BÉLGICA – HAMILTON É UMA FLECHA DE PRATA

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

| Débora Santos Almeida – publicado em 29/08/2016 às 18:59

Finalmente as férias da Fórmula 1 acabaram e de quebra já começamos com uma corrida muito esperada do calendário.  

Sabemos que as flechas de prata não vem encontrando tantos obstáculos pela frente e o grande risco da equipe são as disputas entre seus próprios pilotos. Hamilton ainda merece destaque na corrida, pois largou do 21° lugar, já que fez diversas trocas de peças no motor, Spa também envolve uma questão de sorte, ainda mais pra ele que estava largando do final, pois qualquer erro cometido por outros pilotos na sua frente fica mais difícil de desviar quando o pelotão ainda está reunido, também soube aproveitar a bandeira vermelha em consequência ao acidente de Kevin Magnussen, para fazer a troca dos seus compostos pois ainda não havia parado. Hamilton é um piloto que sabe aproveitar as oportunidades e nessa corrida ele soube mostrar isso, mesmo com Nico Rosberg chegando em primeiro lugar e mesmo conseguindo reduzir a diferença deles para 9 pontos, nós sabemos que quando Hamilton está focado ele consegue conquistar o seu objetivo e acredito que agora nessa reta final de temporada ele vai se manter na frente do seu companheiro de equipe. Nico fez uma corrida limpa e não encontrou dificuldades, as disputas estavam acontecendo muito atrás dos seus retrovisores.  

Ricciardo foi esperto em aproveitar a confusão em que o seu companheiro de equipe se envolveu com a dupla da Ferrari e saltou de 5° para 2° lugar. Max Verstappen é aquele talento precoce que é sempre notado durante as corridas, mesmo que não seja de uma forma positiva, isso gera sempre discussões acaloradas entre os admiradores da Fórmula 1, concordando ou não com as suas atitudes na pista. Depois de se envolver em um incidente com a dupla da Ferrari, Max mostrou que não sabe levar ”desaforo” para casa, e depois ao reencontrar Raikkonen e Vettel, deu muito trabalho para a equipe, não deixando ser ultrapassado facilmente e no fim depois de todo esse jogo e balanço na pista acabou chegando em 11° lugar. Max encara essa forma arrojada dele guiar como incidentes de corrida, ele falou que estava apenas defendendo a sua posição, outras pessoas encaram essa forma como inexperiência pela falta de idade, mas eu acredito que ele só vai aprender cometendo erros, mesmo que isso acabe custando sua corrida, Max está sempre se colocando em prova e querendo mostrar que tem potencial de qualquer forma, só espero que não siga os caminhos do Maldonado. 

Vettel foi afetado durante essa corrida, talvez por ter sido otimista demais, quando estava fazendo o contorno da curva La Source e colidiu com o seu companheiro e acabou rodando e ficando na pista, fez uma boa corrida de recuperação, mas acabou chegando apenas em 6° lugar. Kimi além de enfrentar Max na pista acabou com um pneu furado e teve que fazer mais uma parada e se recuperar para chegar até a zona de pontuação, esperamos que o desemprenho da Ferrari melhore agora nessa segunda etapa e que continue havendo essa disputa pelo segundo lugar no campeonato de construtores.  

Felipe Massa que conseguiu até dar um salto de 10° lugar para 5° durante a largada acabou a corrida apenas em 10° lugar, fazendo sua parada antes da bandeira vermelha, acabou por ficar no pelotão intermediário, também não conseguiu administrar o desgaste dos pneus e no final da corrida ficou ser ter mais condições de disputar uma posição melhor. Bottas acabou a corrida em 8° lugar, acabaram sendo superados pelos carros da Force India e a equipe sendo ultrapassada no campeonato de construtores perdendo o 4° lugar  a Williams parece não apresentara melhoras para o resto desse ano, estão sofrendo com o aumento da pressão dos pneus, mesmo que nessas condições o carro ganhe mais velocidade as paredes do pneu acabam se deformando e em pistas onde a Velocidade é predominante como o traçado da pista Belga, as explosões dos pneus podem acontecer do mesmo jeito, já os carros da Force India souberam administrar os seus compostos muito bem e algumas vezes ficavam a um segundo na frente deles, superando eles em pista e no campeonato. 

Alonso que largou em último conquistou muitas posições e se benefício por não ter parado antes da batida de Magnussen, chegou a se tocar com Hulkenberg nos box, mas por falta de timing da equipe, foi superado em pista pelos carros da Force India e a Ferrari de Vettel, mas se o espanhol tivesse um carro a sua altura estaria dando uma baita dor de cabeça para as flechas de prata. 

Nós vemos na próxima corrida, com macarronada da Mama.

Pixar-font-b-Cars-b-font-2-font-b-F1-b-font-Francesco-Bernoulli-MoM-1

Bacio

Debora Almeida

Meus olhos brilharam quando eu vi o estilo de pilotagem do Vettel ele despertou em mim o interesse pelo esporte e cada vez mais eu queria entender sobre o assunto. Fiz da RBR minha casa e meu carro favorito é a Kinky Kylie.

You May Also Like

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: