FP2 – Hamilton segue na liderança e quebra recorde da pista, duelo com Vettel continua

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

Lewis Hamilton fechou a sexta-feira (7) na frente com o seu carro da Mercedes, o inglês foi o mais veloz no primeiro treino livre na Áustria e além disso foi capaz de melhorar o seu tempo no segundo treino livre e quebrar o recorde da pista. Sebastian Vettel ficou em segundo, na frente de Bottas e logo em seguida vinha a dupla da Red Bull. 

| Saiba como foi o FP2

https://twitter.com/F1/status/883295255600168962

A saída dos box e o registro de voltas não demorou para acontecer, o segundo treino livre começava com 80% de chance de chuva, no intervalo entre o FP1 e o FP2 a mesma acabou aparecendo, mas a pista acabou secando antes do inicio da sessão. Hulkenberg volta a assumir o comando da Renault, assim como Sergio Pérez com a Force India, e era o primeiro da fila na saída dos boxes, seguido por Marcus Ericsson e Kevin Magnussen, sendo os primeiros a registrar tempo, Hulk com 1:09:685 e Magnussen registrava 1:07:891. Raikkoen com os macios (faixa amarela) assumia a ponta com 1:07:722, mas não durou muito tempo e pois Bottas com os supermacios (faixa vermelha) marcava 1:06:690.

https://twitter.com/F1/status/883296177541828608

Vettel também foi para a pista e marcava 1:06:244, mas Bottas já começava a chegar perto do tempo que Hamilton havia marcado com os pneus macios no primeiro treino e tomava a ponta do alemão com 1:05:869.

Hamilton não deixava barato e com os pneus supermacios e registrava 1:05:731, mas Bottas não se intimidava com o companheiro de equipe e com 1:05:700 passava a ficar na frente do inglês.

https://twitter.com/F1/status/883296974635753474

Fernando Alonso estava em sétimo e vinha melhorando o seu tempo, já as Williams estavam apenas em décimo quarto com Felipe Massa e décimo quinto com Stroll um pouco mais de 10 minutos da sessão já havia passado. Sergio Pérez e Max Verstappen eram os únicos sem tempo. Daniel Ricciardo com os pneus ultramacios (faixa roxa) era quarto, entre os dois carros da Ferrari.

Stoffel Vandoorne também estava na pista e já aparecia em décimo, também com pneus supermacios e continuava tentando melhorar a sua volta. 

O carro da Williams de Stoll seguia com problemas em suas mãos e o piloto reclamava sobre o carro estar saindo muito com a traseira e balançando na pista.

Bottas começou o seu segundo stint com pneus ultramacios e voltou para a ponta com 1:05:699, mas o alemão não demorou muito para colocar o seu carro da Ferrari na frente da Mercedes, Vettel havia feito um bom primeiro setor, errava um pouco no segundo, mas conseguia melhorar no terceiro. Na volta seguinte Bottas acabava rodando na curva 2. Pérez também rodou quando os pneus da frente travaram.

A briga pela ponta continuava seguindo e Hamilton com o jogo de pneus ultramacios novos marcava 1:05:483. Verstappen se encaminhou para a pista, perdendo a meia hora inicial do treino, porém já aparecia em sexto com 1:06:584.

A dificuldade em guiar no circuito estava bem nítida e Daniel Kvyat também acabava saindo da pista. Ericsson também era vitima, perdendo o carro na curva 1. Verstappen seguia melhorando o seu tempo e já era quarto com a sua Red Bull.

A Williams continuava na luta em achar o melhor ajuste para o carro, que ainda estava muito instável na pista, Felipe Massa seguia reclamando do seu desempenho e a equipe se mantinha na décima quarta e a décima sexta posições.

Com pouco menos de 50 minutos para o termino da sessão, as equipes começaram a andar em ritmo de corrida a as posições dos ponteiros ficaram estabilizadas. Fernando Alonso voltava para a pista com os compostos ultramacios e investia em voltas rápidas pulando para oitavo com 1:06:732 e repetindo a boa performance da primeira sessão, o espanhol acabou ficando um tempo fora, pois a McLaren precisou trocar o assoalho do seu carro. Carlos Sainz não estava tendo um final de semana muito fácil e voltava a perder o controle do carro, a Toro Rosso precisou recolher o carro para realizar uma limpeza, já que o mesmo estava cheio de grama depois dos passeios de Sainz fora da pista.

https://twitter.com/F1/status/883309200557867008

Max Verstappen foi para a pista com jogos de pneus ultramacios novos, o piloto da Red Bull seguia tentando melhorar o seu tempo e superava o seu companheiro de equipe ao assumir a quarta posição. Max acabou indo um pouco mais tarde que os demais pilotos.

Com seis minutos para o termino do segundo treino livre, Kvyat que recolhia o carro para os boxes era mostrado com os freios pegando fogo nos boxes da equipe.

https://twitter.com/F1/status/883315966209404930

A pista continuou movimentada, mas os tempos do começo da sessão se mantiveram e os minutos finais contaram com 16 carros na pista e algumas travadas de roda. Alonso também foi vitima e acabou escapando da pista. Sem maiores surpresas Lewis Hamilton se manteve na ponta. 

https://twitter.com/F1/status/883318847297769473

https://twitter.com/F1/status/883317720493830144

 

 

 

 

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!