ColunistasFórmula 1Post

Ferrari lidera: Sainz supera Verstappen e é o mais rápido no TL1 na Hungria

Em sessão voltada para a verificação de novas peças, Sainz duela com Verstappen pela ponta e comanda TL1 na Hungria

Após uma semana agitada na França, os pilotos seguiram para a Hungria para mais uma disputa. O TL1 foi usado pelos times para verificar os seus carros e as novas peças que foram levadas para o traçado. A Ferrari é a equipe favorita para o traçado da Hungria, mas de qualquer forma é possível observar que a Red Bull também dará trabalho.

Carlos Sainz disputou com Max Verstappen a ponta, mas foi o piloto espanhol que terminou o TL1 na primeira posição, anotando 1m18s750, contra 1m18s880 obtido pelo holandês. Outro destaque é que apenas os dois primeiros colocados aferiram tempo na casa de 1m18s. Charles Leclerc fechou o início de sexta-feira na terceira posição, mas que também esteve em disputa pelo primeiro lugar da atividade.

O calor na Hungria nesta sexta-feira é a oportunidade perfeita para avaliar os carros e os pneus, mesmo com a chuva sendo esperada para o sábado. Lando Norris que perdeu parte da atividade nos boxes, obteve o quarto lugar, enquanto Daniel Ricciardo também fez uma boa atividade e ficou com o oitavo lugar.

George Russell figurou entre os primeiros colocados, mas ficou com o quinto lugar, seguido por Sergio Pérez que teve dificuldade para encaixar uma boa volta rápida. Lewis Hamilton foi o sétimo colocado. A dupla da Alpine com Esteban Ocon e Fernando Alonso, ficaram com o nono e décimo lugar, respectivamente.

A Fórmula 1 retorna mais uma vez para o traçado húngaro às 12h pelo horário de Brasília.

Saiba como foi o TL1 na Hungria 

O tão sonhado fim de semana para a Haas chegou, a equipe finalmente pode atualizar o VF-22, introduzindo o seu novo pacote que será avaliado por Kevin Magnussen. O pacote do time norte-americano introduziu um novo assoalho, entrada de refrigeração, suspensão traseira, aletas no duto traseiro de freio, além de mudanças na entrada da refrigeração.

A Mercedes, também levou novas peças para o W13 com plano de desenvolvimento, assim como outros times do grid. As atualizações eram voltadas para fornecer mais pressão aerodinâmica aos carros. Enquanto a Aston Martin encontrou uma brecha no regulamento para canalizar o ar no aerofólio traseiro.

https://twitter.com/AlbertFabrega/status/1552963940916895744

A sexta-feira começou com tempo firme, assim que a pista foi liberada, a temperatura no traçado estava na casa dos 55°C, com 32°C no ambiente. Sebastian Vettel liderou a saída dos boxes, o piloto alemão tinha os pneus duros instalados em seu carro, assim como Stroll, Kubica, Zhou, Magnussen, Gasly, Alonso, Tsunoda, Latifi e Schumacher que apostavam nos pneus mais duros nesta saída de verificação.

A Alfa Romeo cedeu mais uma vez o seu carro para que Robert Kubica fizesse uma avaliação, mas não contabiliza como um teste de jovem piloto. O polonês estava ocupando o carro de Valtteir Bottas. Tsunoda foi liberado ao traçado com o flow-vis espalhado na asa traseira, para realizar uma verificação aerodinâmica.

Vettel abriu a tabela de tempos depois de registrar 1m42s443, enquanto Stroll obteve 1m32s123. Verstappen surgiu na liderança quando anotou 1m21s235 usando os pneus macios. Com pouco tempo de atividade, os tempos já estavam melhorando. Carlos Sainz superou Verstappen em 0s539, enquanto Ricciardo saltou para o segundo lugar ao anotar 1m20s796.

Quando os dez primeiros minutos de atividade foram completados, os dez primeiros eram: Sainz, Ricciardo, Verstappen, Leclerc, Ocon, Russell, Albon, Hamilton, Alonso e Tsunoda. Enquanto Norris, Kubica, Zhou e Pérez não tinham aferido tempo ainda, mesmo com voltas de verificação.

Charles Leclerc foi o primeiro piloto a entrar na casa de 1m19s863, mas na sequência Verstappen aferiu mais uma volta, ficando separado por 0s009 do monegasco. Norris seguia em um programa de análise, onde o piloto foi liberado com as grades para aferição aerodinâmica presas na parte frontal do seu carro. Pérez também usou as grades para colaborar com a coleta de dados da Red Bull.

Daniel Ricciardo estava imprimindo um ritmo forte, ainda verificando os pneus médios. O australiano que se mantinha no top-10, melhorou a sua marca para 1m20s378. Norris que levou mais tempo para ter uma volta cronometrada, deixou os boxes com os pneus macios, para ocupar a sétima posição com 1m21s340.

Após 30 minutos de atividade, os dez primeiros eram: Leclerc, Russell, Verstappen, Sainz, Hamilton, Pérez, Ricciardo, Albon, Schumacher, Magnussen e Norris. Cada vez mais os pilotos estavam usando os pneus macios, o que permitiu Russell saltar para o segundo lugar com 1m19s606, para superar Verstappen, Hamilton que estava na quinta posição tinha anotado 1m19s710 antes de retornar aos boxes. Albon que também fazia o uso dos pneus macios tentava se manter entre os fez primeiros, mas as posições começaram a se alternar.

Para os últimos 20 minutos de atividade, apenas Norris e a dupla da Aston Martin não tinham avaliado os pneus macios. Verstappen instalou o pneu de faixa vermelha e logo começou a completar uma volta voadora na pista e logo entrou na casa de 1m18s880m superando Sainz que era o líder por 0s382.

A Red Bull apostava em uma Ferrari muito forte neste traçado, mas a Red Bull também estava tentando mostrar que poderia incomodar o time italiano neste fim de semana. Leclerc acompanhou o rival, registrando 1m19s039. O traçado estava mais vazio, com alguns carros passando pelos boxes para se dedicar as voltas em modo de simulação de corrida.

Mesmo com pneus macios já usados, Sainz encontrou uma boa volta com os compostos, registrando 1m18s750, para retornar à liderança. Vettel que estava no final da tabela de tempos, passou a ocupar a décima primeira posição, com 1m20s383, também realizando testes aerodinâmicos para a Aston Martin.

Nos últimos minutos o traçado ficou bem cheio e alguns pilotos atrapalharam outros competidores que estavam em volta rápida, gerando um período de descontentamento.

https://twitter.com/F1/status/1553003768035303425

Mostrar mais

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Adblock detectado

O BP É UM PORTAL INDEPENDENTE E OS ANÚNCIOS AJUDAM NA NOSSA MANUTENÇÃO, SE POSSÍVEL DESABILITE O SEU BLOQUEADOR DE ANÚNCIOS!!!