Crônicas de Mônaco – Adeus Niki Lauda

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

Se permita…

Os momentos duros vem para qualquer pessoa, a dor é uma parte natural do processo da nossa vida, em vários estágios que não precisam ser enumerados aqui. A perda também é um fator recorrente, todos de alguma forma vão presenciar ela em algum momento desta trajetória.

Niki Lauda faleceu no dia 20 de maio, mais uma perda no automobilismo, mas além disso não podemos esquecer do amigo, pai e ser humano que ele foi.

Várias pessoas vão sentir a perda dele pelos próximos dias, uns mais, outros menos, mas de alguma forma e de diferentes maneiras vai doer.

Um minuto de silêncio…

Cabeças abaixadas em respeito, mas sob elas vários bonés vermelhos. Emoção… Respeito… Todos unidos por um mesmo motivo, em memória…

A quinta-feira de treinos livres se iniciou cinzenta, quase que ilustrando o momento que todos estavam vivendo em pista. Diversas homenagens pelo paddock.

Lauda faleceu, mas deixou para nós um legado de boas histórias e momentos marcantes. Falecer não é ser esquecido, pois sempre deixamos uma marca em alguém, compartilhamos nossos feitos, um pedaço sempre fica. Morrer é algo mais duro, marca o fim de algo, um ponto final para sempre.

Vamos relembrar muito os momentos protagonizados por ele, as homenagens prestadas, como os capacetes utilizados por Lewis Hamilton e Sebastian Vettel, vamos nos lembrar daquele olhar determinado e pela paixão com o automobilismo, a garra e determinação, vamos ver aqueles que ainda estão aqui fazendo história por muito tempo.

A história de Hamilton se cruza com a de Lauda pelos feitos que o inglês ainda trás para o automobilismo, mas a história daquele austríaco misturou tinta com March, BRM, Ferrari, Brabham, McLaren e construindo o momento para a Mercedes.

Lewis Hamilton vivenciou a sua dor, se isolou, foi atrás de orgulhar aquele que carregava no peito. Vibrou pela pole e se emocionou com a vitória, não foi mais um número da sua carreira. Hamilton disse que sentia a presença de Niki com ele em todo o domingo, que com certeza ele teria tirado o chapéu para ele neste final de semana pela disputa travada no traçado monegasco. Foi uma bela disputa e com toda a certeza uma ótima forma de homenagear mais uma vez o amigo.

Várias pessoas tem uma forma de dar o seu adeus, faz parte de quem somos e da cultura que estamos inseridos, todas elas são válidas, mas o inglês foi em busca de subir mais uma vez ao pódio… #ForNiki

 

Assinar

BPCast

Ou assine com seu app favorito usando o endereço abaixo


Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele espertou em mim o interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Fiz da RBR minha casa e meu carro favorito é a Kinky Kylie.