno começava a perder desempenho na pista e logo fora ultrapassado por Gabriel Casagrande.

Bueno da Cimed Chevrolet Racing, começou a perder posições e passou a ser alvo fácil para os pilotos que conseguiam ter um desempenho melhor que o dele. Se optasse por seguir aos boxes, teria que realizar mais uma parada quando os boxes fossem abertos.

Na décima volta as posições eram: Ricardo Zonta, Julio Campos, Gabriel Casagrande, Daniel Serra, Ricardo Maurício, Antônio Pizzonia, Bruno Baptista, Marcos Gomes, Gaetano di Mauro e Lucas di Grassi.

Os boxes eram abertos a partir da volta 10, durando cinco giros para os pilotos realizarem as suas trocas e reabastecimento.

Julio Campos, Serra, Mauricio e Mauro eram os primeiros a seguir aos boxes. Fraga entrava logo depois e suas paradas eram bem próximas, com a do piloto da Cimed sendo um pouco melhor que a do rival.

Na volta 13, fora a vez de Ricardo Zonta seguir aos boxes, assim como Casagrande, Pizzonia e Baptista.

O pelotão ficava mais próximo, Fraga ultrapassava Nunes e começava a travar novas disputas para ir escalando o Grid. Serra atacava Gaetano di Mauro.

Com o fechamento dos boxes, as posições eram: Zonta, Campos, Casagrande, Maurício, Pizzonia, Di Mauro, Serra, Gomes, Di Grassi e Fraga.  

Nos minutos finais, com a decisão do título a tensão aumentava nos boxes, mas Serra seguia consagrando o título.

Ricardo Zonta conseguiu sustentar a pole, com Julio Campos em segundo e Gabriel Casagrande fechando em terceiro.

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!