Beto Monteiro é confirmado campeão da temporada 2019 da Copa Truck

Chegamos à final da Copa Truck que consagrou Beto Monteiro como o campeão da temporada, mas seis pilotos estavam bem colocados na disputa pelo título,  Beto Monteiro com 142 pontos era seguido por André Marques com 128, Felipe Giaffone com 118, Paulo Salustiano com 112, Roberval Andrade com 110 e Leandro Totti com 110.

Resultado das Copas

Copa 1: Monteiro, Giaffone, Marques
Copa 2: Marques, Roberval, Monteiro
Copa 3: Monteiro, Totti, Giaffone
Copa 4: Salustiano, Monteiro, Marques

Treinos Livres

Paulo Salustiano começou na liderança dos treinos livres, com um bom tempo de 2m04s885, que não foi batido na segunda sessão por Beto Monteiro, desta forma no geral Salustiano fora o melhor.

E para aquecer as coisas antes da classificação, Monteiro levou o Volkswagen para a primeira posição, obtendo 2m04s020, melhor que o companheiro Salustiano e Roberval Andrade que ficou na terceira colocação. As posições estabelecidas eram uma prova de uma classificação disputada.

Pole

Beto Monteiro imprimiu um ritmo forte no autódromo de Interlagos, obtendo a pole da Grande Final da Copa Truck. O pernambucano foi o único a andar na casa de 2m04s, o segundo colocado foi Roberval Andrade, com Paulo Salustiano na terceira posição.

Mesmo com grande chances de faturar a final, Monteiro não se conteve e não jogou com o regulamento, o piloto da Volkswagen não foi visto poupando equipamento.

Completando o grid dos dez melhores, tivemos Wellington Cirino ocupando a quarta posição, seguido por Felipe Giaffone, Renato Martins, Leandro Totti, André Marques, Debora Rodrigues e Giuliano Losacco.

Saiba como foram as corridas disputadas

A final da Copa Truck 2019 foi disputada em Interlagos e para Beto Monteiro teve o desfecho esperado.

O piloto dono do caminhão #88 da Volkswagen, confirmou o título na primeira corrida, ainda que de forma extraoficial, Beto terminou a prova na segunda posição, após liderar grande parte da prova, mas cedeu a vitória para Paulo Salustiano, que estava na disputa do vice-campeonato com André Marques.

Salustiano também venceu a segunda prova, a CBA foi acionada para fazer uma inspeção minuciosa em cinco caminhões (Beto, Salustiano, Marques, Roberval Andrade e Renato Martins), após reclamações, resultando na desclassificação de Andrade nas duas provas, por conta de irregularidades técnicas identificadas. Mesmo com as vitórias Salustiano não conseguiu ficar com o vice-campeonato, mas foi o maior pontuador da rodada.

Por outro lado, Beto Monteiro, conquistou seu primeiro título em 2004, repetiu o feito na Fórmula Truck em 2013 e teve um ótimo ano em 2019 – “Estou sem palavras para descrever tanta felicidade. A gente teve um ano fantástico e, para mim, foi um dos melhores da minha vida nas pistas” – disse.

As provas foram movimentadas por conta das outras disputas que ocorreram na pista, Pedro Paulo Fernandes foi um destaque da prova, pois proporcionou várias ultrapassagens, no entanto quando liderava a segunda corrida, enfrentou um problema com a turbina que explodiu, tirando o piloto da PP Motorsport da disputa.

Outro momento de tensão foi na frada do final da reta oposta, onde o Iveco de Felipe Giaffone quebrou, levando muita sujeira para a pista e como havia um pelotão atrás do piloto, todos (André Marques, Clodoaldo Monteiro, Luiz Carlos Zapelini, Leonardo Totti e Wellington Cirino), passaram pela brita.

Resultado das corridas

Corrida 1
1. Paulo Salustiano (Volkswagen), 11 voltas em 25min29s267
2. Beto Monteiro (Volkswagen), a 0s756
3. Leandro Totti (Mercedes-Benz), a 13s421
4. Felipe Giaffone (Iveco), a 19s012
5. André Marques (Mercedes-Benz), a 19s815
6. Renato Martins (Volkswagen), a 20s266
7. Pedro Paulo Fernandes (Mercedes-Benz), a 22s366
8. Wellington Cirino (Mercedes-Benz), a 22s686
9. Clodoaldo Monteiro (MAN), a 26s090
10. Adalberto Jardim (Ford), a 31s325
11. Luiz Carlos Zapelini (MAN), a 34s960
12. Gabriel Robe (Mercedes-Benz), a 40s854
13. José Augusto Dias (Volkswagen), a 43s859
14. Giuliano Losacco (Iveco), a 45s106
15. Regis Boessio (Volvo), a 45s633
16. Debora Rodrigues (Mercedes-Benz), a 54s389
17. Jaidson Zini (Scania), a 1min02s084
18. Djalma Pivetta (Iveco), a 1min02s486
19. Luiz Lopes (Iveco), a 1min03s211
20. Danilo Alamini (Iveco), a 1min13s536
21. Daniel Kelemen (Mercedes-Benz), a 1min19s221
22. Fabio Fogaça (Ford), a 2min03s459
23. Juca Bala (Ford), a 2min05s427
24. Evandro Camargo (Volvo), a 3 voltas

Não classificados
Duda Bana (Scania), não largou
Roberval Andrade (Mercedes-Benz), desclassificado

Melhor volta: Paulo Salustiano, 2min05s762

Corrida 2
1. Paulo Salustiano (Volkswagen), 9 voltas em 26min08s685
2. Renato Martins (Volkswagen), a 4s253
3. Beto Monteiro (Volkswagen), a 4s995
4. André Marques (Mercedes-Benz), a 6s996
5. Giuliano Losacco (Iveco), a 8s440
6. Adalberto Jardim (Ford), a 9s855
7. José Augusto Dias (Volkswagen), a 12s948
8. Jaidson Zini (Scania), a 17s517
9. Gabriel Robe (Mercedes-Benz), a 17s670
10. Fabio Fogaça (Ford), a 18s711
11. Regis Boessio (Volvo), a 19s070
12. Luiz Lopes (Iveco), a 21s320
13. Daniel Kelemen (Mercedes-Benz), a 21s355
14. Djalma Pivetta (Iveco), a 22s988
15. Juca Bala (Ford), a 32s918
16. Evandro Camargo (Volvo), a 1min02s576
17. Luiz Carlos Zapelini (MAN), a 1 volta
18. Leandro Totti (Mercedes-Benz), a 2 voltas

Não classificados
Danilo Alamini (Iveco), a 4 voltas
Clodoaldo Monteiro (MAN), a 5 voltas
Felipe Giaffone (Iveco), a 6 voltas
Wellington Cirino (Mercedes-Benz), a 6 voltas
Pedro Paulo Fernandes (Mercedes-Benz), a 6 voltas
Debora Rodrigues (Mercedes-Benz), a 8 voltas
Roberval Andrade (Mercedes-Benz), desclassificado

Melhor volta: Paulo Salustiano, 2min06s687

Classificação da Grande Final

  1. Beto Monteiro, 176
    2. André Marques, 155
    3. Paulo Salustiano, 152
    4. Felipe Giaffone, 134
    5. Leandro Totti, 128
    6. Roberval Andrade, 110
    7. Renato Martins, 30
    8. Adalberto Jardim, 20
    9. Giuliano Losacco, 17
    10. José Augusto Dias, 16
    11. Gabriel Robe, 15
    12. Pedro Paulo Fernandes, 13
    13. Wellington Cirino, 12
    14. Clodoaldo Monteiro, 11
    15. Regis Boessio, 10
    16. Luiz Carlos Zapelini, 9
    17. Jaidson Zini, 8
    18. Fabio Fogaça, 6
    19. Luiz Lopes, 4
    20. Daniel Kelemen, 3
    21. Djalma Pivetta, 2
    22. Juca Bala, 1
    23. Debora Rodrigeus, 0
    24. Danilo Alamini, 0
    25. Duda Bana, 0
    26. Evandro Camargo, 0
    27. Djalma Fogaça, 0

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou o meu interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Hoje gosto de tirar fotos e escrever textos!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.