Dia 27 de 365 dias dos mais importantes da história do Automobilismo – 17 de Junho de 2007, GP dos Estados Unidos 2007 – A dobradinha entre McLaren e Ferrari

2 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 2 Filament.io 2 Flares ×

| Indianápolis, 17 de Junho, de 2007

Há exatamente 10 anos atrás, o automobilismo novamente marcou presença em território americano. O palco deste evento foi o importantíssimo circuito Indianapolis Motor Speedway que em suas fantásticas voltas ovais é o grande espetáculo da IndyCar nas “500 Milhas de Indianápolis”. Este gigantesco circuito, por ser misto também já realizou outros grandes eventos, incluindo o MotoGP.

Fonte: f1fanatic.co.uk

Para o Grande Prêmio dos Estados Unidos, o circuito contou com o percurso de 4.192 km (2.604 mi) e 73 voltas, num total de 306.016 km (190.150 mi).

| A Corrida

A pole liderada por Lewis Hamilton (1:12.331), seguido por Fernando Alonso (1:12.500), ambos abrindo a primeira fila. Na segunda fila, contamos com a terceira posição de Felipe Massa (1:12.703) e a quarta de Kimi Raikkonen (1:12.839).

Na largada, Hamilton, Alonso, Massa, conseguiram manter suas posições e apenas Raikkonen, acabou perdendo sua quarta posição para Nick Heidfeld piloto da Sauber BMW. Enquanto isso, Ralf Schumacher, David Coulthard e Rubens Barrichello abandonaram a prova ao se colidirem logo na primeira volta. Ao completar a primeira volta, o italiano Giancarlo Fisichella se perde no traçado e sozinho roda sua Renault, indo em seguida para os boxes.

É importante ressaltar que essa corrida foi a primeira, do “queridinho” da Ferrari, Sebastian Vettel. Já que o piloto Robert Kubica esteve ausente devido problemas no GP do Canadá.

O jovem Sebastian logo na largada, teve que mostrar serviço ao encarar a grama e sair ileso da colisão entre seu parceiro Ralf Schumacher e os demais pilotos.

Na época, estreando pela equipe Sauber BMW teve a oportunidade de mostrar o motivo pelo que não veio para fazer pose e tornou-se o mais jovem piloto da categoria a contabilizar pontos.

No decorrer houveram diversos confrontos diretos por ultrapassagens, onde J. Button e G. Fisichella, também trocaram roncos de motor. Mas no final, o piloto italiano se deu melhor para cima dos motores Honda do adversário.

Na volta 60, Takuma Sato vem com força pressionando algumas ultrapassagens e acabou rodando sozinho e atolando os pneus na areia, abandonando a prova pela equipe Super Aguri Honda.

As disputas entre a primeira e segunda posição entre os pilotos Hamilton e Alonso estava começando a esquentar pela equipe McLaren, enquanto isso Massa tentava se aproximar e manter entre os três primeiros, esperando que algo errado pudesse acontecer na disputa entre os dois.

Na volta 54, Raikkonen começou a tomar iniciativa para sair da sexta posição. Na sua primeira ação, foi para cima do compatriota finlandês Heikki Kovalainen que tentava manter firme e sua Renault na pista. E, quando o mar não está para peixe, nos bastidores, um dos fiscais na lateral da pista deixou uma bandeira azul cair no meio da pista. Assim, obrigando a entrada do Safety Car para evitar maiores acidentes.

Entre as voltas 53 e 52, Heidfeld se confunde e perde o traçado na ida para os boxes, perdendo diversas posições.

Já Hamilton, ao entrar nos boxes para troca de pneus e reabastecimento, deixa Fernando Alonso assumir a primeira posição. Logo em seguida, Alonso também entra nos boxes e faz sua parada em 7.6 segundos, perdendo a pole.

Felipe Massa, aproveita o Safety Car e faz sua parada em 8.7 segundos. E lá vai Hamilton, que assume novamente a primeira posição, garantindo uma eletrizante corrida e disputa entre ele e Alonso com direito “Roda com Roda”.

Em seguida, na volta 33, Nico Rosberg faz a sua primeira parada e acabada tendo problema com a sua equipe ao retirar a mangueira da bomba de combustível e perde 13.1 segundos, causando também a perda do quarto lugar e retornando a pista em décimo.

Após este ocorrido, Lewis Hamilton continuou a deslanchar na pista abrindo vantagem acima de Fernando Alonso. A verdadeira prova disto, é que mesmo o Alonso assumindo o primeiro lugar, não conseguiu retornar à frente e roubar pole.

As Ferraris, continuaram a assumir a terceira e quarta posição. E, a briga entre Raikkonen e Felipe Massa pega pressão e muita tensão. O brasileiro estava à frente, algo totalmente indiferente para o finlandês que estava atacando muito e pressionando bastante o piloto brasileiro. Mas Massa conseguiu resistir e se manteve na terceira posição, conseguindo marcar presença no pódio.

Faltando quatro voltas para o final da prova, o motor da Williams pega fogo e Nico Rosberg deixa a pista muitíssimo irritado.

Fonte: dailymotion.com

E assim, não há mais tempo para fazer nada. A bandeira quadriculada é certa para Lewis Hamilton. Garantindo assim, a segunda vitória consecutiva na temporada 2007.

Com esse resultado, o inglês chegou a 58 pontos e amplia para dez de vantagem sobre o seu companheiro de equipe Fernando Alonso no campeonato. Felipe Massa, com os seis conquistados, chega a 39 e se afasta cada vez mais da liderança.

Fonte: gps.gpexpert.com.br
Fonte: portalbrasil.net


Fonte: gps.gpexpert.com.br

| Bastidores

Após a corrida, Hamilton comentou emocionado: “Que sonho! Chegar a dois circuitos na América do Norte, onde nunca tinha pilotado, e ter vencido ambas é fantástico. O pessoal na fábrica tem feito um trabalho fantástico para desenvolver o carro. E o pessoal que está aqui também, ao delinear a estratégia. É uma equipe perfeita e eu estou satisfeito por colocar a cereja no topo do bolo. ”

Curiosidades

| Problemas nos carros

Nick Heidfeld – Transmissão

Takuma Sato – Rodando

David Coulthard – Batida

Rubens Barrichello – Batida

Ralf Schumacher – Batida

| Informações Extras

  • 775º GP
  • 2ª Vitória para Lewis Hamilton
  • 1º Grande Prêmio para Sebastian Vettel
  • 152ª Vitória para McLaren
  • 57ª Vitória para Mercedes como construtor de motor
  • 750º Grande Prêmio para Ferrari como construtor de motor
  • 73 voltas x 4.192 KM – 306.016 KM
  • Pole Position: Lewis Hamilton
  • Volta mais rápida: Kimi Raikkonen, 01:13.117

Siga-me no Twitter!!!

Erik Araújo

Escreve* também lá no #Medium. Torce pro #MCFC e #SEP. Joga palpites sobre #F1. E, está sempre no #Twitter. Links: [MEDIUM] http://medium.com/@ondeerik [TWITTER] http://twitter.com/ondeerik

You May Also Like

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: