Números e Estatísticas do GP da Austrália de Fórmula 1 de 2017: Vettel ganha na Austrália

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Foram 28 GPs sem que Vettel e a Ferrari vencessem. Mercedes leva Hamilton e Bottas ao pódio.

Fonte: @f1rtp

Sebastian Vettel e a Ferrari venceram pela 1ª vez na Fórmula 1 desde o GP de Singapura de 2015 para assumirem o que na pré-temporada tinha ficado prometido. Esta temporada vai ser disputado e a escuderia italiana vai lutar com a Mercedes que é a tricampeã em título.

Fonte: @f1rtp

Foi Hamilton que liderou as primeiras voltas, a partir da pole. Mas o momento decisivo do GP aconteceu quando o inglês fez o pit stop na volta 17 para mudar de pneus. Foi uma entrada mais cedo do que previsto apenas por 1 volta, com o inconveniente de no regresso Hamilton ter encontrado muito tráfego em pista. Fica claro que a equipe campeã terá de encontrar uma forma de obter um acerto competitivo para o carro mas não tão desgastante para os pneus, de modo a ter uma maior flexibilidade de estratégia. Na Austrália, não teve.

Fonte: @f1rtp

Ao chegar à trás do RB13 de Max Verstappen, Hamilton não conseguiu mais progredir. Com isso, Vettel dominador com os ultramacios, foi construindo uma vantagem no comando que tinha herdado. 
Cinco voltas depois, quando fez a sua parada para a mudança de pneus, o alemão voltou a sair na frente de Max e de Lewis. Com um ritmo consistente, não cedeu mais até final. 

Fonte: @f1rtp

A Mercedes teve de se contentar com o segundo e terceiro lugares. Hamilton e Bottas subiram ao pódio, com o finlandês a fazer uma corrida limpa na sua estreia pela escuderia alemã. Quando Verstappen saiu da frente de Hamilton, este tinha já perdido a posição de pista e tinha pneus mais velhos que os de Vettel. Limitou-se a gerir a sua corrida numa vantagem fixada em pouco mais de 2 segundos sobre Bottas. Kimi Räikkönen fez GP solitário, de início a fim no 4º lugar. 

Fonte: @f1rtp

Verstappen foi o único Red Bull a disputar posições na frente e realizou também uma corrida tranquila, a fechar em um respeitável 5º lugar. Daniel Ricciardo teve domingo para esquecer em casa. Já afetado por uma troca de cambio, viu-se a braços com problemas na saída para a formação do grid. Retomou a corrida com duas voltas de atraso, mas o motor Renault cedeu ainda cedo na prova.

Fonte: @f1rtp

Felipe Massa fez uma corrida tranquila. O veterano brasileiro assumiu a Williams como 4ª escuderia neste início de época, atrás de Ferrari, Mercedes e Red Bull. Massa foi 6º, beneficiando também do abandono prematuro de Romain Grosjean no Haas. A Force India e Toro Rosso ocuparam os pontos finais, Sergio Pérez foi 7º, Carlos Sainz Jr. e Daniil Kvyat ficaram a seguir e o novo recruta da Force India Esteban Ocon foi 10º.

Fonte: @f1rtp

Fernando Alonso andou na cola dos pontos, precisamente 10º, até quase ao final. Mas um problema  de suspensão no final levou-o a ceder primeiro em pista e depois abandonando no box da McLaren-Honda.

Nico Hülkenberg com a estreia pela Renault não chegou aos pontos, Antonio Giovinazzi, fez um extraordinário e firme GP de estreia (ele que substituiu Pascal Wherlein na Sauber, por motivos de impossibilidade física deste), terminando em 12º.

| CLASSIFICAÇÃO FINAL GP AUSTRÁLIA

Fonte: @F1

Como referido, Sebastian Vettel e a Ferrari estão pela primeira vez na frente do mundial desde GP do Japão de 2012. A Mercedes desde 2013 que tinha estado sempre no comando do mundial. Nos pilotos Sebastian Vettel arranca com 25 pontos. Lewis Hamilton 18, Valtteri Bottas 15, Kimi Raikkonen 12, Max Verstappen 10, Felipe Massa 8, Sergio Perez 6, 8 Carlos Sainz 4, Daniil Kvyat 2 e Esteban Ocon 1. Nas escuderias a Ferrari tem 37 pontos, a Mercedes 33, Red Bull 10, Williams 8, Force India 7 e Toro Rosso 6. Próxima rodada no dia 9 de Abril, em Shanghai, o GP da China.

Fonte: @f1rtp

| ESTATÍSTICAS GP AUSTRÁLIA

| VITÓRIA

Fonte: @f1rtp

* Sebastian Vettel e a Ferrari não venciam há 28 GPs. A última vitória foi no GP de Singapura de 2015;
* A Ferrari não vencia na abertura de temporada desde o GP do Bahrain de 2010;
* Sebastina Vettel – 43ª vitória de carreira (2ª na Austrália, tinha vencido em 2011 com a Red Bull);
* Ferrari – 225ª vitória na FÓRMULA 1, 8ª na Austrália;
* Motores Ferrari – 226ª vitória na FÓRMULA 1;
* Alemanha – 169ª vitória na FÓRMULA 1;
* Carro # 5 – 134ª vitória na FÓRMULA 1;
VITORIAS 2017 – Vettel 1; Ferrari 1;

| VOLTAS MAIS RÁPIDAS

Fonte: @f1rtp

* Kimi Raikkonen – 44ª Volta Mais Rápida, primeira desde Hungria 2016. É a 5ª volta mais rápida de corrida que faz em Melbourne;
* Ferrari: 238ª volta mais rápida de corrida da história;
* Motores Ferrari: 242ª Volta rápida de Corrida;
VOLTAS MAIS RÁPIDAS 2017: Raikkonen 1; Ferrari 1;

10 voltas mais Rápidas do GP da Austrália:
Kimi RAIKKONEN Ferrari 1’26”538;
Valtteri BOTTAS Mercedes 1’26”593;
Sebastian VETTEL Ferrari 1’26”638;
Daniil KVYAT Toro Rosso 1’26”711;
Max VERSTAPPEN Red Bull 1’26”964;
Lewis HAMILTON Mercedes 1’27”033;
Kevin MAGNUSSEN Haas 1’27”568;
Carlos SAINZ Toro Rosso 1’27”677;
Felipe MASSA Williams 1’28”045;
Sergio PEREZ Force India 1’28”336.

| PÓDIOS

Fonte: @f1rtp

* Sebastian Vettel – 87º pódio da carreira. Foi P1 pela 43ªvez;
* Lewis Hamilton – 105º pódio de carreira (o 3º piloto do mundo com mais de 100 pódios, atrás de Alain Prost com 106 e Michael Schumacher 155). Foi P2 pela 29ª vez (= Barrichello);
* Valtteri Bottas – 10º pódio de carreira (= Trintignant, Brooks e Grosjean). Foi P3 pela 8ª vez (= Phil Hill, Surtees, Amon, Fittipaldi, Johansson, Montoya e Grosjean);
* Ferrari – 708º pódio da história;
* Mercedes – 129º e 130º pódios da história (é a 6ª escuderia com mais pódios de sempre no ranking. Está a 5 pódios da Red Bull);
* Alemanha faz os seus 381º pódio;
* Grã-Bretanha faz o 636º pódio de sempre;
* Finlândia fez o seu 169º pódio (10º de Bottas);
PÓDIOS DE 2017: Vettel 1, Hamilton 1, Bottas 1; Mercedes 2, Ferrari 1;

| PIT STOPS

Fonte: @f1rtp

* GP da Austrália – 20 Pit Stops
* MELHORES PIT STOPS em Melbourne

Fonte: @f1rtp

* Vitórias em PIT STOPS 2017: Massa (Williams) 1;
* TOTAL DE PITSTOPS DE 2017 = 20
   Pit Stops -> AUS 20

| VOLTAS NO COMANDO

Fonte: @f1rtp

* Lewis Hamilton tornou-se o 2º piloto da história a passar a marca das 3000 voltas na frente de GPs (o outro foi Michael Schumacher);
* Em Melbourne tivemos 4 lideres. Vettel 38 voltas, Hamilton 16 voltas, Bottas 2 voltas, Raikkonen 1 volta. Por equipas isso significa Ferrari 39, Mercedes 18 voltas;

| ABANDONOS

Fonte: @f1rtp

* Tivemos 7 abandonos no GP, um deles o de Daniel Ricciardo que tinha sido o único piloto em 2016 que não tinha abandonado. O último abandono de Ricciardo tinha ocorrido no GP da Rússia de 2015.* Em 2017 Total de 7 abandonos (0 por acidente/despiste; 7 por motivos mecânicos). Em 2016 tinham existido 85 abandonos, 30 por acidente/despiste; 55 por motivos mecânicos)

| FACTOS ESTATÍSTICOS

Fonte: @f1rtp

* Ferrari terminou o maior jejum da equipe desde a seca de triunfos entre 1991 e 199;
* Daniel Ricciardo interrompeu 17 GPs consecutivos nos pontos. Fica como Top 11 na história da FÓRMULA 1;
* McLaren está sem vencer há 79 GPs (desde GP da Brasil de 2012 com Button). É agora o seu maior registo sem vitórias. O anterior datava das temporadas de 1993 a 1997;
* 59 GPs consecutivos sem a McLaren no pódio;
* 79º GP sem a McLaren na pole position, a maior ausência desde 1994-1997;
* A Williams não vence desde o GP de Espanha de 2012 (Maldonado), há 95 GPs;
* Sequência Ativa… Vettel, Hamilton, Rosberg, Ricciardo e Verstappen venceram 74 GPs. Bate um recorde de 5 pilotos vencedores a vencer 60 GPs (Vettel, Hamilton, Rosberg, Alonso e Ricciardo, entre os GPs do Mónaco 2013 e Rússia 2016. O outro registo para 5 pilotos vencedores é de 54 GPs, com Piquet, Senna, Prost, Mansell e Berger entre GP do Brasil 1986 e EUA 1989.

Fonte: @f1rtp

GRID GIRLS GP AUSTRALIA (link externo via motorsport magazin).

Fonte @F1
Fonte @F1
Fonte @F1
Fonte @F1

Fonte: Vettel ganha na Austrália por Jorge Alexandre Lopes | 26 Mar, 2017, 08:47 | atualizado em 26 Mar, 2017, 13:30 | Fórmula1

Rubens

rubensGPnetto, sempre foi um apaixonado pela F1, em especial pela Mclaren, esta por paixão e pela Ferrari por criação, melhor temporada foi a 2008, admira e muito o Emerson Fittipaldi e tem como o carro dos sonhos o Mclaren MP4/4 e sonha em pilotar um dia em Spa.

You May Also Like

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: