TL2 Inglaterra – Sebastian Vettel coloca Ferrari na frente, mas é seguido de perto por pilotos da Mercedes

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

Fechando a sexta-feira (06) de treinos livres, Sebastian Vettel assumiu a liderança da sessão ao registrar 1:27:552, mas não superou a marca obtida por Lewis Hamilton no TL1.  A situação do vento havia mudado influenciando nos resultados obtidos. De qualquer forma, Hamilton seguiu o alemão de perto, sendo separado por apenas 0s187 e Bottas ocupava a terceira posição.

Raikkonen ficou em quarto, depois de disputar a primeira posição com o companheiro de equipe. Daniel Ricciardo fechou em quinto, enquanto Max Verstappen, depois de enfrentar problemas no final do TL1, bateu a traseira da sua Red Bull no início da sessão e dessa forma ficou parado nos boxes sem poder dar seguimento ao treino.

Fernando Alonso pôde evoluir e passou a ser o sexto, mas Vandoorne ficou apenas com o décimo sétimo. Hulkenberg era o sétimo, com Ocon em oitavo, seguido por Pérez e Leclerc.

Grosjean, após bater no primeiro treino livre, não pode retornar para a segunda sessão, já que a Haas não podia concluir a montagem do seu carro.

Gasly apresentou problemas no motor e precisou encostar a sua Toro Rosso ficando com a décima terceira posição.

Os pilotos escaparam algumas vezes da pista na busca pela melhor volta.

Os carros voltam a rodar em Silverstone às 7h da manhã deste sábado (07).

lll Saiba como foi o Segundo Treino Livre

O primeiro piloto levou cerca de cinco minutos para se encaminhar para a pista. Vandoorne da McLaren com os pneus médios instalados, seguido por Sirotkin da Williams que estava com os pneus duros. Foram esses pilotos que abriram os registros de tempo na sessão, Vandoorne com 1:31:622 e Sirotkin tinha 1:33:717, mas logo eles foram superados por Charles Leclerc que passava a liderar a sessão com 1:31:085, com Fernando Alonso em segundo e Kevin Magnussen em terceiro, todos utilizando os pneus médios.

Os carros da Ferrari foram os primeiros a deixar os boxes, enquanto Red Bull e Mercedes permaneciam nas suas garagens. Raikkonen se tornava o líder da sessão com 1:29:664, seguido por Sebastian Vettel que tinha 1:29:842. Leclerc seguia melhorando o seu tempo, ficando a 0s476 do primeiro colocado.

Vettel tomou a liderança da sessão ao registrar 1:28:856 e logo depois Ricciardo aferia o seu primeiro tempo ao registrar 1:29:854, enquanto Verstappen havia provocado uma bandeira vermelha na sessão, após bater a sua Red Bull entre as curvas 7 e 8, logo que perdeu a traseira do seu carro. Max havia tido problemas na primeira sessão com o seu câmbio e já havia realizado uma troca pela manhã. O holandês estava com os compostos duros instalados.

https://twitter.com/F1/status/1015224330760937472

Com a paralização as posições eram: Raikkonen, Vettel, Ricciardo, Leclerc, Ocon, Alonso, Vandoorne, Magnussen, Pérez e Gasly.

A sessão não demorou para recomeçar e, restando cinco minutos para o término da primeira meia hora, a pista foi liberada, com Ricciardo sendo o primeiro a romper o silêncio em Silverstone.

Hamilton, após fechar com o melhor primeiro setor, ficava apenas com a terceira posição, pois mesmo melhorando nos outros setores, não eram os ideais para assumir a liderança da tabela, marcando 1:29:084. Bottas ficava em quarto com 1:29:573. A Mercedes realizava a sessão utilizando compostos diferentes em seus pilotos, o inglês estava com os médios e o finlandês com os duros. 

Ricciardo lutava para conseguir ficar entre as flechas de prata e tinha 1:29:534.

A sessão seguiu evoluindo e Raikkonen trocava para os pneus macios, iniciando o seu novo stint e tinha 1:28:525. Leclerc, Ericsson e Sirotkin e Magnussen, assim como finlandês da Ferrari, haviam iniciado um novo stint.

Era possível ver os alguns pilotos escapando da pista, assim como Gasly e Raikkonen na busca de uma boa volta.

Sebastian Vettel, após melhorar no primeiro e no segundo setor, conseguia superar o companheiro de equipe ao registrar 1:27:552. Bottas, da dupla da Mercedes, era o primeiro a calçar os pneus macios e iníciar o seu novo conjunto de voltas rápidas, mas vários pilotos estavam nos boxes quando o finlandês se dirigiu para a pista. Dessa forma Bottas passava a ser o segundo colocado, ficando entre os carros da Ferrari com 1:27:909.

Sainz evoluía para a oitava posição com 1:29:563, enquanto Hulkenberg buscava uma melhora no seu tempo e logo depois subia para a décima posição com 1:29:752.

Restando 35 minutos para o término da sessão, Hamilton melhorava para 1:27:739. Gasly provocava uma bandeira amarela ao parar na curva quatro, depois do seu motor perder potência.

Fernando Alonso passava a ser o sexto com 1:29:306, saindo da oitava posição, enquanto Vandoorne se mantinha na décima sétima posição.

Restando 30 minutos para o término do TL2, os pilotos passavam a fazer as simulações de corrida. Raikkonen, enquanto era liberado para a pista, quase fora acertado por Stroll já que a Williams liberou o canadense em cima do finlandês.

Fernando Alonso já travava disputas na pista com quem encontrava na sua frente, mostrando que domingo colocaria pressão nos pilotos e que está pronto para a briga, dessa vez o espanhol queria ultrapassar Charles Leclerc. 

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele espertou em mim o interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Fiz da RBR minha casa e meu carro favorito é a Kinky Kylie.

%d blogueiros gostam disto: