Stock Car Primeira Prova no Autódromo do Velopark.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Foram duas provas espetaculares no autódromo Velopark em Nova Santa Rita. A primeira vitória foi liderada por Thiago Camilo da Ipiranga Racing, de ponta a ponta, sem ser ameaçado pelos seus adversários. Camilo venceu a sua primeira prova no autódromo e também foi a sua primeira vitória pela equipe.  A segunda colocação ficou por conta de Cacá Bueno da Cimed Racing, que teve que suportar as investidas de Ricardo Maurício na segunda metade da prova, mas teve que se contentar com a terceira colocação. O top 5 ainda contou com Daniel Serra e Marcos Gomes, companheiro de Cacá Bueno. 

Mas saber a colocação dos 10 primeiros colocados, é essencial para a segunda prova que conta com o grid invertido. Max Wilson da Eurofarma RCM ficava com a sexta posição, na frente de Rubens Barrichello da Mobil Super. Valdeno Brito fechava em oitavo com o carro da Eisenbahn Racing. Gabriel Casagrande da Volgel nono e Felipe Fraga fechava o topo 10. Fraga largava na primeira posição na próxima sessão. 

| A Corrida

Antes do início da prova, Ricardo Maurício e Max Wilson reclamavam de problemas na caixa de direção, porém a equipe conseguiu resolver o problema antes do início da sessão. Outro piloto que reclamava de problemas era Marcio Campos. O piloto informava para a equipe que tinha problemas na suspensão, mas também conseguiu participar da largada.  

Logo na volta lançada Zonta e Átila Abreu, se tocavam, logo após o caro da Eisenbahn Racing, guiado por Vitor Genz quebrava a suspensão traseira direita e perdia o controle do carro na pista.  Genz acabou ficando fora da corrida. Zonta ainda tentou levar o carro até os boxes, porém não obteve sucesso. O Safety Car acabou entrando na pista. Atila acabou parando quando faltavam 27 minutos para o termino da sessão, e a equipe começou a trabalhar nos carros para segunda prova.  

A relargada aconteceu na sexta volta, com 33 minutos restantes, e Gomes fez a ultrapassagem em Wilson para conseguir a quarta posição. Duas depois, Daniel Serra, superava o piloto da Eurofarma RCM. Wilson continuavam perdendo posições na prova. E Valdeno Brito aproveitava a oportunidade. Wilson e Valdeno acabaram duelando pela sexta posição e trocando de lugar a cada volta. Pela briga da décima posição, Fraga superava Casagrande, na 18 volta. 

A janela para a parada nos boxes era aberta na vigésima volta. E os líderes da prova faziam o reabastecimento na volta seguinte, mas Thiago Camilo conseguia manter a posição. Nas voltas seguintes os demais pilotos foram fazendo as duas paradas. Mas o que impressionou, foi a pancada de Allam Khodair com Julio Campos, que era atingido ao sair dos boxes e acabou rodando. A direção de prova punia Khodair com drive-through por atitude antes desportiva depois da relargada. O Safety Car precisou voltar para a pista na volta 26, após Bia Figueiredo acertar o Carro de Cesar Ramos, que acabou parando somente na barreira de pneus. Bia acabou recebendo uma punição, que deveria ser comprida na sessão seguinte, porém acabou ficando de fora e vai perder 15 posições no grid na etapa em Santa Cruz do Sul. 

A prova era retomada na 31ª volta, e Wilson começava a atacar Marcos Gomes. O capô do carro de Guilherme se soltava do carro, fazendo com que o piloto fosse para os boxes. E Camilo voltava a abrir vantagem sobe Cacá Bueno. Na briga final pela décima colocação, Felipe Fraga acabou levando a melhor sobe Tuka Rocha. E Camilo recebia a bandeira quadriculada. 

| Ao final da prova o resultado ficou assim:

1) 21 Thiago Camilo – a 40min57s747

2) 0 Cacá Bueno- a 1s529

3) 90 Ricardo Maurício – a 2s090

4) 29 Daniel Serra – a 2s813

5) 80 Marcos Gomes a 2s860

6) 65 Max Wilson – a 5s764

7) 111 Rubens Barrichello – a 6s963

8) 77 Valdeno Brito – a 7s707

9) 83 Gabriel Casagrande- a 8s927

10) 88 Felipe Fraga- a 9s990

11) 25 Tuka Rocha – a 10s114

12) 4 Júlio Campos- a 11s389

13) 73 Sergio Jimenez – a 11s605

14) 1 Antonio Pizzonia – a 13s449

15) 8 Rafael Suzuki – a 15s008

16) 5 Denis Navarro – a 15s734

17) 31 Marcio Campos – a 18s337

18) 9 Guga Lima – a 20s837

19) 18 Allam Khodair – a 1 volta

20) 44 Betinho Valério – a 1 volta

21) 12 Lucas Foresti – a 4 voltas

| Não completaram a prova:

22) 117 Guilherme Salas – a 9 voltas

23) 70 Diego Nunes – a 9 voltas

24) 110 Felipe Lapenna – a 10 voltas

25) 3 Bia Figueiredo – a 14 voltas

26) 30 Cesar Ramos – a 15 voltas

27) 51 Átila Abreu – a 21 voltas

28) 10 Ricardo Zonta – a 28 voltas

29) 46 Vitor Genz

30) 28 Galid Osman

Fonte: @Stock_Car

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou em mim o interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Fiz da RBR minha casa e meu carro favorito é a Kinky Kylie.

You May Also Like

One thought on “Stock Car Primeira Prova no Autódromo do Velopark.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: