Preview GP da Austrália de Fórmula 1 de 2017

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

| Antes mesmo GP da Austrália integrar o campeonato de Fórmula 1 e ser sediado no circuito de Albert Park, o mesmo já havia recebido corridas em 1953 e 1956. Adelaide foi palco da Fórmula 1 por 11 anos, mas em 1996 o campeonato foi transferido para Melbourne, e começou a ser a primeira etapa do calendário. Adelaide funcionou de 1985 até 1995, e vários momentos históricos foram protagonizados, como em 1986, faltando dezoito voltas para o final, Nigel Mansell acabou abandonando a prova, com um pneu esquerdo traseiro furado, e o título ficou com Alain Prost. Outro momento foi a manobra polêmica de Michael Schumacher, que disputava o título com Damon Hill, provocando um acidente, e batendo o carro no muro para tirar da prova o seu adversário, ganhando assim o campeonato.

| O circuito de Albert Park, é realizado na rua, ao redor do lago que tem o mesmo nome, no centro comercial de Melbourne e também da capital cultural do país. O asfalto da região foi reconstruindo para garantir a suavidade e o local é usado diariamente para trafego dos moradores. Uma prova realizada em um circuito médio mais extremamente rápido, com uma sucessão de curvas. Para os jogadores de Fórmula 1, é a pista que mais fica marcada na nossa memória, pois é geralmente nela que aprendemos os macetes do jogo. Não possui muitas retas e nem uma área extensa para o uso do DRS, dificultando na hora de fazer ultrapassagens, as freadas são fortes e escorregadias, acarretando um número alto de abandonos na prova.

Vejam também

+ Números, Estatísticas – GP da Austrália de 2016
+ GP da Austrália – Onde as coisas mais incríveis acontecem, ou não
+ Pirelli anuncia os compostos obrigatórios para os GPs da Austrália e China de 2017
+ Preview Pirelli GP da Austrália de Fórmula 1 – 2017

| A etapa de 2016 foi marcada pelo incrível acidente sofrido pelo espanhol Fernando Alonso que ao se chocar com o mexicano Estaban Gutierrez viu a terra girar em um sentido não muito astronômico da coisa, enquanto o mexicano se preocupava em socorrer piloto da McLaren, o seu companheiro fazia história com a estreante Haas ao leva-la a sexta colocação, algo empolgante, como o desempenho das Ferraris no inicio da prova, como dito, apenas no início da prova, pois por com um erro de estrategia da equipe italiana a dobradinha foi dada aos pilotos da equipe Mercedes. Quem também empolgou a torcida brasileira foi Felipe Massa que chegou a frete do companheiro, hoje segundo piloto da Mercedes.

| A etapa de domingo também marca a estréia dos jovens pilotos da Willams, o canadense Lance Stroll e do belga da McLaren Stoffel Vandoorne.

Fonte: @F1naGlobo
Fonte: @F1

 

Fonte: @Wikipedia

http://boletimdopaddock.com.br/numeros-estatisticas-e-grid-girls-gp-da-australia-de-2016/210

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele espertou em mim o interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Fiz da RBR minha casa e meu carro favorito é a Kinky Kylie.

%d blogueiros gostam disto: